The Simpsons Composer Alf Clausen

Lior Phillips stops by Moe’s Tavern to talk to the man behind the music. Consequence – April 8, 2017

Thirty-five years ago this month, America’s favorite animated family made its debut as part of The Tracey Ullman Show. Lior Phillips speaks to longtime songwriter Alf Clausen, who is arguably the oldest member of the Simpson family, having been there from the start.

Clausen was born in MinneapolisMinnesota, and raised in Jamestown, North Dakota. Clausen was interested in music from a young age. He counts composer Henry Mancini as one of his heroes; his book Sounds and Scores inspired him. He began playing the French horn in the seventh grade and also learned piano; and he sang in his high school choir. He continued playing and learned to play the bass guitar, stopping singing because the choir met at the same time as the band. Wikipedia, the free encyclopedia

He studied mechanical engineering at North Dakota State University although, after being inspired by his pianist cousin, switched his major to musical theory. Whilst there, Clausen took a correspondence course at Boston‘s Berklee College of Music in jazz and big band writing.

You may not know the name, but he’s been one of the most influential and talented musicians you’ve heard for most of his life. For more than two and a half decades, Alf Clausen has been in his living room, the roots of his music entwining the joy receptors in his brain for half an hour at a time, which seemingly covered every genre from Latin jazz to jazz music. Broadway and wrote songs you know by heart, songs that can bring a smile to your face year after year.

He was also featured on The Simpsons albums and worked with Jackson Browne, David Byrne, The B-52s and U2. I’ve got two Emmys. One for “I’m Checkin’ In” and the other one where Homer wants the house of ill repute torn down, and Bart is working there and wants to keep it….

Alf Clausen has composed the music for every episode of The Simpsons over the past 27 years. He’s the man behind endlessly entertaining hooks like “We Put the Spring in Springfield” and “You’re Checkin’ In” (both of which won him Emmys). He is the never-before-seen but always-felt main character, alongside the intrepid Simpson family, the mastermind behind the nearly 30 musical cues in each episode.

Alf Clausen participa do 2016 ASCAP Screen Music Awards no The Beverly Hilton Hotel em 24 de março de 2016 em Beverly Hills, Califórnia.Paul Archuleta/FilmMagic

Alf Clausen is an American film and television composer. He is best known for his work scoring many episodes of The Simpsons, for which he was the sole composer between 1990 and 2017. Clausen has scored or orchestrated music for more than 30 films and television shows, including MoonlightingThe Naked GunALF and Ferris Bueller’s Day Off. Clausen received an Honorary Doctorate of Music from Berklee College of Music in 1996. Darryl HintonWikitrusted. 17 de julho de 2021

The longtime Simpsons composer sued his dismissal from the long-running series, saying he was discriminated against because of his age and a perceived disability. Associated PressBillboard. 08/6/2019

The lawsuit filed by Alf Clausen in Los Angeles Superior Court on Monday (August 5) for age discrimination, wrongful termination and retaliation comes nearly two years after Clausen says he was fired from writing and conducting all of The Simpsons.

Palavras Perdidas: AS PREVISÕES DE NOSTRADAMUS PARA 2021 e DOS SIMPSONS PARA 2022!, Simpsons Turn Down For What, The Pink Sedan (Simpson’s Family Sedan), Puta fã!?!

Doctors Share X-Ray Pictures That Gave Them Second Thoughts

X-rays may be used to identify weapons used in some crimes perpetrated against individuals. Elizabeth GrilloParent Influence

The man’s head was littered with nails after someone had used a nail gun. The X-ray is fascinating to look at, even if it was a painful way to die.

Jingling keys in front of newborns is a common practice for parents hoping to distract their children and prevent them from screaming while they’re out in public. Those keys made it into the skull of a 17-month-old infant via his eye socket and into his skull.

Unlike humans, a snake is unlikely to be able to follow your instructions if you tell it what to do, this snake not only discovered an electric blanket, but went on to consume it entirely. When the snake was taken to the vet for an X-ray, it was 12 feet long and belonged to a person in Idaho.

O adolescente australiano Shafique el-Fakhri teve seu olho perfurado depois de ser atacado com uma cadeira em uma casa noturna. Depois de uma cirurgia complicada, o objeto foi retirado e o olho do jovem, salvo. O rapaz ficou um mês internado e, quando recebeu alta, já tinha recuperado 95% da visão.

Palavras Perdidas: 8 alimentos entre os mais ricos em vitamina D, Photoshop CC 2018 e Maquete Eletrônica 3Ds Max 2018 e Vray: Free, Eles Vivem, Dupla helice

James Cameron afirma que a Skynet destruiria a humanidade apenas com deepfakes 1.2

James Cameron é apenas o diretor de dois dos filmes que mais faturaram na história: Avatar, de 2009, rendeu US$ 2,85 bilhões e ocupa o primeiro lugar no ranking. Titanic vem em terceiro, atrás apenas de Vingadores: Ultimato, lucrando US$ 2,19 bilhões de dólares. Pablo Nogueira – Hardware.com.br

No entanto, há outro filme de James Cameron, da década de 1980, que revolucionou a indústria: O Exterminador do Futuro. Em 1991, Cameron dirigiu a sequência do filme, considerada melhor que a obra anterior.

No filme, o protagonista é um cyborg conhecido como exterminador, interpretado por Arnold Schwarzenegger, que viaja no tempo para evitar o surgimento da Skynet, um sistema de inteligência artificial que causa um holocausto nuclear em 2029.

Assim nasceu a Skynet e sua revolução, uma mente artificial capaz de colocar toda a humanidade em xeque e levar os seres vivos à quase extinção. Cameron, que escreveu o roteiro do filme sob efeito de drogas, agora confirma em entrevista à BBC que, se a Skynet existisse, ele usaria uma arma diferente das nucleares para acabar com tudo. Uma arma? Um vírus? Não! Os deepfakes. Gabriel Martins – trecobox

Aliás, ao iniciar a entrevista, Cameron cita o problema de que todas as tecnologias que nós criamos, aparentemente, em algum momento, “dão errado”.

Avatar, de 2009, revolucionou a indústria cinematográfica com os seus avanços em efeitos especiais e capturas de movimento.

Destacando o avanço dos efeitos visuais em imagens e filmes, o cineasta afirma que, conforme aprimoramos essas ferramentas, “criamos recursos para mídias falsas”.

No entanto, segundo ele com a velocidade de informação de notícias, pode haver um incidente preocupante antes de descobrirmos que a mídia é falsa.

Deepfake com o rosto do ator Tom Cruise em outra pessoa.

“Já vimos diversas situações — a Primavera Árabe é um clássico exemplo — em que as revoltas foram praticamente instantâneas graças às mídias sociais”.

Ao admitir seu ceticismo em relação à inteligência artificial e o temor pelos deepfakes, James Cameron comenta sobre o fato de que toda tecnologia já criada foi utilizada como armamento.

“Eu digo isso aos cientistas de inteligência artificial o tempo inteiro, mas eles afirmam ter o controle da situação: ‘Só basta a gente garantir que as IAs sirvam para um propósito correto’…”

“Se a Skynet quisesse acabar com o mundo e exterminar todos nós, seria algo similar ao que está rolando atualmente. A Skynet não precisaria acabar com toda a biosfera e o meio ambiente com armas nucleares. Aliás, seria bem mais fácil e demandaria menos energia, pois a Skynet iria apenas fazer com que as nossas mentes ficassem umas contra as outras”.

Portanto, o premiado cineasta afirma que precisamos ter um pensamento crítico maior, ressaltando que temos milhares de ferramentas de pesquisas disponíveis, mas as pessoas não as utilizam para verificar a verdade.

Ao finalizar a entrevista, James Cameron faz uma brincadeira: “Eu mesmo poderia ser um deepfake neste exato momento”.

Arnold Schwarzenegger parece muito feliz em ver o progresso da tecnologia TerminatorCosmoBroadCasting.com

“Quase tudo o que criamos parece dar errado em algum momento. Estamos trabalhando em efeitos digitais de ponta, e nosso objetivo tem sido torná-los cada vez mais fotorrealistas. E cada vez que os otimizamos, estamos essencialmente construindo uma caixa de ferramentas para criar elementos falsos.”

“Os responsáveis ​​sempre dizem que não, que está tudo sob controle, e que com essas inteligências artificiais sempre usam alvos adequados. Mas quem decide quais são esses alvos? Quem financia a pesquisa, que são grandes corporações ou o Ministério da Defesa. significa que eles vão ensinar essas novas entidades sencientes a serem gananciosas ou assassinas. Se a Skynet quisesse assumir o controle e nos eliminar, acho que seria como se já estivesse acontecendo. Não teria que aniquilar toda a biosfera e o meio ambiente.com armas nucleares para alcançá-lo. Seria muito mais fácil e exigiria menos energia voltar nossas mentes contra nós mesmos. Tudo o que a Skynet teria que fazer é falsificar algumas pessoas, colocá-las umas contra as outras, instigá-las e apenas executar essa falsificação gigante na humanidade.”

CHIAR – IMGUR. 29/12/2017

Compartilhe isso: Comida de tubarão, O Exterminador do Futuro: Gênesis, Starlink Musk Skynet, A evolução dos robôs.

Previus version: James Cameron afirma que a Skynet destruiria a humanidade apenas com deepfakes, Você Consegue Sobreviver ao BASILISCO de ROKO?, MANO… QUE REVELAÇÃO INQUIETANTE!

The Hypercar No-one Believed Existed – Devel 16

The Hypercar No-one Believed Existed | Devel 16

It’s finally here! The long-awaited hypercar that you didn’t think existed, the Devel Sixteen. This first production car has a custom made v8, with room for the full V16 in the next production car. Alex takes you through the progress made since we last saw this car four years ago… The interior, the coolest features and a drive on the Dubai Autodrome track. Keep an eye on the channel as well be the first ones to cover the first V16 produced!

For more on the Devel Sixteen check out their channels below: https://www.instagram.com/devel_sixteen https://www.develmotors.com https://youtu.be/hfwY5EskBPg

Others previous: Devel Sixteen, reaparece!?! 1.2, Lamborghini Countach LPI800-4, FUSCA GIGANTE COM MECÂNICA V8 NA DIANTEIRA – MOSTRE PARA SEUS AMIGOS

O “Menino de Nagasaki”, uma das fotos mais impactantes da história

A foto do “Menino de Nagasaki”, carregando seu irmão morto nas costas após o lançamento das bombas sobre as cidades de Hiroshima e Nagasaki, em 9 de agosto de 1945, é uma das imagens mais chocantes e reveladoras dos horrores após o fim da Segunda Guerra Mundial. iphotochannel

A foto foi tirada pelo fotógrafo americano Joe O’Donnell e mostra um menino, com de 9 anos de idade, esperando sua vez para fazer a cremação de seu irmão morto, de 5 anos, que carregava nas costas. Segundo o fotógrafo, o menino mordia tão forte os lábios para não chorar que chegou a sair sangue da sua boca. A história dos dois irmãos foi contada também no filme de animação Hotaru no Haka (título em Japonês), lançado em 1988, e disponível no Brasil com o nome “Túmulo dos Vagalumes”. Veja o filme na íntegra gratuitamente no final do post.

A história por trás da foto "Menino de Nagasaki",  que carregava seu irmão morto nas costas
Joe O’Donnell

O fotógrafo chegou a Nagasaki meses após a explosão para registrar as consequências devastadoras das bombas atômicas sobre a população japonesa. “Vi esse menino caminhando, ele tinha mais ou menos uns 10 anos de idade. Me dei conta de que levava um menino sobre seus ombros. Naqueles dias, era uma cena bastante comum de se ver no Japão: sempre víamos crianças brincando com seus irmãos e irmãs, carregando-os sobre seus ombros, mas depois percebi que no caso desse menino era uma situação muito diferente. Ele não usava sapatos. Seu rosto estava tenso. A cabecinha do menino que estava nas suas costas estava inclinada para trás, como se fosse um bebê dormindo profundamente. Em certo momento, o menino parou diante de dois homens com máscaras brancas e ficou lá por cinco ou dez minutos“.

Outro aspecto impressionante da foto é a postura do menino. Ele ficou ali parado, aguardando sua vez para fazer a cremação do seu irmão, com o corpo ereto, com as mãos espalmadas juntas às coxas e os braços ligeiramente curvos, típica postura de soldados militares, que mostra a influência da guerra sobre a população civil, inclusive nas crianças.

Os dois homens com as máscaras brancas eram os encarregados de incinerar numa pira os corpos das vítimas que haviam morrido por causa das consequências das bombas atômicas. Porém, até ali o fotógrafo não tinha percebido que o menino nas costas estava morto.

“Os homens de máscaras brancas foram até o menino e silenciosamente começaram a tirar a corda que segurava a criança que estava em suas costas. Foi quando vi que essa criança estava morta. Os homens seguraram o corpo pelas mãos e pés e o colocaram no fogo. O garoto ficou ali sem se mexer, observando as chamas. Ele mordia o lábio inferior com tanta força que chegou a sangrar. A chama ardia baixa como o sol se pondo. O garoto se virou e se afastou silenciosamente“, disse.

O fotógrafo Joe O’Donnell, autor da famosa foto do menino de Nagasaki

Até hoje a identidade do menino que carregava seu irmão morto nas costas não foi encontrada, inclusive foi lançado em 2020 um documentário de 50 minutos chamado Searching for the Standing Boy of Nagasaki, produzido pela NHK, mostrando os esforços para encontrar o menino. O fotógrafo Joe O’Donnell faleceu aos 85 anos, coincidentemente, em 09 de agosto de 2007, mesmo dia e mês que foram lançadas as bombas sobre as cidades japonesas em 1945. Atualmente, a foto do menino carregando seu irmão morto nas costas é usada no Japão como símbolo de força.

Estima-se que a bomba nuclear lançada em Hiroshima matou cerca de 160.000 pessoas e a que atingiu Nagasaki cerca de 80.000. Apenas metade das vítimas morreu com o impacto das bombas, a outra metade morreu de forma dolorosa após dias a meses. Assista abaixo o filme de animação “Túmulo dos Vagalumes”, que retrata essa história. Se quiser saber a história por trás de outras fotos famosas, clique neste link.

COMO SE PREPARAR PARA A FALTA DE ÁGUA?

O diagnóstico feito pela Agência Nacional de Águas (ANA) mapeou as tendências de demanda e oferta de água nos 5.565 municípios brasileiros e estimou em R$ 22 bilhões o total de investimentos necessários para evitar a escassez, e como sabemos, o Brasil não tem fama de ser eficiente em seus projetos. Julio Lobo –  Sobrevivencialismo

O Brasil entrou em 2015 com um panorama econômico complicado, e o possível racionamento para cerca de 125 milhões de brasileiros, algumas regiões ficaram em situação preocupante. A questão é: O que você pode fazer para se preparar?

Curto prazo 

Aqui estamos falando do que você pode armazenar e irá gastar no primeiro momento.

  • Água engarrafada: A maioria das pessoas tem água engarrafada “jogada” em algum lugar em casa ou no carro, mas é interessante comprar uma quantidade razoável e armazenar;
  • Galões de grande capacidade: Para armazenar maior quantidade, só certifique-se que os galões são apropriados para água;
  • Caixa d’agua extra: Se o seu orçamento permitir, investir em uma caixa adicional em sua residência lhe dará maior segurança e capacidade de estoque.

O maior erro das pessoas em cenários de racionamento é querer utilizar a água da mesma forma como em um cenário normal de abastecimento. A forma como você racionará o seu estoque é mais importante do que ter enormes quantidades e gastá-las de maneira desmedida.

Médio prazo

Se a água não voltar após o primeiro momento, você precisará desenvolver meios de encontrar e purificar a água que conseguir.

  • Marque os lagos, córregos e poços artesianos na sua região: Ter um mapa com todas estas possíveis fontes anotadas poderá lhe ajudar a conseguir o que você precisa. Como a maioria das pessoas não se planejará para isso você terá a vantagem de chegar as fontes sem que estas estejam esgotadas ou demasiadamente contaminadas;
  • Adquira sistemas de filtragem: Aqui qualquer filtro é bem vindo, desde os portáteis (Life Straw e afins) até os estáticos como os filtros de barro e purificadores de água semelhante;
  • Estoque purificadores de água: Filtrar não basta, você precisa também eliminar os microorganismos nocivos que podem estar na água. Lembre-se que em cenários de falta de água a diarréia torna-se quase que epidêmica exatamente pela falta de purificação. Procure comprar pílulas como a Aquatabs ou até mesmo água sanitária para ter em seu estoque.

Longo Prazo

Longos prazo sem água podem desencadear caos social e uma série de complicações que vão muito além da sede.

  • Cisternas: Coletar água da chuva é uma alternativa barata e fácil de ser gerenciada. Um simples sistemas de calhas no seu telhado com direcionamento para uma cisterna ou até mesmo barris/baldes poderá lhe propiciar enormes quantidades de água quando haver chuva na sua região;
  • Poços artesianos: Apesar de ser algo difícil de ser feito e igualmente difícil de se conseguir permissão, os poços artesianos lhe darão um estoque virtualmente ilimitado de água. Claro que depende diretamente da sua região, em alguns lugares o lençol freático é fundo demais para ser alcançado;
  • Abandono da região: Como dissemos, a falta de água provavelmente causará caos social onde pessoas literalmente vão matar para conseguir uma garrafa de água. Caso você resida em uma região densamente populosa talvez esta seja a alternativa mais segura para ser levada em conta.

A falta de água causa preocupação e impacta diretamente a vida das pessoas, os impactos socioeconômicos podem ser severos: problemas com produções de alimento, êxodo de áreas urbanas em direção a outros estados e áreas rurais, aumento de violência e muitos outros pontos entrarão em cena.

Onde você mora está havendo racionamento? Qual a perspectiva para a sua região durante esse ano em relação ao abastecimento de água? O que você está fazendo para se preparar?

Palavras Perdidas: Quando será a nova crise hídrica?!?, Expedição pelas nascentes do Rio Saracura, A culpa é do Pedro!?!, Como coletar água, DIA MUNDIAL DA ÁGUA

Say “No” To Blog Abandonment

Yes my friend, giving up is easy to do. Therefore, any fool can scream, “I give up!”

Renard provides bloggers with some easy techniques to prevent blog abandonment. Renard MoreauRenard’s World

People abandon their blogs for various reasons; such as:

  • Loss of inspiration.
  • Not having enough time.
  • Receiving little or no views.
  • Lack of ideas.
  • An unpleasant encounter with trolls.

It takes a lot of perseverance to keep blogging until you see the results you want, blogging itself takes a lot of hard work and usually pays off in the end, so never make the mistake of giving up on your blog. Renard Moreau – Renard’s World

Many of you probably walked in without knowing anything about it, at least decided to get started (This is a thousand times better than wanting to start a blog), plus any blogger can learn the basics of blogging over time.

You must ask yourself, “What kind of content do I like?”

You need to have a plan, if you like a specific topic, your blog can be based on it (professional bloggers need to stick to a niche because it helps search engines identify the specialty of these bloggers).

If you are interested in multiple topics, your blog can be based on that (personal bloggers post multiple topics).

Creating content for your blog is not that hard to do, many bloggers around the world abandoned their blogs because they didn’t know how to consistently develop content for them.

Interacting with like-minded bloggers is fun; also encourages bloggers to keep blogging. You can locate like-minded bloggers through WordPress Reader, of course!

Some people struggle to create and publish a blog post daily when in reality they are only able to create a few blog posts a week, there are bloggers who are able to create and publish content daily.

If you are new to blogging, it would be unwise to expect an average of six hundred views to be received on your blog daily, all bloggers have to gradually work from scratch.

It takes a while for a blogger to build a readership, a popular blogger once stated that it took two years to acquire a large readership, so it is virtually “impossible” to achieve overnight success in the blogosphere.

People who are new to blogging should not focus their attention too much on the views they get, the number of views they get will be a little low, their views will gradually increase if they continue to post high quality content.

Facing trolls can be a little scary for some bloggers, these unscrupulous online characters, trolls should never be allowed to make them abandon the blog they’ve worked so hard on.

The next time the thought of leaving your blog creeps into your mind, think of those beloved readers of yours, who are eagerly awaiting your new posts (these readers are fans of your work).

Keep in mind that we all have something special to offer; either:

  • Passing our knowledge to the reader;
  • Amusing the reader;
  • Sharing our unique passion for a specific hobby;
  • In fact, readers love this sort of thing.

Where there is a will, there is a way. So anyone who is serious about blogging can do their share.

To make sure your blog doesn’t sit still, I advise you to get involved in the following things:

Learn how to create a blog post on a smartphone (this would come in handy the day your computer dies);
Invest your money in a good second-hand computer (A second-hand computer costs much less than a new one and will also come in handy the day your main computer dies);
Make an agreement with a friend or family member to borrow your computer on a specific day (while your computer is being repaired);
The idea here is to find a way for your blog to be updated with new content the day you run into a technological hiccup.

The only things that should stop you from updating your blog would be health or death related issues, there’s really no reason for you to neglect your blog, or worse yet, abandon it.

Palavras perdidas: Blog Grátis ou Blog Pago? Qual a Melhor Opção?, Ghost Writer ou Escritor Fantasma!!!, The Bee Is The Most Important Of The Planet

My blogs: A.I. Carr, Jesus Hemp: Vamos falar de ganja?, Existe Guarani em São Paulo: Conhecimento e cultura dos povos ancestrais.

Conheça nossa MBAE´MO PARA.

Aproveite para contribuir e fortaleçer a Arte e a Cultura Guarani.

A Guerra Contra os COACHES

A Guerra contra os COACHESEpifania Experiência

Larry Levine diz que é um misto de psicólogo, conselheiro matrimonial, treinador de vida e padre, um dos ‘coaches’ que ricos contratam para lidar com a vida na cadeia. Alguns dos consultores que a BBC entrevistou expressaram uma desconfiança em relação aos advogados que, segundo eles, muitas vezes deixam faltar alguma coisa – por exemplo, não explicam as opções dos clientes sem usar jargões. BBC News Brasil

Coaze-se: 7 FORMAS DE PRATICAR A AUTOTERAPIA E DIMINUIR A ANSIEDADE, Nós existimos para ajudar aqueles que precisam, O Espião Inglês, Her, Geração Uber

Ghost Writer ou Escritor Fantasma!!!

Seja para escrever livros, artigos, colunas ou até mesmo textos para marketing de conteúdo, há muitas opções disponíveis no mercado para quem quer ser um ghost writer.

Ghost writer é o profissional que não recebe créditos de autoria pelo texto que escreveu. Isso faz parte de um contrato ou acordo de cessão de direitos autorais. O ghost writer escreve livros, textos, apostilas e outros materiais, vende a uma pessoa (física ou jurídica) os direitos autorais sobre essa obra e recebe por isso. Luiza Drubscky – Comunidade Rock Content

Ghostwriter é definido como um “escritor fantasma”, um escritor profissional que é contratado para escrever obras pelas quais não receberá crédito oficial, permanecendo anônimo, prática comum desde tempos imemoriais, onde secretários e escribas escreviam discursos e cartas aos governantes, ou os discípulos de um mestre completavam seu trabalho sob a sua direção e, por vezes, a título póstumo. Até hoje, é costume os presidentes lerem discursos públicos que outra pessoa os tenha escrito, ou que “escritores fantasmas” respondam a cartas de cidadãos em nome do presidente, ou que sejam contratados para escrever suas “autobiografias”. UM CANCERIANO SEM LAR.

O “escritor fantasma” nas revistas médicas gera problemas éticos e legais. A preocupação se deve ao fato de que é frequente que as empresas farmacêuticas e as indústrias de produtos de tecnologia médica possam distorcer as evidencias produzidas por ensaios clínicos e não sejam imparciais. SciELO

Posteriormente, não há nenhuma violação ou irregularidade se o texto for divulgado como sendo de autoria de outra pessoa. Aliás, é justamente isso que se pretende fazer por meio da contratação de um escritor-fantasma. Então, se não há autoria e direitos sobre a obra, por que essa é uma ocupação que tem crescido tanto no mercado de trabalho?

Ser um ghost writer é uma forma de praticar suas habilidades de redação diariamente. Quanto maior o fluxo de trabalho, mais regularidade você terá para praticar sua escrita em frente ao computador.

Com o tempo, isso não apenas melhora sua capacidade de argumentação, organização de ideias e exposição de informações importantes, como também reduz a incidência de erros gramaticais e expande seu vocabulário. Ou seja, ainda que você queira escrever textos autorais no futuro, terá muita experiência com a qual contar para aprimorar suas habilidades.

Muitas vezes, o regime de contratação de ghost writers ocorre por meio de trabalhos freelancer. Isso significa que você é contratado por obra, livro ou texto que escreve. Assim, você ganha exatamente pelo trabalho que faz. Se quiser escrever mais textos e pegar mais trabalhos, vai receber mais por isso. Se precisar dar um tempo nas atividades e tirar férias, terá que se programar com um período sem essa renda.

Porém, em sua grande maioria, os contratos celebrados para serviços de escrita ghostwriting são pagos antecipadamente ou por pacotes fechados. Se um escritor convencional precisa aguardar os royalities e variáveis de sua produção, uma vez que o cliente esteja satisfeito com seu texto, o pagamento é realizado de acordo com o combinado.

Se você sabe o quanto vai receber e em que intervalo de tempo, pode planejar retiradas mensais que se assemelham aos salários convencionais do regime CLT.

Também é possível determinar valores mensais para a construção de um décimo terceiro, poupança emergencial e para investimentos com muito mais precisão.

Não há uma área específica em que o trabalho de um escritor-fantasma é mais requisitado. Existe a necessidade de escrever sobre os mais variados assuntos, desde livros sobre nutrição, fitness e saúde, até textos sobre finanças pessoais, administração e recursos humanos.

Se você é uma pessoa criativa, curiosa e interessada em aprender sobre temas distintos de sua área de formação, terá a oportunidade de escrever em várias temáticas. O que realmente importa é a qualidade de sua redação, correção ortográfica e gramatical, além de um trabalho preciso de pesquisa e verificação de informações.

Ghost writers não serão de forma alguma vinculados à autoria dos textos que escrevem. Por mais que isso possa ser um problema para alguns redatores, isso também representa uma boa oportunidade pessoal para se distanciar emocionalmente de seus textos e escrever com mais liberdade. Ao saber que sua autoria não será identificada, você pode se arriscar a escrever sobre temas até então inexplorados, sem medo da reação do público, amigos e familiares.

Na verdade, você inclusive poderá testar suas habilidades escrevendo sobre temas que sempre te interessaram, mas que você nunca teve a coragem de pesquisar e escrever. Nesse contexto, um engenheiro poderá escrever sobre psicologia e comportamento, assim como um advogado poderá explorar seus conhecimentos sobre arte e entretenimento.

O autor de um blog, colunista ou outro profissional de produção de texto intelectual, na maioria das vezes, precisa comercializar seu conteúdo.

Isso significa vender para um veículo de informação, compartilhar nas redes sociais, interagir com os leitores para gerar engajamento por e-mail marketing, fóruns especializados e comentários no post, são muitas responsabilidades, após a atividade produtiva, que demandam tempo e estratégia comercial.

Um ghostwriter não precisa se preocupar com a gestão comercial e relacionamento com leitores, e pode concentrar na produção de conteúdo. Isso é especialmente prazeroso para quem prefere criar a fazer marketing.

Uma paciente de câncer de mama de endstate de meia idade deitava-se na cama e conta sua história de vida para uma escritora fantasma escrever sua biografia e seu livro de memória depois de ela morrer.

Em geral, o ghost writer não é contratado diretamente pela pessoa ou empresa que assumirá a autoria dos textos. Esse tipo de distanciamento também é benéfico ao redator, que poderá escrever com mais liberdade e autonomia, tendo recebido suas instruções de escrita de forma objetiva e sintética.

Lidar com clientes é um problema para muitas pessoas, principalmente, aquelas mais introvertidas ou que têm pouca paciência para lidar com o público. Geralmente, o escritor-fantasma não tem que se preocupar com isso.

Cada vez mais, empresas, colunistas e outros interessados estão migrando sua atuação para plataformas online (sites, apps, blogs, redes sociais, etc.). Isso faz com que a importância do marketing de conteúdo, por exemplo, seja ainda maior.

Blogs institucionais são uma boa forma de atrair clientes, enriquecer os produtos e serviços oferecidos, além de fidelizar consumidores. Por essa razão, há uma demanda crescente por redatores nessa área. Além disso, os desenvolvimentos tecnológicos que facilitaram o acesso a e-books e outras obras digitais também expandiram as possibilidades de atuação como escritor.

Para se tornar profissional, não é preciso ter uma formação específica em letras, jornalismo ou áreas similares. Embora isso ajude bastante, não é um fator que elimine um candidato que goste de escrever e tenha bons conhecimentos gerais.

Escrever sobre pães sem glúten, pão-de-queijo sem glúten, água e até glúten sem glúten vai bombar! O conteúdo deve ser relevante para quem vai comprar, uma vez que ele atrairá o consumidor até dentro da padaria.

Quando ele chegar lá, o padeiro — ou o cheirinho do pão — se encarregará de fechar a venda.

Memes are funny not just because they are ridiculous, but because they point out something ridiculous about life. The fact is that most of us know very little about what other people do for a living. DAVID LEONHARDT – The Happy Guy Marketing

We have neighbours, and we have no clue what they do.

We meet people on the job, doing their job, and we still have no clue what they do.

We have brothers and sisters and aunts and, yes, spouses…and we have no clue what they do.

And many of us would be hard pressed to explain what we, ourselves, do. Yes, it sounds ridiculous. But it’s also true, and it’s reflected in the last two panels of most of these memes:

  • What I think I do.
  • What I really do.

É preciso escolher aquela que se adapta melhor ao seu estilo ou que lhe dará mais oportunidades de ganho e aprendizagem.

Textos escritos com estratégias de otimização do conteúdo. Ou seja, além de informarem o leitor, também contribuem para que os mecanismos de buscas priorizem o texto nos resultados.

Nesse caso, os conhecimentos de marketing de conteúdo se fazem necessários. Nos blog posts, a persona, o tipo de linguagem, o SEO e suas outras diversas estratégias farão companhia aos demais conhecimentos do escritor fantasma.

São conteúdos maiores, que exigem entrevistas e pesquisas mais intensas e estão atreladas a profissionais e pessoas que têm uma história para contar, mas não sabem como fazê-la interessante por meio das palavras.

Existem autobiografias, biografias de presidentes, de famosos, empresários, atletas, modelos, artistas e mais uma infinidade de temas que podem ser explorados pelo ghostwriter.

Além de contribuir para a concepção do conteúdo, nessa modalidade você também estará transmitindo seus conhecimentos. Ele pode ter, por exemplo, o domínio do conteúdo, mas não saiba como desenvolvê-lo.

É parecido com a relação do escritor fantasma na produção de uma biografia e com o foco mais direcionado para a área jornalística ou comercial de uma empresa.

Bom, você já viu que existem diversas oportunidades e iniciar na carreira não é propriamente difícil. Então, o que ainda é preciso considerar?

A rotina de um ghost writer não é livre de desvantagens. Inclusive, é preciso lidar com diversos problemas no dia a dia, que podem ser mais ou menos graves, a depender da personalidade e das características de cada redator.

Já que o texto não é seu, você precisa encontrar exatamente a voz de seus clientes. Muitas vezes, a linguagem deve ser jovem e informal, enquanto em outras precisa ser elaborada e técnica. Ou seja, cada texto apresenta necessidades próprias. Você precisa conseguir adaptar sua linguagem a elas!

Você está confortável com a ideia de ceder completamente seus direitos sobre um texto? Algumas pessoas não se sentem bem com essa ideia, preferindo escrever apenas para sites e editoras que garantam seus créditos de autoria.

Para suprir essa necessidade, você pode criar um blog para fazer suas publicações pessoais, com os temas que curte, e de quebra, ainda pode transformá-lo em seu currículo online e atrair clientes.

Ghost writers, normalmente, são contratados em regime de prestação autônoma de serviços (freelancer). Isso pode significar uma relativa incerteza profissional, já que há épocas com mais oferta de trabalho e outras com menos.

Para superar essa incerteza, é preciso muito planejamento e disciplina financeira, além de um bom histórico de compromisso e relacionamento com seus clientes para garantir maior regularidade de serviços no futuro.

Se você quiser se aventurar como uma profissional autônoma e abrir mão do conforto e abundância de tarefas das plataformas de redação, terá que negociar e colocar preço em sua produção. Ela poderá ser realizada de acordo com o tamanho do texto, volume de caracteres ou palavras, por exemplo.

É preciso preparar psicologicamente e financeiramente, pois, será freqüente ouvir contrapropostas indecentes, que desvalorizam seu trabalho e dedicação.

Existe Guarani em São Paulo
Conhecimento e cultura dos povos ancestrais.

Em alguns casos, será preciso aceitar ofertas de trabalho com valores abaixo de mercado e ainda ter que cobrar do cliente caso ele atrase seus pagamentos.

Outra situação que você como escritor-fantasma independente terá que lidar é com a concorrência. Fora de uma plataforma, será necessário disputar clientes com agências de conteúdo grandes e outros profissionais mais experientes ou dispostos a receberem bem menos que o projeto efetivamente vale.

Do you know what you really do? I mean, do you know what you do well enough to create a meme like this for yourself? The challenge is on!

Contact me: edsjesusii@gmail.com.br

Palavras perdidas: A INVASÃO DO BRASILPEIXE-BOI MARINHOA vida como ela é, Marvel, ThunderComics, Guia dos Quadrinhos, Flash na Biblioteca, Jornada ninja,Via Láctea pelo navegador, Criacionismo., Blue Dragon (Dragão azul), Neil Armstrong, Signo Geek, Cifras

Fatos aleatórios que irão aumentar seu QI ou explodir sua mente!

Todos nós curiosos, gostamos de fatos que nos levam a refletir, não é mesmo? Neste post com toda certeza terá fatos que você pesquisará na internet depois para confirmar se é realmente verdade, de tão inimaginável. Paula Muniz – O verso do inverso

Mas aí você me pergunta, “o que eu vou fazer como essas informações?” Pensando nisso criamos até outro título:

Fatos inimagináveis que são totalmente desnecessários e que talvez você vai esquecer logo logo.

– “2/3 do mundo nunca viu neve e provavelmente nunca verá”

A questão é, será que eu e você, meu caro leitor, nos enquadramos nesses 2/3 que nunca verá neve? Por favor me diga que não!

– Uma água viva pode possuir 99,5 % de água em seu corpo!

Mais precisamente, o corpo das medusas (agrupamento taxonômico que inclui as medusas, mães d’água, águas-vivas ou alforrecas) é formado por 95-99% de água.

De certo modo já era de se esperar, pois são águas-vivas, o próprio nome já diz, porém, 99% é muita coisa!

– O pikachu nunca teve um detalhe preto em sua cauda.

Por que, se você imaginava que Pikachu possuía a calda com um detalhe preto, saiba que isso é bem comum mesmo que ele assim, nunca tenha existido.

O nome dessa falsa lembrança de algo que nunca aconteceu, pelo menos não dessa maneira que você tem certeza que se lembra é “The Mandela Effect” ou “Efeito Mandela” e com certeza já deve ter acontecido com você.

Bom, certamente você passou por isso alguma vez, é quando você diz uma coisa que tem certeza e uma pessoa diz que está errado, você então pesquisa e vê que realmente está errado, mas tinha uma plena certeza naquilo antes.

– Nos Eua, em média 600 pessoas por ano morrem apenas por cair da cama enquanto dorme!

Cuidado ao tirar uma soneca hoje, ein?

– Quando o primeiro Star Wars lançou, a frança ainda executava pessoas com Guilhotina.

Foi na prisão Baumetes, em Marselha, na França, que a guilhotina foi usada pela última vez, em um dia como hoje, no ano de 1977. Ano lançamento do primeiro Star Wars.

– Existem mais de 200 cadáveres no monte Everest

Pelo menos 200 corpos estão espalhados pela montanha em várias rotas. Alguns estão enterrados em fendas profundas. Outros agora descansam em lugares diferentes de onde morreram, devido ao movimento de geleiras, e alguns foram movidos intencionalmente. Alan Arnette – Go Outside

– Os olhos de um avestruz são maiores que o cérebro!

Os olhos do avestruz medem em média 5 cm de diâmetro (maior que o olho do elefante) e pesam cerca de 48 g, enquanto seu cérebro em média não passa de 42 g.

– Leonardo da Vinci que inventou as tesouras?

Os registros das primeiras tesouras são bem mais antigos que Leonardo da Vinci, já que antigos egípcios já utilizavam utensílios parecidos com tesouras por volta do ano 1,5 mil a.C.

– 1 Milhão de segundos = 11 dias; 1 Bilhão = 32 anos!

Um milhão de segundos são 11 dias e um bilhão são 32 anos.

– Antes da Tv colorida, muitas pessoas sonhavam preto e branco!

O mais curioso é que no geral, 12% das pessoas sonham inteiramente em preto e branco, hoje em dia!

Se retrocedermos meio século, vemos que o impacto da televisão em nossas experiências de olhos fechados se torna ainda mais evidente. Na década de 1940, estudos mostraram que 3/4 dos americanos, incluindo universitários, relataram que “nunca” ou “raramente” viam cores em seus sonhos. Hoje, esses números estão invertidos.

– Corujas possuem longas pernas!

– O real nome da Barbie é Bárbara Milicent Roberts.

– Você nunca verá o seu próprio rosto em toda sua vida.

O que você vê em espelhos não é você, são meros reflexos que podem estar te enganando, quem sabe?

Nos conte se faltou alguma curiosidade legal, nos conte também qual dessas você não conhecia e a que mais explodiu sua mente?!?

Exploze-se: GRINGA RUSSA REAGINDO 30 CURIOSIDADES SOBRE O BRASIL!!, Camarote.21 – Especial “Curiosidades Gastronômicas”, A floresta amazônica está perdendo 80.000 campos de futebol por dia, Nókia 6310

Óleo de coco fake

Nem tudo o que vem à rede (na rede) é peixe. Qual é a tua ó meu

Ele virou o queridinho da gastronomia e dos rituais de beleza por trazer inúmeros benefícios para a saúde. (…) Muito se fala por aí dos benefícios do óleo de coco para corpo, pele e cabelos. Mas as propriedades desse elixir da beleza vão muito além disso.

REGULA A FUNÇÃO INTESTINAL (…) DIABÉTICOS (…) FADIGA CRÔNICA E FIBRIOMIALGIA“. Os Benefícios do Óleo de Coco para sua saúde – Dr. Victor Sorrentino

Conheça os benefícios do óleo de coco para a região íntima (…) segundo genecologista (…)”

Óleo de Coco Emagrece! Veja Benefícios e Onde Comprar!

O óleo de coco é um produto derivado da polpa seca do coco maduro – especificamente da espécie Cocos nucifera Linnaeus. Por ser muito resistente à oxidação e às altas temperaturas e ter um sabor levemente adocicado, ele é muito conhecido por ser utilizado como ingrediente no preparo de gorduras para a confeitaria. MinhaSaúde

“Além de não ter benefícios do ponto de vista nutricional, “é uma gordura como todas as outras, com um aporte calórico muito grande”. Ao contrário do que algumas pessoas defendem, “não emagrece”. “Há pessoas a consumir óleo de coco porque acham que vão emagrecer, mas isso não acontece.”

Em 2017, a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (ABESO) e a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) chegaram a divulgar um comunicado alertando sobre o uso do óleo de coco para esse objetivo.

Não existe fórmula mágica para emagrecer e o consumo exagerado desse derivado do coco pode provocar danos à saúde – assim como o excesso de qualquer óleo na alimentação. Ele também possui efeito hipercolesterolêmico, não sendo indicado para pessoas com problemas de colesterol alto. 

“Atualmente, lamenta Nuno Borges, o óleo de coco “é usado para substituir o azeite, que é muitíssimo melhor” e mais barato. Da lista de gorduras mais interessantes, o nutricionista destaca, ainda, o óleo de milho, girassol ou amendoim.”

Na conferência “Óleo de coco e outros erros nutricionais”, na Universidade de Friburgo (Alemanha), Karin Michels disse que esta substância é “uma das piores coisas que se pode comer”, já que o seu alto teor de gorduras saturadas (mais de 80%) eleva os níveis de colesterol, aumentando o risco de doenças cardiovasculares.

POR 100 G ( PORÇÃO UNITÁRIA RECOMENDADA 10 G )AZEITEÓLEO DE COCODOSE RECOMENDADA
Calorias [Kcal]89990090
Lípidos Totais (Gordura) [g]99,910010
Ácidos Gordos Saturados [g]14,486,51,4
Ácidos Gordos Monoinsaturados [g]78.65,87.9
Ácidos Gordos Polinsaturados [g]6.91,80.7
Ácido Linoleico [g]6,21,50,6
Ácidos Gordos Trans [g]000
A-Tocoferol [mg]140.31
Fonte: INSA_pt

Para gordura, recomenda-se o consumo de até 10% das calorias totais consumidas diariamente. Esse consumo deve ser equilibrado quanto ao perfil lipídico, ou seja, deve contemplar gorduras saturadas associadas a gorduras insaturadas com fontes monoinsaturadas, poliinsaturadas do tipo ômega-3 e ômega-6, sendo este último numa menor proporção comparado ao ômega-3. 

Exemplos de Gorduras Saturadas – Manteiga, Banha e Óleo de Coco.

Exemplos de Gorduras Insaturadas ( Monoinsaturadas, polinsaturadas e trans ) :

  • Monoinsaturadas – Abacate, Azeite extra virgem, Amêndoas, Cajus, Amendoins, Avelãs, Azeitona, Pistácio.
  • Polinsaturadas – Os Ómegas-3 e 6, regulam a resposta inflamatória do organismo, estimulam o bom funcionamento cerebral e têm um papel essencial nos processos de crescimento, desenvolvimento e reparação.

Pode encontrar ómega-3, por exemplo, nos seguintes alimentos :

  • Peixes, óleos de peixes, mariscos e algas: salmão, atum, cavala, arenque, dourada, sável, chicharro, congro, sardinha, enguia, óleo de fígado de bacalhau, caranguejo e camarão;
  • Óleos vegetais: óleo de canola, linho, linhaça, nozes;
  • Alguns hortícolas de cor escura: espinafres, beldroegas, alho francês, couves de folha verde escuro, cogumelos e brócolos;
  • Nozes e sementes de linhaça e chia;
  • Ovos enriquecidos com ómega-3.

Exemplos de alguns alimentos ricos em ómega-6 são:

  • Tofu;
  • Amendoim;
  • Nozes;
  • Sementes: girassol, abóbora e sésamo;
  • Óleos vegetais como, por exemplo, óleo de milho, sésamo e girassol;
  • Margarina líquida.

Os ómega-3 e 6, tal como as gordurinhas monoinsaturadas podem ajudar a reduzir o colesterol LDL e a elevar os níveis de bom colesterol, tendo um efeito protetor cardiovascular.

óleo de coco extra virgem, que é a versão ideal do produto, tem ação anti-inflamatória e é composto por vitaminas A, D, E e K. Ele ainda contém triglicerídeos que se transformam em monolaurina após o consumo. Esta substância tem propriedades antibactericidas, antifúngicas e antivirais, capazes de fortalecer a imunidade

Os benefícios do óleo de coco ainda são alvos de estudos mundialmente, e não se conhece muito sobre as reais vantagens que ele fornece ao consumo humano.

Não acredite em nenhum produto que indique, em seu rótulo, que o óleo de coco auxilia no emagrecimento ou tenha propriedades terapêuticas. Algumas marcas do mercado advertem, inclusive, sobre a ausência de evidências científicas que comprovem alguns destes e outros mitos relacionados ao produto.

O consumidor brasileiro é constantemente influenciado pelo que ouve nas ruas e o que é distribuído por meio da mídia e dos canais de comunicação.

Oleoze-se: Oil, which one to choose healthwise?, ÓLEO DE MACONHA NEWS E O INCENSO, Óleo de Marijuana, Campanha recolhe óleo de fritura para fabricação de biodiesel, Óleo de Copaíba, Ouro verde e proteção do Planeta, Chás que Ajudam a Emagrecer, DIETA DA FRUTA

Museu dos grandes fracassos criativos

Na Suécia existe um “Museu dos grandes fracassos criativos”, foi inaugurado há quase 2 anos, e traz exemplos de produtos que se tornaram um fiasco. Rafael Porcari – DISCUTINDO CONTEMPORANEIDADES

Uma máscara de beleza que promete tirar rugas com choques elétricos; um smartphone que, desmontado, se transforma em um videogame; uma Coca-Cola com sabor de café; uma lasanha fabricada por uma marca de pasta de dentes. Esses são alguns dos produtos expostos no Museu do Fracasso, aberto no dia 7 de junho na cidade de Helsimburgo, no sul da Suécia. A proposta é lembrar os equívocos e absurdos cometidos por empresas durante o desenvolvimento de novos produtos.

O pesquisador de inovação e psicólogo organizacional sueco Samuel West coleciona produtos de fracasso e, agora, esse conteúdo está disponível para qualquer um ver no Museus of Failure (Museu dos Fracassos, em tradução livre). O ESTADO DE S.PAULO

“Todas as pessoas que trabalham com inovação sabem que a grande maioria – de 80% a 90% – de todos os projetos fracassam. O problema é que as empresas só gostam de falar dos sucessos”, diz Samuel West, o empreendedor responsável pelo museu, em entrevista à Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

Coca-Cola BlaK, que tem gosto de café e foi descontinuada pouco tempo após seu lançamento, é um dos produtos que estão no museu.  Foto: Flicker.com/lazylikewally

“Só assim os empreendedores se sentirão livres para cometer seus próprios equívocos, sem medo de inovar”, diz. Para provocar reflexão, foram incluídos no museu itens como a Bic for Her, uma caneta com um tom sexista, a Digital Camera da Kodak, que não permitia compartilhamento de fotos, e um DVD da Blockbuster, locadora aniquilada pelo surgimento do streaming.

A Kodac falhou por causa da sua inabilidade em adaptar o modelo de negócios. A Blockbuster falhou por causa da sua ambição em abrir cada vez mais locadoras. Muitas corporações erram ao tentar entrar em áreas nas quais não têm nenhuma expertise.

“Todas as falhas são unicamente espetaculares, enquanto o sucesso é repetitivo. A verdadeira inovação requer aprendizado sobre as complexidades de cada falha”, disse ele.

No museu, alguns casos de inovação fracassada mostram a importância de saber quais são as necessidades que você está atendendo. O lugar está cheio de exemplos de tecnologias que foram lançadas sem que a empresa soubesse que problema estava resolvendo.

Samuel West from the “Museum of Failure” showing some epic product failsSkavlan

“Museum of Failure” é um museu itinerante que foi inaugurado na Suécia e que está chegando agora a um local mais apropriado e representativo do consumismo, o Hollywood Boulevard lá em Los Angeles. Update

O acervo é todo formado por produtos que não deram certo, como o Newton da Apple, o perfume da Harley Davidson, o Google Glass, o jogo do Donald Trump, o formato Betamax, o N-Gage da Nokia, a New Coke, entre outros. São mais de 80 casos.

Mas, apesar de ser um museu dos fracassos, a intenção é justamente celebrar a criatividade. E quem trabalha com processos criativos sabe da importância e do risco de assumir decisões ousadas. Inovar é um risco constante entre o sucesso retumbante e o desastre vexaminoso.

Dia Internacional da Maconha – Weed`s Day

O dia 20 de abril, grafado como 4/20 em inglês, é comemorado internacionalmente como Weed`s Day. Traduzindo, é o Dia Internacional da Maconha. Ou Pot Day, como é conhecido em outros países. Jesus Hemp

14249

A data sempre foi marcada pela realização de mobilizações, marchas e manifestações, cujas lutas se centram na descriminalização e na regulamentação da maconha a nível global. Sociedade Brasileira de Estudos da Cannabis (SBEC)

Originária da região do norte do Afeganistão, a planta Cannabis Sativa, a maconha, é utilizada há aproximadamente 6.000 anos. O primeiro escritor a mencionar o uso do cânhamo em cordas e tecidos é Heródoto, um historiador grego que é considerado o pai da história. A fibra do cânhamo, presente no caule da maconha, foi muito utilizada nas cordas e velas dos navios gregos e romanos, e era usada também para fabricar tecidos, papel, palitos e óleo. ENTRETENIMENTOS

flor coracao vermelho São Paulo pode criar hoje o “Dia Municipal da Maconha Terapêutica”

Há registros do uso medicinal de maconha desde a era de Assurbanípal, o último grande rei da Assíria, que morreu em 626 a.C., de acordo com relato histórico no livro Cannabinoids as therapeutic agents (Canabinoides como agentes terapêuticos), publicado em 1986 pelo bioquímico israelense Raphael Mechoulam. Também há registros no Egito antigo, na Grécia e na Roma antigas. O naturalista Plínio, o Velho (23-79 d.C.), da Roma Antiga, descreveu em detalhe o uso médico.

Da Idade Média ao século XIX os registros continuaram na Europa, na Índia e na Pérsia (atual Irã), na medicina tradicional chinesa. Com o uso generalizado, tanto do ponto de vista geográfico como em tipos de tratamentos, o surpreendente é que a partir do século XX tenha se tornado uma substância tão proibida nos países de cultura ocidental. Aconteceu por motivos principalmente políticos, com liderança norte-americana.

Mas como surgiu o código 4:20? O que, dentro da cultura canábica, é um número usado para se referir ao ritual do uso da maconha, tem a origem em um mito da Califórnia. Por coincidência, um dos primeiros estados americanos a autorizar o uso medicinal (1996) e recreativo (2016) da maconha.

20 de abril ou 4/20: O Dia Mundial da Erva

Segundo o jornalista Steven Hager, de uma das mais conhecidas revistas especializadas em cannabis, a High Times, o termo surgiu em 1971 na Califórnia com um grupo de adolescentes da San Rafael High School, uma espécie de confraria chamada “Os Waldos”. Eles se encontravam sempre às 4:20 pm (16:20) para fumar maconha perto de um muro, na parte externa da escola.

Em certa ocasião, os jovens, que já curtiam a erva, receberam um mapa de um trabalhador da guarda costeira que levaria a uma plantação de maconha em Point Reyes, próximo à São Francisco. Outra referência era que 4:20 era um código usado para se referir ao momento que eles deveriam se encontrar para sair em busca do tesouro nunca encontrado.

Uma outra crença comum é que 420 era a polícia da Califórnia ou o código penal para a maconha. Mas não há muitas evidências sobre essa teoria. Cannabis & Saúde

Há também a versão de que existem 420 compostos químicos ativos na maconha, daí uma conexão óbvia entre a droga e o número. Mas esse número é, na verdade, superior a 500 – sendo mais de 100 canabinoides.

Segundo Steve Bloom, editor High Times, uma das primeiras publicações sobre a maconha nos Estados Unidos. o termo virou uma um código semiprivado, que os usuários de maconha vão encontrar por todos os lados. O número aparece até no filme Pulp Fiction, de Quentin Tarantino, no relógio de um dos personagens. BBC

Bom, seja como for, 4:20 se tornou universal símbolo da cultura canábica em todo o mundo. Em países onde o consumo adulto da Cannabis já está legalizado, festas e festivais são amplamente promovidos para celebrar o Dia da Maconha.

A promessa de contribuir para todos esses tratamentos tem gerado interesse na esfera acadêmica sobre a farmacopeia produzida pela planta Cannabis sativa. Uma busca na base de dados Pubmed revela um número quintuplicado de artigos científicos entre 2000 e 2019 sobre essa classe de substância.

Na mídia, as menções também se tornaram mais e mais frequentes em anos recentes, assumindo ares de novidade apesar do histórico de uso que remonta a cerca de 2 mil anos. É por isso que a empresária Viviane Sedola, fundadora da empresa Dr. Cannabis e eleita pela High Times – revista norte-americana que defende a legalização da erva – como uma das 50 mulheres que se destacaram nessa área no mundo, qualifica a planta e seus derivados como uma novidade milenar. Em alguns países, como parte dos Estados Unidos, Uruguai e Canadá, a medida adotada foi liberar o uso medicinal da maconha – por vezes a própria erva a ser fumada –, uma decisão controversa. Nos Estados Unidos também está disponível uma profusão de preparados vendidos como suplementos alimentares, cremes para a pele, biscoitos que prometem acalmar bichos de estimação estressados ou com dor, entre outros. Maria Guimarães – Revista Pesquisa FAPESP

Here’s more: Horóscopo Canábico: confira o que os astros reservam para os canabistas em 2022.Sisters of the Valley, 1ª Live MMJ – Chá das Mães Jardineiras – Farmácia Viva e Direito de Cultivo Doméstico

Mitos Sobre A Alimentação

Sabemos que a alimentação é extremamente fundamental para a nossa saúde, assim como praticamente tudo nessa vida também é rodeada por vários mitos. Manoel Netto

Conheça os maiores mitos sobre a alimentação

1. Leite de é a Maior Fonte de Cálcio

Certamente você já deve ter ouvido falar que o leite é a maior fonte de cálcio, nós costumamos ouvir isso desde pequeno, principalmente do pessoal mais velho. Os vegetais possuem bem mais cálcio que o leite e é bem mais absorvido. Além disso, os vegetais ainda acumulam a vantagens por não terem colesterol e de possuírem muito mais proteínas, ferro e fibras se comparados ao leite.

2. Manga com leite faz mal

É frequente ouvir falar que tomar leite com manga faz mal, mas essa mistura é rica em nutrientes e faz muito bem à saúde. Tua Saúde

O leite é um alimento completo, com diversos nutrientes e só é contraindicado em casos de intolerância à lactose, enquanto a manga é uma fruta rica em fibras e enzimas que facilitam a digestão, ajudando a regular o intestino.

7 mitos populares sobre alimentação explicados

3. Os Óleos Possuem Muito Colesterol

O uso de óleo no preparo da alimentação é bastante comum, mas geralmente as pessoas costumam associar ele ao colesterol, muito provavelmente você já fez essa associação. Bom, os óleos possuem origem vegetal e portanto não têm colesterol. Como falamos mais acima, os vegetais não possuem colesterol, sendo assim, qualquer produto que tenha algum deles como matéria prima, consequentemente não terão o lipídio.

As gorduras nem sempre fazem mal à saúde, pois o benefício ou malefício dependem do tipo e da quantidade de gordura que se ingere. As gorduras trans e saturadas, presentes nas carnes vermelhas e nas frituras, prejudicam a saúde, mas as gorduras insaturadas, que estão no azeite, em peixes e frutas secas, ajudam a combater o colesterol e melhoram a saúde, especialmente do coração.

4. Margarina é Mais Saudável Que a Manteiga

Se perguntarmos para uma determinada quantidade de pessoas qual é o mais saudável entre a margarina ou a manteiga, certamente a maioria irá responder com convicção que é a margarina. A maior parte das pessoas pensam o mesmo, porém o que nem todos sabem é que margarina sofre processo de hidrogenação e contém colesterol, além de possuir uma quantidade maior de gordura saturada.

5. Carboidratos São Vilões

Quem quer emagrecer não pensa duas vezes antes de cortar os carboidratos da dieta, já que eles são visto como vilões. Bom, os carboidratos são fundamentais para o funcionamento do nosso corpo, já que eles provêm energia essencial para o seu cérebro e seu sistema nervoso central. De fato alguns alimentos como pizza, pão e massas são calóricos, mas eles podem ser substituídos, basta consultar um especialista.

Conheça os maiores mitos sobre a alimentação

6. Ovo Faz Mal Para a Saúde

Assim como os carboidratos, os ovos também são constantemente considerados vilões, principalmente por causa da gema. Várias pessoas chegam a acreditar que o ovo pode fazer mal para o coração, mas isso é um dos maiores mitos das alimentações. Pesquisadores e nutricionistas afirmam que  além do ovo ser uma ótima fonte de proteína, ele contém ômega 3, colina, ácido fólico, minerais, e é rico em vitaminas A, D, E, K e D, o que é essencial para a nossa saúde, então o ovo deve ser incluso na nossa alimentação.

7. Comida vegetariana emagrece

A comida vegetaria não emagrece, pois a perda de peso só acontece se houver uma redução das calorias consumidas. Apesar de conter mais fibras, legumes e vegetais, a alimentação vegetariana também pode conter excesso de gorduras, frituras e molhos calóricos, o que, se não for bem regulado, favorece o ganho de peso. Tatiana Zanin

7 mitos populares sobre alimentação explicados

8. Chá causa impotência

Os chás não causam impotência, mas essa crença existe porque as bebidas quentes dão uma sensação de relaxamento e ajudam a acalmar. No entanto, alguns chás podem até ser afrodisíacos, como o chá preto e o chá de catuaba, aumentando a libido, melhorando a circulação e ajudando a combater a impotência.

9. Laranja é a fruta mais rica em vitamina C

Apesar de a laranja ser uma fruta muito conhecida por ter vitamina C, existem outras frutas com maior quantidade dessa vitamina, como o morango, a acerola, o kiwi e a goiaba.

10. Três refeições por dia, além de lanches

Um do mitos mais tidos como verdadeiros é o de que as pessoas precisam comer três refeições regulares por dia e lanches. Entretanto, não é bem assim para todos os casos.

Por exemplo, as pessoas que gostam de fazer exercícios físicos costumam comer entre cinco e seis refeições pequenas diariamente. Algumas pessoas pulam o café da manhã, enquanto outras pulam os lanches da tarde. A realidade é que não existem padrões de alimentação certos ou errados. O necessário é que a ingestão de calorias não passe da quantidade que se queima.

Mitoze-se: Larica. Truques para não extrapolar., Fortalecer a imunidade é importante: saiba o que comer e o que evitar, Beterraba, Abacaxi (Ananas comosus), Segunda sem carne: sete receitas para apostar na semana, Você é o que você come.

Quantas pessoas vão para o inferno?!?

Pode ser uma imagem de osso e texto que diz "A evolução é compreensível e muito fácil de ser entendida, para quem tem 0 mínimo de observação e discernimento, e só olhar no espelho e ver com o que você mais parece. Humano Chimpanzé Barro Sérgio प 30"

O DNA humano é 98% idêntico ao DNA do chimpanzé. No entanto, os humanos constroem telescópios, compõem sinfonias e têm ciência e literatura, enquanto os chimpanzés empilham caixas e entendem a linguagem de sinais, assim como nossos filhos pequenos.

Se esses 2% são o que nos torna tão diferentes, imagine uma espécie 2% acima de nós nessa escala. Eles nos considerariam inteligentes?

É como quando você está caminhando e vê um verme. Você não para e se pergunta o que o verme está pensando, nem tenta se comunicar com ele. Comparado a você, o verme é muito “burro” para isso.

Talvez a razão de não termos tido contato com uma civilização extraterrestre mais avançada e inteligente seja porque eles observaram a Terra e concluíram que não há vida inteligente aqui. ” Neil DeGrasse Tyson – COSMOSDavid Souza

Pode ser uma imagem de texto que diz "o que acontece na Arca de Noé, fica na Arca de Noé Adiminha dilminha"

Barrze-se: É um macaco sem pêlo, MACACOS entraram na IDADE DA PEDRA, e agora?, A Revolta dos Macacos, Horóscopo Japonês (Zenchi Juunichi Onmyodo), O Jardim do Éden e os Anunnaki, Scientists Claims RH Negative Blood Type Peoples Not Belong From Earth

Prêmio Caguei Mamãe e o JORNALISMO BRASILEIRO

PRÊMIO PELA CABEÇA DE MAMÃE FALEI ABRE CONTROVÉRSIA NO JORNALISMO BRASILEIROMeteoro Brasil

A notícia de que grupos russos estariam oferecendo um prêmio pela cabeça de Mamãe Falei foi divulgada e desdivulgada pela Folha de São Paulo, gerando muitas dúvidas sobre o fato.

ARTHUR DO VAL E AS REFUGIADAS UCRANIANAS

Arthur do Val foi pego dizendo coisas hediondas sobre as refugiadas ucranianas. As consequências vieram rápido: ele já perdeu aliados importantes e até a namorada. O mandato de deputado também está na reta.

Entre os extremistas em ação no novo governo, ninguém parece superar a ministra da Mulher, Direitos Humanos (sic) e da Família, Damares Alves, em reunir as mais bizarras fantasias sexuais em forma de “denúncias” contra a esquerda e os LGBTs. Damares conseguiu superar os grandes clássicos da literatura erótica em termos de perversões. Em menos de dois meses desde que foi alçada ao poder, o catálogo da ministra já reúne as mais doentias teorias sobre sexo já vistas. De onde é que eles tiram estas coisas? Freud explica. Socialista Morena

A ministra de Bolsonaro afirmou em 2013 que os holandeses começam a masturbar bebezinhos a partir dos sete meses para que se tornem “homens saudáveis sexualmente” e as meninas teriam sua vagina “massageada” na mesma idade para que “tenham prazer na fase adulta”.

“Inclusive na Holanda, os especialistas ensinam que o menino deve ser masturbado com sete meses de idade para que, ao chegar na fase adulta, possa ser um homem saudável sexualmente, e a menina deve ter a vagina manipulada desde cedo para que ela tenha prazer na fase adulta”, disse Damares em uma igreja evangélica em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. A palestra foi gravada, e o vídeo circula na web. Pedro Graminha – UOL

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos Damares Alves tornou-se assunto em dois grandes jornais dos Países Baixos e levou o Brasil aos trending topics – lista de assuntos mais comentados – no Twitter de lá numa quinta-feira (24/01/2019).

UCRANIANA SOBRE MAMÃE FALEI – ÁUDIOS VAZADOS. Condessa Anast

Ucraniana da Ucrânia detona sobre a situação com mamãe falei , audios sobre ucranianas e situação no país

Reze-se: Turismo sexual, DIA NACIONAL DO TURISMO, Puta fã!?!, De Brocha Na TV, Projeto Pardo vs. Projeto Branco, Mulheres russas falam português

Efeito Mandela

O Efeito Mandela é um fenômeno que ocorre quando um grupo de pessoas compartilha uma memória falsa. intrínseca

O caso que deu nome ao fenômeno começou com Fiona Bromme, uma pesquisadora de efeitos sobrenaturais, e uma convenção de Star Trek.

Looney Tunes

Fiona acreditava que Nelson Mandela havia morrido na década de 1990, quando, na verdade, o ex-presidente sul-africano faleceu em 2013, aos 95 anos. Conversando com outras pessoas no evento, percebeu que muitas compartilhavam da mesma crença — algumas até afirmaram assistir à transmissão de seu funeral décadas atrás.

Resultado de imagem para efeito mandela c-3po

Countless people swore he died when he was held prisoner in the 1980s and distinctly remember news coverage of the funeral.

Como tantas pessoas tinham a mesma memória falsa? Após divulgar o ocorrido em sites e fóruns, a teoria se espalhou, e usuários ao redor do mundo começaram a comparar lembranças. Hoje, Fiona se dedica a reunir e estudar casos como esse em seu site.

https://i1.kym-cdn.com/photos/images/newsfeed/001/207/487/4ac.jpg

The “Mandela Effect” can be described as a phenomenon where a large group of people tend to have memories of a thing that actually did not happen.

The Mandela Effect is defined as an instance when you remember something that doesn’t match with historical records. In the field of psychology, the term “false memory” is applied to anything that a person remembers incorrectly or inaccurately. MARYN LILESParede

The Mandela effect has seen different theories in an effort to determine the reason for its existence. Many believe that it is caused by time travel while other think it is as a result of the shifting of parallel universe (that we probably once lived in a slightly different universe and we still remember the way things was then but the present reality is different. Psychologists claim that the Mandela Effect is as a result of confabulation (memory defects). The disturbing fact is that, how could a large number of different people from different places have the same sort of false memories. No matter what the fact is, the Mandela effect will surely leave you puzzled.

Resultado de imagem para imagem do sexo e a cidade efeito mandela

People are never able to 100% accurately recall memories as they occurred. Our memories get slightly changed as we age and learn new things over time. Other sources of related information can also start blending together with other memories — producing more of this effect.

Efeze-se: Fridays For Future, Mandela day, A lei é a mesma, será Jesus?!?, Livre de Guerre, A solução do problema, A SABEDORIA NO PODER: O caso Pepe Mujica e a expansão dos horizontes da política possível