​ADIOS ALZHEIMER

O Alzheimer faz a pessoa perder a memória e não poder ter mais sentimentos de prazer e alegria, sem o controle de seus próprios corpos.

O paciente perde a consciência por suas ações, e sua própria identidade, porque ele já não pode mais reconhecer-se. Perde o caráter, a vontade e o poder de decisão, e precisará dos outros para controlar a sua própria vida.

Não pode reconhecer seus amigos e familiares, e até mesmo seus próprios filhos, sua vida, com o Alzheimer, o tornará totalmente vegetativo! ! ! !

Alguns exercícios para amenizar isso!!

O hemisfério direito do cérebro vai agradecer …
A doença de Alzheimer pode ser evitada ou amenizada, simplesmente, mudando de mão ao escovar os dentes!!! 

Ou seja, ao mudar algumas rotinas, leva-se à estimulação das forças do cérebro direito. Esta é uma nova técnica para melhorar a concentração, desenvolver a criatividade e inteligência, realizando estes simples exercícios de neuróbica.
Uma descoberta no “Neuroscience” revela que o cérebro tem uma capacidade extraordinária de crescer e mudar o padrão de suas conexões.
Os autores desta descoberta, Lawrence Katz e Manning Rubin (2000), revelam que neuróbica, ou “neurônios aeróbicos” é uma nova forma de exercício cerebral, projetada para manter o cérebro ágil e saudável, criando novos e diferentes padrões de comportamento, e as atividades dos neurônios em seu cérebro.

Cerca de 80% de nossas vidas diárias, é ocupado por rotinas que, apesar de ter a vantagem de reduzir o esforço intelectual, escondem um efeito perverso: limitam e atrofiam o  cérebro, não permitindo a renovação e crescimento dos neurônios.

Para contrariar esta tendência, é necessário praticar alguns “exercícios para o cérebro”, que fazem a pessoa pensar apenas no que você está fazendo, concentrando-se na tarefa. O desafio da neuróbica está a fazer tudo ao contrário do de rotina, forçando o cérebro a um trabalho adicional.
Alguns dos exercícios para desenvolver neuróbica:

– Use o relógio na mão oposta à normalmente utilizada.

– Escovar os dentes com a mão oposta.

– Caminhe ao redor da casa, de volta, ao contrário do que na ida (na China, esta rotina é praticado em parques).

– Vista-se com os olhos fechados.

– Incentivar o paladar com as coisas em diferentes sabores.

– Veja fotos de cabeça para baixo (ou fotos, ou você).

– Verifique o tempo no espelho (olhe o relógio pelo espelho).

– Alterar a forma de rotina (itinerário) para ir e voltar para casa.

– Você pode fazer muitas outras Neurobics exercícios, dependendo de sua própria imaginação.
A idéia é mudar a rotina de comportamento. Para isso, precisamos fazer algumas coisas diferentes, para o exercício do outro lado do seu cérebro (o direito), estimulando-o dessa forma.

Que tal se você começar a praticar agora, utilizando celular com a outra mão e enviando esta mensagem para seus amigos … ???

E imaginar, que no final, irá enviar a mensagem enviada com a mão esquerda, e que conseguiu uma grande obra!! 

Mas é bom desenvolver todas as neuróbicas!!

E NUNCA

TEREMOS MAL DE ALZHEIMER !!! ….
 “Quando alguém recebe algo valioso que irá beneficiá-lo, tem a obrigação moral de compartilhar com os outros.”

👏👏👏👏👏👏

Repassando…com a mão esquerda, eu fiz.

Editado via celular. Fonte: Whatsaap

O tenebroso esquema pirâmide

Sinto informar mas sua vida é uma pirâmide. Um exemplo simples que todos conhecemos: o casamento e a família.

O gráfico esconde todos os segredos de um prato ideal, aprenda a interpretá-lo.

A pirâmide pode servir de base para alcançar todas as metas. 

A cultura, as preferências e o padrão alimentar da população são levados em consideração . É por este motivo que existem variações dessa ferramenta educativa. Minha Vida

A cultura do Brasil adota uma estrutura hierárquica onde a alta direção tem pouco ou nenhum contato com a área operacional da empresa, não enxergando a necessidade da sua participação no momento da formulação estratégica.

A alta gerência deve estabelecer um papel de liderança estratégica, buscando mais proximidade com as mesmas e seus processos correspondentes. administradores.com

A fim de investigar estratégias de marketing internacional focadas na base da pirâmide no Brasil sob uma perspectiva de estratégia como prática social, foi realizado um estudo de caso em uma empresa multinacional norte-americana com ampla atuação no país, mais especificamente no setor de “bebidas e alimentos”. Repositório Digital FGV

O mega empresário americano
John Rockfeller, que não era em nada um empresário 2.0, disse certa vez que a
coisa mais importe a ser feita é a coisa certa. A segunda coisa mais importante
a ser feita é divulgar que você está fazendo a coisa certa.

E você só precisa do mais básico e primórdio
instinto humano: o ato de se comunicar. iMasters

“Pois aparecerão falsos cristos e falsos profetas que realizarão grandes sinais e maravilhas para, se possível, enganar até os eleitos”. Mateus 24.24 – Mikaella Campos

Governo dos 12 ou Visão 12 ou G12 ou ainda grupo dos 12 e outras variáveis como M12, R12 ou Dozão ou Clube da 12 é um modelo religioso adotado por muitas de igrejas que visa criar uma dominação mundial rápida através de um esquema de pirâmide cerebral, de 12 por pessoa, e as 12 dessa pessoa cada uma deve conquistar mais 12, e mais 12, até que não exista mais cestas para encher. Desciclopedia

Sabia onde colocar seus ovos:

Jesusnesse World

Editado via celular

Comente e critique com sabedoria!

Mude conceitos, você pode e deve: INSTANTLY AGELESS ™SUCOS VERDESVIA LÁCTEA PELO NAVEGADORLUMINESCE™, INSTITUTO ALANAVIDACELL®23ª FEIRA INTERNACIONAL DO COOPERATIVISMO (FEICOOP)4 SINAIS DE QUE VOCÊ E SUA CARREIRA SÃO IDIOTASNAARA BEAUTY DRINK!!!DENTE DE LEÃODOUTOR ESTRANHORESERVE™REPO MANAPPS QUE CUIDAM DO SEU PET


Inacreditáveis ilusões de ótica com tinta e maquiagem

http://wp.me/p16lgT-bUC

Artista cria inacreditáveis ilusões de ótica com tinta e maquiagem, podendo até ficar transparente.

Todo seu trabalho como artista visual ilusionista não se vale de nenhum artifício digital como o Photoshop, é feito por ela manualmente utilizando maquiagem e tintas. Dain Yoon pode fazer um desavisado questionar a própria sanidade com sua maquiagem.

Entenda mais: INSTANTLY AGELESS ™DESENHO DE CRIANÇA400 NUDESTURA SATANAFERNANDA SAZUKIILUSTRADOR DESMASCARA OS PERSONAGENS DE FILMES, GAMES E ANIMAÇÕESAELITA ANDREBANIDA DO INSTAGRAMBE MY EYES APPA INVENÇÃO DE HUGO CABRET


Barões do pó

Assustadora mas imperdível a entrevista com o líder do PCC, Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola , ao jornal O Globo.
 Estamos todos no inferno. Não há solução, pois não conhecemos nem o problema. 
O GLOBO: Você é do PCC? 

– Mais que isso, eu sou um sinal de novos tempos. Eu era pobre e invisível… vocês nunca me olharam durante décadas… 
E antigamente era mole resolver o problema da miséria…
 O diagnóstico era óbvio: migração rural, desnível de renda, poucas favelas, ralas periferias… 
A solução é que nunca vinha… Que fizeram? Nada. 
O governo federal alguma vez alocou uma verba para nós?
 Nós só aparecíamos nos desabamentos no morro ou nas músicas românticas sobre a “beleza dos morros ao amanhecer”, essas coisas… 
Agora, estamos ricos com a multinacional do pó. 
E vocês estão morrendo de medo…
 Nós somos o início tardio de vossa consciência social…
 Viu? Sou culto… Leio Dante na prisão… 
O GLOBO: 

– Mas… a solução seria… 
– Solução? 

– Não há mais solução, cara… A própria idéia de “solução” já é um erro. 
Já olhou o tamanho das 560 favelas do Rio? 
Já andou de helicóptero por cima da periferia de São Paulo? Solução como?
 Só viria com muitos bilhões de dólares gastos organizadamente, com um governante de alto nível, uma imensa vontade política, crescimento econômico, revolução na educação, urbanização geral; 

e tudo teria de ser sob a batuta quase que de uma “tirania esclarecida”, que pulasse por cima da paralisia burocrática secular, que passasse por cima do Legislativo cúmplice.
 (Ou você acha que os 287 sanguessugas vão agir? Se bobear, vão roubar até o PCC…) e do Judiciário, que impede punições.
 Teria de haver uma reforma radical do processo penal do país, teria de haver comunicação e inteligência entre polícias municipais, estaduais e federais (nós fazemos até conference calls entre presídios…). 
E tudo isso custaria bilhões de dólares e implicaria numa mudança psicossocial profunda na estrutura política do país. 
Ou seja: é impossível. Não há solução. 
O GLOBO: 

– Você não têm medo de morrer?
 – Vocês é que têm medo de morrer, eu não. 
Aliás, aqui na cadeia vocês não podem entrar e me matar… mas eu posso mandar matar vocês lá fora….
 Nós somos homens-bomba. Na favela tem cem mil homens-bomba… 
Estamos no centro do Insolúvel, mesmo… Vocês no bem e eu no mal e, no meio, a fronteira da morte, a única fronteira. 
Já somos uma outra espécie, já somos outros bichos, diferentes de vocês. 
A morte para vocês é um drama cristão numa cama, no ataque do coração… 
A morte para nós é o presunto diário, desovado numa vala…
 Vocês intelectuais não falavam em luta de classes, em “seja marginal, seja herói”?
 Pois é: chegamos, somos nós! 

Ha, ha… 

Vocês nunca esperavam esses guerreiros do pó, né?
 Eu sou inteligente. Eu leio, li 3.000 livros e leio Dante… mas meus soldados todos são estranhas anomalias do desenvolvimento torto desse país. 
Não há mais proletários, ou infelizes ou explorados. 
Há uma terceira coisa crescendo aí fora, cultivado na lama, se educando no absoluto analfabetismo, se diplomando nas cadeias, como um monstro Alien escondido nas brechas da cidade. 
Já surgiu uma nova linguagem.
Vocês não ouvem as gravações feitas “com autorização da Justiça”? Pois é. 
É outra língua. Estamos diante de uma espécie de pós-miséria. Isso. 
A pós-miséria gera uma nova cultura assassina, ajudada pela tecnologia, satélites, celulares, internet, armas modernas. 
É a merda com chips, com megabytes.
 Meus comandados são uma mutação da espécie social, são fungos de um grande erro sujo.
O GLOBO: 

– O que mudou nas periferias? 
– Grana. A gente hoje tem. 
Você acha que quem tem US$40 milhões como o Beira-Mar não manda? 
Com 40 milhões a prisão é um hotel, um escritório… 
Qual a polícia que vai queimar essa mina de ouro, tá ligado? 
Nós somos uma empresa moderna, rica. 

Se funcionário vacila, é despedido e jogado no “microondas”… ha, ha…
 Vocês são o Estado quebrado, dominado por incompetentes.
 Nós temos métodos ágeis de gestão. 
Vocês são lentos e burocráticos. Nós lutamos em terreno próprio. 
Vocês, em terra estranha. 
Nós não tememos a morte.

 Vocês morrem de medo. 
Nós somos bem armados. 

Vocês vão de três-oitão. 
Nós estamos no ataque.

 Vocês, na defesa. 
Vocês têm mania de humanismo. Nós somos cruéis, sem piedade. 
Vocês nos transformam em superstars do crime.
 Nós fazemos vocês de palhaços.

 Nós somos ajudados pela população das favelas, por medo ou por amor. 

Vocês são odiados. 
Vocês são regionais, provincianos. Nossas armas e produto vêm de fora, somos globais.
 Nós não esquecemos de vocês, são nossos fregueses. 

Vocês nos esquecem assim que passa o surto de violência. 
O GLOBO: 

– Mas o que devemos fazer? 

– Vou dar um toque, mesmo contra mim. 
Peguem os barões do pó! 
Tem deputado, senador, tem generais, tem até ex-presidentes do Paraguai nas paradas de cocaína e armas. 
Mas quem vai fazer isso? O Exército? Com que grana? Não tem dinheiro nem para o rancho dos recrutas…
 O país está quebrado, sustentando um Estado morto a juros de 20% ao ano,

Editado via celular. Fonte: Whatsaap

E um bom dia.

EXPO20XHB

Alex Batista, Bruno Cals, Bruno Soares, Cristiano Madureira, Fernando Sippel, Franco Amendola, Fred Othero, Gianfranco Briceño, Gleeson Paulino, Hugo Toni, João P Teles, Jonathan Wolpert, Marcio Simnch, Nicolas Gondim, Rodolfo Ruben, Rodrigo Marconatto, Rogério Alonso, Rogério Cavalcanti, Sergio Caddah e Tavinho Costa. HOMEM BRASILEIRO

Enxergue mais: EU SOU GUARANI KAIOWÁTODO DIA ERA DIA DE ÍNDIOÍNDIO EDUCATERRA SEM MALESEJU ORENDIVERELATÓRIO FIGUEIREDOSANTO PADRE JOSÉ DE ANCHIETABRÔ MC´SQUE PAÍS É ESSE?OUTROS OLHOSÍNDIAS