Zanshin

Os grandes mestres do tiro com arco geralmente ensinam que “tudo está mirando”. Onde você coloca os pés, como segura o arco, o modo como respira durante a liberação da flecha – tudo isso determina o resultado final.

Zanshin é uma palavra usada comumente nas artes marciais japonesas para se referir a um estado de alerta relaxado. Traduzido literalmente, zanshin significa “a mente sem descanso”. Em outras palavras, a mente focou completamente na ação e fixou-se na tarefa em mãos. Zanshin está constantemente consciente de seu corpo, mente e ambiente sem se estressar. É uma vigilância sem esforço.
Há um famoso provérbio japonês que diz: “Depois de vencer a batalha, aperte o capacete”. I M P R E S S Õ E S – A I K I D Ô

“Deve-se abordar todas as atividades e situações com a mesma sinceridade, a mesma intensidade e a mesma consciência que se tem com o arco e a flecha na mão.”

Kenneth Kushner, uma flecha, uma vida

Primeiramente, antes de se falar em Zanshin, acredito ser mais fácil de entendê-lo após compreender a palavra em si. Dessa forma, segue uma pequena explicação sobre o significado do ideograma de Zanshin (残心):

– 残 Zan, Noko(ru), Noko(su), Soko(nau): Remanecer, sobrar, deixar.

– 心 Shin, Kokoro, Ura: Coração, espírito.

“Zanshin” é um termo muito usado no mundo das Artes Marciais japonesas mas vai além, o termo também é usado no Zen, Sado (Cerimônia do Chá) e até mesmo nas artes cênicas japonesas. Alexandre Pereira – Tsurugi no Michi

Veja também: Convite à Filosofia, Máquinas Voadoras, Baleia ou sereia., O Livro de Eli, Candelária, The Matrix Norris, Rorschach, Cão Nosso, Signo Geek, Batman – O Livro dos mortos, Brigada 49, Desenho de criança, Touché Turtle, Marvel, Amostras grátis, é possível., I AM BRUCE LEE

Edited by cell

Dia do abraço

Algumas razões para que você abrace e se permita abraçar:

1. Abraçar induz a oxitocina no organismo.

2. Abraçar constrói laços mais fortes com as pessoas que você se relaciona.

3. Abraçar reduz o stress.

4. Abraçar reduz a pressão arterial.

5. Abraçar é uma boa ação recíproca.

6. Abraçar faz-nos sentir incríveis!

7. Abraçar vira o mau humor de cabeça para baixo.

8. Abraçar reconecta a mente com o corpo.

9. Abraçar mais, faz-nos melhores “abraçadores”!

10. Abraçar cultiva a paciência. Pitacos e Achados

Os abraços podem trazer alguns benefícios à saúde.

1. É muito bom: o abraço libera uma substância chamada oxitocina, também conhecida como o hormônio do bem-estar.

2. Faz você se sentir sexy: o benefício mais óbvio para o abraço entre um casal está no sentido físico.

3. Reduz o estresse e a pressão arterial: o contato físico com outras pessoas pode ajudar a reduzir o estresse.

4. Ligação entre mulheres com os bebês: o abraço também é saudável por conta do apego emocional.

5. Ajuda na comunicação: o abraço não causa apenas atração física. A maioria dos casais queixam-se problemas de comunicação. Pitacos e Achados

Esta data teria surgido a partir da iniciativa do australiano Juan Mann que criou a campanha Free Hugs Campaign, em 2004, com o simples objetivo de distribuir abraços “gratuitos” pelas ruas de Sydney. Calendarr

ENXERGUE MAIS: O poder do abraço, EL CHAVO DEL OCHO, NAARA BEAUTY DRINK!!!, SOZINHO NÃO!, A NOITE, A MÁSCARA E ALGUMAS VERDADES, A SUA HORA VAI CHEGAR, “Eli, Eli, lamá sabactâni”

Edited by cell

Dia Mundial da Reciclagem

RECICLAGEM – (s.f.) Ato ou efeito de se recuperar a parte útil dos dejetos e de reintroduzi-la no ciclo de produção de que eles provêm: reciclagem do papel.
Ato ou efeito de se reprocessar uma substância, quando sua transformação está incompleta ou quando é necessário aprimorar suas propriedades ou melhorar o rendimento da operação como um todo. (dicio.com.br) @consumo.mais.consciente
Tanto o meio científico, acadêmico, empresarial, governamental como o comunitário, passaram a colocar em voga esta discussão, contribuindo e implementando leis e técnicas para a gestão dos resíduos e sua destinação à reciclagem. Leis nacionais, estaduais e municipais sobre resíduos foram construídas e aprovadas no Brasil e em outros países em quase todo o planeta. Planos de gerenciamento de resíduos estaduais e locais foram/são planejados, coleta seletiva foram/são implantadas nas cidades, jornais e outros meios de comunicação passaram a divulgar a reciclagem e, até mesmo, empresas associam-se e divulgam suas marcas e informações vinculadas à reciclagem.

O Dia Internacional da Reciclagem foi instituído pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência, e a Cultura), a ser comemorado no dia 17 de maio.
Reduzir, Reutilizar e praticar, dentro da Reciclagem, a coleta seletiva, que nada mais é que a separação dos materiais que podem voltar para o ciclo produtivo e evitar a retirada de mais recursos naturais. Recicloteca

Segundo dados de um relatório da Internacional Solid Waste Association (ISWA), 22 milhões de toneladas de lixo são depositadas por ano em 50 lixões, o equivalente a 250% da produção anual de café no mundo.

No Brasil, apenas 18% da população são atendidos pelo programa de coleta seletiva para destinar o lixo corretamente para a reciclagem, de acordo com dados do Compromisso Empresarial para a Reciclagem (Cempre). Organics News Brasil

Veja também: RECICLE MAIS, PAGUE MENOS, Miniusina de energia, Viabilidade???, Free Energy, Empoderamento dos recursos, Por que falta água?, Problemas sociais, O papel da lareira, Todo Dia Era Dia de Índio, Na trave!, Qual o volume ocupado por 1 trilhão de reais?, Simulador Solar, Planta autosuficiente, Instituto Pindorama, voluntariado., Casa sustentável

Edited by cell

Matrix Reverse

Matrix é um clássico da ficção científica, feito com um orçamento de 65 milhões de dólares, que foi astronômico em 1999. Sua arrecadação também foi astronômica com 456 milhões. Mas o pessoal do Studio 188 faz de tudo para provar que você pode recriar efeitos especiais, adereços, cinematografia e configurações sem gastar muito dinheiro. mdig

The Matrix low cost versionStudio 188Youtube

Edited by cell

Capital Cultural

A metáfora criada pelo sociólogo francês Pierre Bourdieu busca explicar como a escola, ao não levar em conta o capital cultural de alunos vindos de diferentes meios sociais, ajuda a manter essas diferenças e estratificar a sociedade. Educação e Sociedade – Capital Cultural – UNIVESP

Este vídeo faz parte da disciplina “Educação e Sociedade – https://goo.gl/xuJrLg do curso de Pedagogia Univesp / Unesp.
Programa produzido em 2008.

*Obs.: Os links de todas as disciplinas do Curso de Pedagogia Unesp / Univesp podem ser encontrados na Descrição desta Playlist – https://goo.gl/zughX1

Veja também: O crime compensa, Deixa o menino brincar!, Todos querem ser felizes!, Sexo seguro!, FHC = THC, A onda, A Revolta dos Macacos, Não sou de postar coisas religiosas, mas as vezes, esse tipo de coisa é que me deixa com muita raiva da sociedade!, Criacionismo., Feliz dia do índio!!!, 3º opção, Paulo Freire, The Sustainability Treehouse

Edited by cell

Bou Bou

Bou Bou Design está no Facebook.
The sensational talent, @bou_bou_design_ on Instagram, has a variety of videos on his page, most drawn upside down and blindly. BellaNaija.com

Bou bou design (@DesignBou) | Twitter

BOU BOU. The sky is the limit. https://Instagram

Bou Bou Art 2 – Youtube

Observe mais: ARTE FORA DO MUSEU,LUMINESCE™, FREENET, EJU ORENDIVE, HORRIBLE HISTORIES, Dinas Miguel, ENTRE A MERDA E A REPRESSÃO, ANIVERSÁRIO DA REVOLUÇÃO DE 1964,VIDACELL®, A HORA DO SUFOCO, FOME DE BOLA, LIVROS PARA COLORIR,RECEITA PARA CONSTRUIR SUA CASA COM SUAS PRÓPRIAS MÃOS, YES OU SISTEMA DE MELHORAMENTO DA JUVENTUDE, SUA SEGURANÇA?, CADTEC E LEI DE ZONEAMENTO

Edited by cell

Uma Noite de 12 Anos

“Sem nomes e sem mágoas”. Foi com esse pensamento que os escritores Mauricio Rosencof e Eleuterio Huidobro se dedicaram a escrever as suas “memórias do calabouço”. Juntos com José Pepe Mujica, eles passaram doze anos encarcerados com outros sete colegas, na prisão de Puntas Carretas, onde hoje funciona o Shopping Center mais chique da capital. politize!

O filme Uma Noite de 12 Anos opta por um excelente recurso narrativo para nos situar neste clima de guerra: a câmera realiza uma panorâmica de 360º sobre seu próprio eixo para registrar o encarceramento de pessoas e acompanhar a resistência dos prisioneiros. Dito de outra forma, as cenas iniciais são feitas de maneira a caráter panóptico do sistema carcerário. Essa dimensão panóptica das instituições modernas foi problematizada por Michel Foucault. De acordo com o filósofo, escolas, quartéis, hospitais, indústrias e prisões deixaram um legado comum: a tarefa de disciplinar hábitos, costumes e comportamentos através, por exemplo, de sirenes escolares, exercícios físicos, apitos de fábricas, iluminações semafóricas, dentre outros dispositivos.

O filme “Uma Noite de 12 Anos” mostra a resistência do ex-presidente do Uruguai, do começo ao fim dos anos sombrios da ditadura militar no país vizinho, José Alberto Mujica Cordano, vulgo Pepe, era guerrilheiro no melhor estilo Marighella, tendo um papel importante dentro do grupo político de esquerda Movimiento de Liberación Nacional Tupamaros, no qual ingressou em meados de 1960. Vivimetalium
A formação viria a ser inimiga número 1 do Estado totalitário e suas principais características do movimento subversivo estava o de revelar casos de corrupção no governo e concentração de riquezas de empresários, assaltos a bancos e clubes de armas, sequestros e assassinatos. O dinheiro que conseguiam era distribuído entre a população mais pobre de Montevidéu, atraindo apoio popular. Vivimetaliun

A sua principal lição para o mundo, porém, diz respeito à sua personalidade rudimentar. O político sempre viveu em condições consideradas simples – afinal, o que é mesmo o luxo, não é? -, vivendo numa chácara de um quarto, que divide até hoje com a companheira de guerrilha e de vida Lucía Topolansky desde meados de 1970, tendo como automóvel um Fusca azul de 1987.

Pelo premiado cineasta sérvio Emir Kusturica, que dirigiu o documentário ‘El Pepe, una vida suprema’ sobre a sua trajetória, Mujica foi chamado de “o último herói da política”.

Veja também: José Mujica maconheiro?, Ervas medicinais, FHC = THC, Saudação ao Sol, Comida de gente, Convite à Filosofia, Chás que Ajudam a Emagrecer, Paulo Freire, Jesus Negão, Umbrella Corporation, Piada sem sabor!, O poder da maconha, Casa da árvore, A. A. ou Bêbado Conhecido?!!?

Edited by cell

LEGO e sua turbina eólica de cana

O CEO da Lego, Niels B. Christiansen, declarou que a família por trás dos brinquedos mais conhecidos do mundo está empenhada em substituir o material que, desde 1934, está presente nvivimetaliunas casas de família ao redor de todo o mundo.

O plano é que todas as linhas de Lego sejam fabricadas com materiais sustentáveis até 2030, e compostos à base de cana-de-açúcar são os favoritos para assumir o papel. Vivimetaliun1

O lançamento dos seus primeiros blocos sustentáveis feitos com 98% de polietileno obtido da cana de açúcar, não por acaso todos verdes e no formato de árvores e plantas, no kit Plants from Plants, que marcam o começo de uma grande mudança, que começou 3 anos atrás, quando o LEGO Group investiu cerca de 134 milhões de euros na pesquisa de novos materiais sustentáveis. meiobit

A empresa está lançando agora seu primeiro brinquedo feito com o material. A novidade só reforça o compromisso da empresa com a sustentabilidade.

Trata-se de uma turbina de energia eólica completamente funcional feita com os blocos de montar, lançada em parceria com a empresa Vestas, líder no setor.

o kit será composto por mais de 800 peças e terá cerca de um metro de altura. A turbina de energia virá acompanhada de uma casinha de LEGO com luzes externas, um cachorro, e três personagens representando funcionários da Vestas. Vivimetaliun2

LEGO Plants Now Made from Real Plants – LEGO Group
Mais pecinhas: EJU ORENDIVE, AUDIOTECA SAL E LUZ, Fusca de Lego, HO’OPONOPONO, Palavras que não podem ser traduzidas, HORA DO CÓDIGO, FALANDO SOBRE LIBRAS, BIBLIOTECA WEB, Coleta seletiva de lixo, CURUPIRA, Impressora braile feita em LEGO, Stanley Kubrick, GOVERNO ABERTO, MANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Edited by cell

Medellín: agricultura urbana

A agricultura urbana se tornou uma opção prática para quem vive nas grandes cidades e pretende ter um contato mais próximo com a natureza. Os jardins improvisados em lajes, paredes – os chamados jardins verticais – e varandas ganham espaço em meio à arquitetura cinza. A assistente social Yarledis Holguín possui seu próprio pequeno jardim, onde planta verduras e legumes. Querendo levar essa experiência para outras pessoas, ela criou um projeto para que os alunos de uma escola construíssem sua horta. Yarledis conta com a ajuda de parceiros que acreditam em sua ideia para continuar semeando seu projeto de ter uma cidade mais verde e bonita. Grandes cidades – Medellín: agricultura urbana -TV Escola
Medellín ganhou um novo nome internacional. Adeus, capital da violência. Bem vinda, capital da inovação! Priscila Cestarolli – endeavor
Se trata de la huerta “No do Zúñiga”, una iniciativa que tiene la Red de Huerteros de Medellín para incentivar en la ciudadanía los procesos agrícolas de autosostenimiento y aprovechamiento del suelo, cultivando su propia comida. elColombiano
“Queremos despertar la conciencia de lo que implica el proceso productivo y llevar los alimentos a la mesa”, menciona Javier Burgos, uno de los ciudadanos que, junto a otros amigos, inició la Red de Huertas en Medellín.
Javier, Ricardo, Sandra, Juliana y muchos más, disfrutan sembrar. Hacen parte de la Red de Huerteros de Medellín, un grupo de Facebook que también se reúne en la vida real y al que puedes asistir, conectarte con otros, ser voluntario y aprender recorriendo el camino –incluso si no estás en Medellín–. No van a hacerte la huerta pero que sí pueden compartir conocimiento, motivarte y orientarte. Tener una huerta es un asunto diario, un proceso continuo. bacanika
Veja também: Inseticida Natural contra lesmas e lagartas, Arroz com feijão, Semana do Consumidor, Consumo colaborativo, Efeito Borboleta, Hortas e temperos, Faça uma Evolução, Miniusina de energia, Comida esperta, Cabo Jardim, MANUAL DE AGRICULTURA URBANA

Edited by cell

Santa manopla, Thanos

O Infinity Gauntlet tem se mostrado o objeto mais poderoso do Universo Cinematográfico da Marvel, e quem sabe até do mundo dos quadrinhos. J-P Mauro

A inspiração real para a manopla fictícia parece ser católica, a cor do relicário de prata dourada é exatamente igual, e os anéis do relicário são das mesmas cores das pedras da Manopla, embora as cores estejam em uma ordem diferente. O relicário contém a mão incorrupta da mística espanhola do século XVI Teresa de Ávila.


Santa Teresa, segundo o Papa Bento XVI, é uma santa que representa um dos cumes da espiritualidade cristã de todos os tempos, com pelo menos 9 anos, leu a vida dos mártires, que inspiraram nela o desejo de martírio, tanto que chegou a improvisar uma breve fuga de casa para morrer como mártir e ir para o céu (cf. Vida 1, 4): “Eu quero ver Deus”, disse a pequena aos seus pais. PROF. FELIPE AQUINOCleofas
As relíquias da santa foram distribuídas para veneração, mas sua mão foi roubada em 1936 pelo ditador espanhol Francisco Franco. A relíquia foi recuperada por freiras depois da morte de Franco em 1975.

A Manopla foi projetada para conter todas as seis Joias do Infinito, cada uma delas imbuída de um aspecto diferente da criação. Com a Manopla completa, o usuário possui todos os poderes de criação, ou pelo menos as habilidades de um jogador com acesso a todos os códigos. Aleteia

Las Piedras del Infinito, o gemas, tienen en su interior las principales fuerzas del universo, según el mundo ficticio de Marvel: el Alma, el Tiempo, el Espacio, la Mente, la Realidad y el Poder. Quien tenga en su poder estas piedras podrá tener el control de todo el Universo. ChurchPOP


O personagem Thanos (e sua manopla) foi uma criação do escritor e ilustrador Jim Starlin, que disse em entrevistas ter se inspirado em sua educação católica (“escola paroquial e tudo mais”, diz ele) para a criação do mito do Thanos. e-farsas
Enxergue mais: ROBÔ EM BUSCA DE LIBERDADE, Marvel, SANDUÍCHES SEM PÃO, PHILIP K. DICK, NAARA BEAUTY DRINK!!!, Rorschach, DIA MUNDIAL DO ROCK (SÓ NO BRAZIL), Doutor Estranho, BE MY EYES APP, CARRO AUTÔNOMO VAI ATROPELAR VOCÊ, INSTANTLY AGELESS ™, POBRE É “SUB-RAÇA”, ÍNDIO EDUCA, VIDACELL®, CAMPANHA RECOLHE ÓLEO DE FRITURA PARA FABRICAÇÃO DE BIODIESEL, HORA DO CÓDIGO, Multiverso MARVEL, EXPERIMENTO CIENTÍFICO?, RESERVE™, PLACA PIONEER, IMPRESSORA BRAILE FEITA EM LEGO

Edited by cell

Hannah Baker, 17 anos, vadia e suicida.

O que nos dá o direito de menosprezar a dor de outra pessoa? Por mais que para alguém algo não pareça ser tão sério, isso não significa que para outra pessoa a mesma coisa não possa ser o suficiente para entristecê-la, para machucá-la. Então repita a frase: Nunca subestime a dor alheia. hypeness
Há quem se veja em Hannah, com problemas que parecem não ter fim. Há quem tenha se enxergado no papel de um de seus algozes e, quem sabe, tido consciência do quanto isso é cruel. Quem tenha se identificado com um daqueles que simplesmente não faz nada mesmo sabendo que alguém está sofrendo. E ainda, pode haver quem tenha se visto naqueles que não fazem a menor ideia do que acontece a sua volta (os adultos em geral), existe mais uma modalidade de expectador para esta série considerado o pior: aquele que achou tudo um grande mimimi. Essa pessoa simplesmente não consegue se colocar no lugar do outro nem por um instante.
Assistir a história de Hannah Baker devasta os expectadores não apenas por nos apaixonarmos por ela a cada episódio e ela estar morta e não haver final feliz. Mas também porque as pessoas que as fazem sofrer serem apenas comuns e não terem papeis de vilões. Sendo assim, não há sequer a mais remota possibilidade de nos enganarmos: qualquer um de nós pode agir como o mais completo imbecil nesta vida.


De uma forma ou outra, ‘13 Reasons Why’ vem cumprindo um papel importante que é o de gerar reflexões e debates sobre assuntos sérios como abusos físicos, bullying, depressão suicídio, estupro, excesso de bebidas alcoólicas e sobretudo, diálogo e prevenção. No Brasil, segundo o CVV (Centro de Valorização da Vida), associação que fornece apoio emocional e prevenção ao suicídio, desde a estreia da série, os pedidos de ajuda ou de conversa enviados por e-mail aumentaram em mais de 100%, com 25 mensagens mencionando a série. Os contatos da associação foram disponibilizados pela Netflix no site www.13reasonswhy.info/#bra, que é mencionado no episódio “Tentando Entender os Porquês”, uma espécie de making of da série, em 31 de março, internautas começaram a campanha #NaoSejaUmPorque no Twitter publicando frases contra o bullying.

Enxergue mais: DIA DO VOLUNTARIADO, DEPRESSÃO MASCULINA, LIPPY E HARDY, WHERE IS MY MIND, A MEDITAÇÃO E SEU CERÉBRO, ESSA NOITE NÃO, POSITIVIDADE, JUSTIÇA DE MIERDA, Liberdade Privatizada, THE STREET STORE, Goodall MORRE EM PAZ, Segunda temporada de ’13 reasons why’ (trilha sonora), Setembro Amarelo,você nunca esteve sozinho?, Suicídio indígena

Edited by cell

Radio Garden

O Radio Garden permite que os ouvintes explorem processos de transmissão e identidades auditivas em todo o mundo.

O Radio Garden é desenvolvido em conjunto com o Studio Puckey no contexto do projeto de pesquisa internacional Transnational Radio Encounters . Em 2017, a Moniker transferiu a Radio Garden para o Studio Puckey. Moniker
O Radio Garden é uma mapa interativo com estações de rádio de todo o planeta. Disponível para navegadores web, o serviço gratuito permite girar o globo com o mouse, no estilo Google Earth, para encontrar programações ao redor do mundo, seja para ouvir música ou escutar programas em outras línguas. Desenvolvido em parceira com o Instituto Holandês de Som e Imagem, o site tem também uma proposta educativa. CAIO BERSOTTechTudo

Você pode cadastrar a sua rádio na plataforma que se assemelha ao “Google Earth” porém para busca de rádios do mundo inteiro. Alameda Geek

Veja também: Eju Orendive, Portal Rap Nacional, Xeque Monte, Radio Yandê, Território, hotspot Wi-Fi, A Terra a Gastar, O povo da caixa, Tribo de Jah – Mata Atlântica, A verdade pode estar no ovo, Carrinho de controle remoto, simples e rápido

Editado via celular

Ayrton Senna da Silva

O dia 21 de março é especial para a história brasileira e do automobilismo mundial. Foi nesta data que nasceu, em 1960, na cidade de São Paulo, um dos maiores ídolos do esporte a motor: Ayrton Senna da Silva.Senna foi um dos percursores no preparo físico para a Fórmula 1, utilizando do ciclismo para isso. Com o tempo, acabou se apaixonando pela modalidade. Outro hobby muito próximo de sua grande paixão pelo automobilismo era brincar e regular o motor de jets ski.Em 1994, nasceu o Instituto Ayrton Senna, uma organização sem fins lucrativos que tem o objetivo de dar a crianças e jovens brasileiros oportunidades de desenvolver seus potenciais por meio da educação de qualidade.Acreditamos que a Educação é a chave para mudar o mundo. Assim como o ídolo Ayrton Senna, o Instituto Ayrton Senna não se conforma com os problemas do mundo e trabalha para mudar as coisas para melhor. Acredita que cada criança e jovem tem o poder de transformar realidades, mas precisa de oportunidades para desenvolver seus potenciais.Ao lado da paixão pela velocidade, Ayrton tinha paixão pelo Brasil. Ele almejava um país em que todos tivessem a oportunidade de serem vitoriosos no que sonhassem, mas sabia que essa possibilidade estava distante da maioria dos brasileiros.
Veja também: Eu vou de bike, e você?, Empoderamento dos recursos, Hemp Car, Planta autosuficiente, Filmografia dos carros do cinema, Ilha das Flores, Roda tecnobikelógica, Urna fraudetrônica, Velozes e Incompetentes, Quem matou o carro elétrico?

Editado via celular.

AGRUPA

Há 17 anos, o projeto AGRUPA cria hortas e jardins em Quito, no Equador. Agora, com a crise de refugiados na Venezuela, eles criaram uma horta especial para os refugiados. Lá é possível morar, plantar e pensar nos próximos passos para uma vida melhor. DW
O Projeto de Agricultura Urbana Participativa (AGRUPAR) é uma iniciativa realizada pelo governo local de Quito com diferentes organizações comunitárias a fim de contribuir para a melhoria da qualidade da vida da população vulnerável do Distrito Metropolitano de Quito através de atividades agrícolas que levam à segurança e a soberania alimentar, a melhoria de receitas, a geração de empregos, uma melhor gestão ambiental, a equidade de gênero, a inclusão social e a geração de empreendimentos produtivos. LATINNO
Veja também: Instituto Pindorama, voluntariado., Bolsa ruralista, quer que desenhe?, Viabilidade???, Inseticida Natural contra lesmas e lagartas, Hortas e temperos, Sorvete de cachaça, Vinho, Ver dura?, Café com Dengue., Faça parte de boas mudanças: contribua com projeto pelo fim do uso dos agrotóxicos!, Ervas medicinais, O de Otário, Scoring drugs, Garfield e fast food.

Muguets para você!!!

As celebrações dedicadas a Flora, deusa romana das flores e também protetora da natureza, aconteciam no dia 1º de maio e fazia parte do ritual ofertar muguet em sua homenagem. Já na cultura celta, as flores muguets representavam amuletos que afastavam os maus espíritos e eram oferecidas aos deuses no primeiro dia de maio, pois eram quando iniciavam a contagem regressiva para o verão. Alliance França Campinas

http://1.bp.blogspot.com/-o7_MuL4_cB0/U2Ie4FXw1WI/AAAAAAAAZLk/hOEFHdLRDOA/s1600/muguet2.jpg
Le muguet est la fleur emblématique du Premier mai en France .
Signe de politesse et de délicatesse, la tradition d’offrir un bouquet de muguet remonterait a la Renaissance et signifiait que vous souhaitiez beaucoup de bonheur a la personne qui le reçoit .
Si le muguet possède 13 petites clochettes ou plus, l’heureux qui recevra la fleur aura en plus la félicité éternelle.

Le muguet du 1er mai est aussi associe historiquement a l’esprit de revendication et commémore la lutte syndicale a cette date précise pour la journée de huit heures de travail.

Depuis 1947 , le premier mai est un jour férié et le muguet est plus que jamais la fleur qui représente ce jour , autant pour sa portée politique que pour ses vertus porte-bonheur.

C’est ma provence

Editado via celular

Dia do Índi(o)gena!!!

O dia 19 de abril é conhecido no Brasil todo como o “Dia do Índio”, sua origem remete a um protesto dos povos indígenas do continente americano, quando o Congresso Indigenista Interamericano, realizado em Patzcuaro, que aconteceu entre os dias 14 e 24 de abril de 1940, organizado no México se propôs a debater medidas para proteger os índios no território, foram definidas algumas medidas genéricas a serem tomadas em favor da defesa dos povos indígenas:
– “respeito à igualdade de direitos e oportunidades para todos os grupos da população da América”;

– “respeito por valores positivos de sua identidade histórica e cultural a fim de melhorar situação econômica”;

– “adoção do indigenismo como política de Estado”;

– “o Dia do Aborígene Americano em 19 de abril”.

Somente em 1943 foi instituído decreto-lei (art. 180 da Constituição) instituído pelo presidente Getúlio Vargas, que finalmente estabeleceu a data comemorativa. O responsável por convencê-lo foi o general Marechal Rondon – que tinha origem indígena por seus bisavós e chegou a criar, em 1910, o Serviço de Proteção ao Índio – que depois viria a se tornar a atual Funai (Fundação Nacional do Índio). BCC

Veja também: FELIZ DIA DO ÍNDIO!!!, Trator, Índias, Meio o quê?, Ferramentas de destruição em massa., Plante uma árvore, Dicas de uma árvore, Bandeirantes Modernos, A casa dos outros, O povo da caixa, 22 de todos os dias, Território, Catastrofe natural?, Halloween Saci!

Editado via celular

Querido professor, quem é indígena?

Na data em homenagem aos primeiros habitantes do Brasil, uma série de estereótipos e preconceitos costuma invadir a sala de aula, além de antigos, não geram aprendizagem alguma. O que fazer e o que não fazer no Dia do Índio:

1. Não use o Dia do Índio para mitificar a figura do indígena, com atividades que incluam vestir as crianças com cocares ou pintá-las;

2. Não reproduza preconceitos em sala de aula, mostrando o indígena como um ser à parte da sociedade ocidental, que anda nu pela mata e vive da caça de animais selvagens;

3. Não represente o índio com uma gravura de livro, ou um tupinambá do século 14;

4. Não faça do 19 de abril o único dia do índio na escola;

5. Não tente reproduzir as casas e aldeias de maneira simplificada, com maquetes de ocas;

6. Não utilize a figura do índio só para discussões sobre como o homem branco influencia suas vidas. revistapontOcom
Veja também: Planeta dos Macacos, Meio o quê?, Arveres somos nozes, Xeque Monte, Empoderamento dos recursos, Orçamento doméstico, Bike or die!, A Melhor plástica de todas!!!, Mídia Ninja, Olimpíadas, A casa dos outros, Meu nome é Jonas, I Have a Dream, Lixo ou resíduos?

Editado via celular.