Itaipu E-400: o primeiro carro elétrico brasileiro

O Itaipu E-400 foi o primeiro carro elétrico brasileiro lançado pela Gurgel nos anos 1980. Na década de 1970 o Brasil fabricava o seu primeiro modelo, o Itaipu, da Gurgel Motores.

O minicarro com capacidade para 2 passageiros foi o primeiro carro elétrico desenvolvido na América Latina, porém os tempos eram outros e ele acabou não sendo fabricado em série. Vivimetaliun

Apresentado pela primeira vez ao público no Salão do Automóvel de São Paulo – em 1974, o modelo acabou servindo de base para o E-400, um utilitário produzido entre os anos de 1981 e 1982, considerado o primeiro carro elétrico produzido em série no Brasil.

Nas categorias furgão e picape, apesar de inovador apresentava alguns problemas, como baixa autonomia e demora na recarga das 8 baterias, que durava entre 6 e 8 horas.

De acordo com a BYD, o veículo tem autonomia de 250 km a 300 km, dependendo das condições de operação. São números bons: em média, cada ônibus urbano de São Paulo roda 200 quilômetros por dia.

Em complemento às baterias, o veículo conta com motores elétricos embutidos nas rodas, além de sistemas auxiliares hidráulicos e pneumáticos. Desse modo, o sistema de tração do veículo consegue transformar energia cinética em elétrica para armazená-la nas baterias.


A primeira unidade foi entregue à Ambiental Transportes, que opera na zona leste da capital paulista. Atualmente, a empresa é a única que possui linhas atendidas por trólebus.

Mais veículos com a nova proposta deverão entrar em operação. A prefeitura já fala em trocar 60 ônibus a diesel por unidades elétricas. É um número bem baixo se considerarmos que, hoje, a cidade de São Paulo conta com cerca de 14,5 mil ônibus urbanos. A expectativa, porém, é a de que essa quantidade aumente quando a licitação para o sistema de transporte coletivo da cidade for concluída.

Só não será tarefa fácil: a licitação deveria ter sido executada em 2013, mas vários problemas — em especial, divergências com o Tribunal de Contas do Município — fizeram o processo ser adiado. Atualmente, as empresas de ônibus da cidade atuam com contratos emergenciais. tecnoblog

O Itaipu E-400, o carro elétrico produzido pela Gurgel, é tão fácil de dirigir quanto um veículo convencional. Seu desempenho é modesto, mas compatível com o uso no transito urbano. REPORTAGEM DE CLáUDIO CARSUGHI – FOTOS DE CLáUDIO LARANJEIRA

Até chegar ao design final do Itaipú a Gurgel gastou 8 anos em projetos.
O modelo que Quatro Rodas experimentou foi o primeiro a ser produzido e entregue para uso normal, e hoje está a serviço da empresa concessionária de energia elétrica de Brasília. Quatro Rodas n° 251 de junho de 1981 – Gurgel Itaipú E-400 elétrico (páginas: de 64 a 66), in: Gurgel 800

Palavras Perdidas: Eu vou de bike, e você?, Empoderamento dos recursos, Hemp Car, Quem matou o carro elétrico?, Filmografia dos carros do cinema, As mais belas estações, Roda tecnobikelógica, Telha elétrica, Velozes e Incompetentes,

9 respostas para “Itaipu E-400: o primeiro carro elétrico brasileiro”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s