Algumas frases desses dias.

“Acreditando na magia que existe na educação! Buscando ser a mudança que quero ver no mundo”! ()

“O mais difícil de aprender na vida, é quais pontes atravessar e quais as ligações cortar.” (desconhecido)

“Viver é desenhar sem borracha.” (Millôr Fernandes)

“Se existe algo ou alguém fora desse planeta, eles devem ser sábios o suficiente para se manter longe da gente.” (CSI)

“Bonito mesmo é essa coisa da vida: Um dia, quando menos se espera, a gente se supera e chega mais perto de ser quem na verdade a gente é.” Caio Fernando Abreu – PROZAC virtual

“QUANDO A MULTIDÃO LIDERAR, OS LÍDERES SEGUIRÃO”. (GANDHI)

“SABEDORIA não é ter ou saber muito, mas fazer uso inteligente do que se tem e do que se sabe.” (Desconhecido)

“Estamos aqui para sofrer e não para ser feliz, porque ser feliz é muito fácil.” (Edson Novaes)

“Eu posso te matar quando quiser, mas não hoje.” (Cigarette Smoking Man)

Veja também: Graviola, A culpa é de quem!; Frase do dia.; Carta da Terra, Queda Livre!, Amor do pai, Eternidade., O tempo chegará, Omissão., Vida inteligente., Hoje., I Have a Dream, Olá, mundo!, 50 filmes que são melhores do que o livro

Clarice Lispector do Samba, Clara Nunes.

Morena de Angola, Clara Francisca Nunes Gonçalves Pinheiro, nasceu em Cedro Cachoeira, berço têxtil de Minas Gerais, então distrito de Paraopeba, com a emancipação política, em 1954, o distrito virou Caetanópolis, em 12 de agosto de 1943, e morreu no Rio de Janeiro, em 2 de abril de 1983, vítima de um choque anafilático durante uma cirurgia corriqueira de varizes. Adelzon Alves, produtor dos primeiros discos: “Clara tornou-se um mito nacional e referência para a cultura afro-brasileira. Ao morrer foi levada pela Portela que a retirou da clínica São Vicente para ser velada na quadra da escola. Daí prá frente ela não pertencia mais a família, e sim ao povo que a consagrou”.

No ano de 1960, foi a vencedora do concurso “A voz de ouro ABC” na fase mineira, com a música de Vinicius de Moraes “Serenata do adeus”. Obteve o 3º lugar na final realizada em São Paulo, com a música “Só adeus”, de Jair Amorim e Evaldo Gouveia, sendo contratada pela Rádio Inconfidência de Belo Horizonte. A primeira cantora brasileira a vender mais de 100 mil cópias de discos, entre fins dos anos 1970 e começo da década de 1980, vendia mais de 1 milhão de cópias de cada novo disco.
“Não sou uma cantora de sambas. Sou uma cantora de música popular brasileira”.

Sílvia Brügger vê na obra da cantora a união de uma proposta política de valorização do canto genuíno do povo brasileiro com uma espécie de missão religiosa que se dá em um momento de afirmação das religiões afro-brasileiras. “Clara Nunes se transformou na voz de um grupo de sambistas dos morros do Rio de Janeiro que não tinha representação nas rádios. Durante a ditadura militar, os setores da esquerda buscaram a música popular como forma de contestação ao regime, e a Clara se encaixava nesse contexto, por se posicionar sempre em defesa da música de raízes brasileiras, propondo inclusive um antagonismo com a música estrangeira, em especial o rock”.

“Quando ela chegava com aquela força que ela possuía, era uma luz tão forte, que alegrava todo o ambiente. Não dá prá lembrar dela com tristeza. Saúde sim, tristeza não”. (Monarco-Portela)

O compositor Paulo César Pinheiro, viúvo da cantora estuda uma proposta da cineasta Cristiana Grumbach, diretora do longa metragem que focará a trajetória e a vida artística da artista, para 2011.

Fonte e Agradecimentos: Blog Oficial Clara Nunes

Veja também: Perto do Fogo, Clara Nunes, Cantar, Carnaval é Perfeição!, Editora Rocco, Amostra de tintas

Saúde nossa de cada dia!

correntes-mentais1

“Às vezes, as correntes que nos impedem de sermos livres, são mais mentais que físicas.” (Foto) – Um canceriano sem lar

Os 10 MANDAMENTOS DOS MÉDICOS DO SUS

1 – Se você não sabe o que tem, dá VOLTAREN;
2 – Se você não entende o que viu, dá BENZETACIL;
3 – Apertou a barriga e fez ‘ahhnnn’, dá BUSCOPAN;
4 – Caiu e passou mal, dá GARDENAL;
5 – Tá com uma dor bem grandona? Dá DIPIRONA;
6 – Se você não sabe o que é bom, dá DECADRON;
7 – Vomitou tudo o que ingeriu, dá PLASIL;
8 – Se a pressão subiu, dá CAPTOPRIL;
9 – Se a pressão deu mais uma grande subida, dá FUROSEMIDA!
10 – Chegou morrendo de choro, ponha no SORO.

image348

e mais…

Arritmia doidona, dá AMIODARONA…
Pelo não, pelo sim, dá ROCEFIN.
… e SE NADA DER CERTO, NÃO TEM NEUROSE DIGA QUE:
É SÓ ESSA NOVA VIROSE!!!

0sbuk

No dia do Juízo Final, os médicos terão de responder por mais vidas do que os generais.

Napoleão Bonaparte – Pensador

image361

A Anvisa desenvolve estratégias de educação com orientações sobre os riscos da auto-medicação, o consumo seguro de medicamentos, e a influência da propaganda enganosa e abusiva, além de promover a capacitação do profissional para desenvolver ações e estratégias em educação, comunicação e saúde para serem trabalhadas pelas escolas.

Enxergue mais: UM MEDICO DE BELZONTE, NAARA BEAUTY DRINK!!!, MEDICINA TRADICIONAL YANOMAMI ON-LINE, Como a indústria do fumo enganou as pessoas?, INSTANTLY AGELESS ™,  A onda, Os cães, 1984!, A culpa é de quem!, Alzheimer, Adoro essa parte da anatomia femimina., Não Foi Acidente, Quem paga o Carnaval!, Instituto Pindorama, voluntariado., RESERVE™Repo man, E agora???, Exame com uma gota de sangue, EMVSucos caseiros cheios de saúde., VIDACELL®JA Escalada do Monte Improvável, de Richard Dawkins