FELIZ 2050

FELIZ 2050Ciência Todo Dia

Um novo ano chegou e com ele uma nova série de possibilidades para o futuro se abrem. Veja o que os humanos do futuro têm reservado para nós. Feliz 2050!

Felize-se: Invenções Geniais Que Provam Que Você Está Vivendo No Futuro, Matéria de Capa: Empregos no futuro, De frente pro futuro, Cem anos da antiga porta para o futuro

Quatro maneiras para você observar o Multiverso

4 MANEIRAS DE OBSERVAR O MULTIVERSOCanal do Schwarza

Os dados não confirmam e nem descartam a teoria dos multiversos, o que pode estar ajudando a proposta a ganhar força entre os físicos. New Scientist – Inovação Tecnológica

Para alguns, a pergunta se existe vida em outros universos é fácil de ser respondida, uma vez que os múltiplos universos seriam nada menos do que réplicas deste nosso universo, em cada um dos quais ocorreria uma das inúmeras possibilidades de eventos que são tão caras à mecânica quântica.

Nessa interpretação, toda vez que você faz uma escolha, você influencia uma infinidade de universos, o que inclui uma infinidade de outros “vocês” – alguns deles levando vidas muito diferentes da sua porque suas decisões “colapsaram” de forma diferente.

Isso pode soar como um conceito vindo de uma imaginação febril, mas muitos físicos acreditam que o multiverso é real.

E eles apresentam seus indícios. Aqui estão quatro deles, quatro maneiras que o multiverso pode estar se manifestando em nosso mundo cotidiano.

A função de onda

Ela nasceu como uma entidade matemática, embora alguns físicos defendam que a função de onda é uma entidade real.

A função de onda descreve as propriedades de qualquer sistema quântico. Essas propriedades – a direção do spin de um átomo, por exemplo – podem assumir vários valores de uma só vez, no que é conhecido como superposição quântica. Mas quando medimos uma dessas propriedades, ela tem sempre um único valor – no caso de spin, esse valor é expresso como “para cima” ou “para baixo”.

Princípio da exclusão de Pauli: Cada estado ou orbital eletrônico pode comportar um máximo de dois elétrons, que devem possui valores de spins opostos. Cola da Web

Na tradicional interpretação de Copenhague da mecânica quântica, diz-se que a função de onda “colapsa” quando a medição é feita, mas não está claro como isso acontece. O famoso gato de Schrodinger, nem vivo nem morto até que alguém olhe dentro de sua caixa, ilustra isso.

Na teoria dos multiversos, a função de onda nunca colapsa. Em vez disso, ela descreve a propriedade ao longo de vários universos. Neste universo o spin do átomo está para cima; em outro universo, ele está para baixo. Quando você fizer a medição, “infalivelmente” encontrará o valor da propriedade que vale para este universo.

Dualidade onda-partícula

No experimento de referência para explicitar a dualidade onda-partícula, foram enviados fótons, um de cada vez, por um par de fendas, com uma tela fosforescente atrás delas. A medição em cada uma das fendas registra fótons individuais, que passam como partículas por uma ou por outra fenda.

Mas deixe o aparelho funcionando e um padrão de interferência irá se acumular na tela, como se cada fóton tivesse passado pelas duas fendas ao mesmo tempo e difratado em cada delas, como uma onda clássica.

Esta dualidade tem sido descrita como o “mistério central” da mecânica quântica. Na interpretação de Copenhague, ela é devida ao colapso da função de onda. Deixado à própria sorte, cada fóton vai passar pelas duas fendas ao mesmo tempo: é a medição que os força a “escolher” uma das fendas.

Na teoria dos multiversos, contudo, cada fóton só passa por uma das fendas. O padrão de interferência emerge quando um fóton interage com seu clone que está passando pela outra fenda em um universo paralelo.

Computação quântica

Embora os computadores quânticos ainda estejam em sua infância, eles são, em teoria, incrivelmente poderosos, capazes de resolver problemas complexos muito mais rapidamente do que qualquer computador clássico.

Na interpretação de Copenhague, isto ocorre porque o computador quântico está trabalhando com qubits entrelaçados e superpostos, que podem assumir muitos mais estados do que os valores binários disponíveis para os bits usados pelos computadores clássicos.

Na interpretação dos multiversos, os computadores quânticos são rápidos porque realizam seus cálculos em muitos universos ao mesmo tempo, com as partículas trocando dados de um universo para outro.

Se isso parece muito estranho, lembre-se que, na tradição mais aceita, essas partículas influenciam-se mutuamente mesmo que estejam em extremos opostos da galáxia, tudo instantaneamente – ninguém sabe como.

Einstein chamou isso de ação fantasmagórica à distância, enquanto alguns físicos já defendem que existem influências escondidas além do espaço-tempo.

Se as propriedades quânticas não fossem estranhas o suficiente, físicos já separaram uma partícula de suas propriedades. Vienna University of Technology

Roleta russa quântica

Isto equivale a interpretar você mesmo o papel de gato de Schrodinger.

Você vai precisar de uma arma cujo disparo seja controlado por uma propriedade quântica, como o spin de um átomo, que tem dois estados possíveis quando medido.

Se a interpretação de Copenhague está certa, você tem os familiares 50% de chance de sobrevivência. Quanto mais vezes você “jogar”, menos provável será que você sobreviva.

Se o multiverso for real, por outro lado, sempre haverá um universo em que “você” estará vivo, não importa quanto tempo você jogar. Além do mais, você pode sempre acabar nele, graças ao elevado status do “observador” na mecânica quântica. Você vai apenas ouvir uma série de cliques, já que o disparo da arma vai falhar todas as vezes.

Em outras palavras, “você” vai perceber que é essencialmente imortal – o problema é que não é exatamente esse “você” que agora você chama de eu.

Assim, talvez seja melhor não tentar, mesmo porque tudo isto são hipóteses ou teorias – ou interpretações de hipóteses e teorias.

Segundo um experimento mental chamado “Suicídio quântico”, se você for colocado em uma sala com uma arma nuclear e um gatilho de prótons, você pode sobreviver. Felipe SérvuloMistérios do Universo

Não tente isso em casa

Obserze-se: Multiverso MARVEL, OS ETERNOS DA MARVEL ESTÃO NA BÍBLIA, Free Acess, Se eu não tivesse te conhecido, Esta estação de metrô parece abandonada?, Rick and Morty, C1.21, The Who – My Generation, Outros viajantes do tempo

Onde Estão Todas as Civilizações Inteligentes? (O Paradoxo de Fermi)

Onde Estão Todas as Civilizações Inteligentes? (O Paradoxo de Fermi) Ciência Todo Dia

Os nossos cálculos mais recentes mostram que deveriam existir pelo menos 100.000 civilizações na Via Láctea. A questão que fica é: onde estão todas elas? Esse é o Paradoxo de Fermi, e nesse vídeo apresentaremos as melhores hipóteses para tentar explicar o porquê de nenhuma civilização (caso elas existam) terem feito contato com a gente ainda.

Fermize-se: Australia Day, O PARADOXO DE MORAVEC, O Paradoxo de Fermi, FAKE X DISCERNIMENTO e CARTA 7 de Platão, Religião mental

Boris Kipriyanovich

Mas e se tivéssemos feito todas essas coisas no passado distante, cerca de milhões de anos atrás? Impossível! Certo? Mas, de acordo com as afirmações de um menino russo chamado Boris Kipriyanovich, é verdade. AVIS LEEMysteries Run Solved

Na região de Volgogrado da Rússia, há um menino chamado Boris Kipriyanovich, muitas vezes apelidado de “Boriska” ou “Pequeno Boris”, que acredita-se ser um Criança Estrela Reencarnada.

A mãe de Boris (ou “o pequeno Boriska”, como foi apelidado), Nadezhda Kipriyanovich, afirma que o parto dele, em 1996, foi o mais rápido que ela já viu. Além disso, ela não sentiu nenhuma dor. O menino começou a falar quando tinha apenas quatro meses. E, aos dois anos, começou a ler e “assombrar” os professores de sua escola com uma inteligência precoce. Super Misterioso

Boriska revelou informações detalhadas sobre Marte, sistemas planetários, outras civilizações e coisas extraterrestres desconhecidas que ele não tinha como saber. Ele alcançou habilidades incríveis de linguagem aos 2 anos de idade e começou a falar sobre o universo aos 3.

Em um acampamento com amigos e pais aos sete anos, Boris revelou ser de Marte. Além disso, ele dizia ter como missão salvar a vida na Terra. Ele deu detalhes de sua vida em Marte, como tecnologia avançada e o fato dos marcianos pararem de envelhecer aos 30 anos.

Eles dizem que seu filho visita regularmente uma conhecida Zona Anômala em uma montanha para suprir suas necessidades de energia. Ele adora ler sobre objetos celestes, discutir estranhos fenômenos astronômicos.

Boriska descreveu sua vida anterior, que foi no planeta Marte e acrescentou que a civilização marciana era tão avançada que eles podiam viajar pelas galáxias. Além disso, eles vivem no subsolo, pois o meio ambiente foi envenenado pela radiação em uma guerra nuclear devastadora.

Ele afirmava que era o oxigênio da Terra que nos faz envelhecer, o que é uma explicação cientificamente correta. Porém, a alta tecnologia do planeta fez com que grupos disputassem o poder por lá. E isso levou a uma guerra destrutiva.

Boris afirma que ele e outros habitantes do país perceberam que a Terra caminha para um desfecho igual ao de Marte.

Segundo ele, a vida na Terra vai mudar quando “a Esfinge for aberta”, com a ajuda de um mecanismo secreto atrás de sua orelha. Entretanto, nem mesmo Boris sabe dos detalhes.

Em 2017, 15 anos após as conversas sobre o assunto, cientistas descobriram uma sala secreta em uma das pirâmides. E isso graças a ajuda de aparelhos. Porém, ainda não foram capazes de adentrá-la.

Segundo Boris, a Terra antigamente tinha apenas um único continente, chamado Lemúria. E ele era habitado por pessoas que mediam até nove metros.

De acordo com Boriska, ele visitou a Terra durante a Civilização Lemuriana, uma civilização pré-histórica no continente perdido (hipotético) de Lemuria localizado no Oceano Índico ou no Oceano Pacífico.

Boriska afirmou ainda que viu o fim daquela Civilização Lemuriana cerca de 70,000 anos atrás. No início, seus pais não acreditaram nele, então pesquisaram as coisas que ele disse e descobriram que eram verdadeiras.

Boriska teria desaparecido junto com sua mãe e uma série de tentativas de jornalistas ocidentais para localizá-lo falharam.

Um jornalista foi informado por um de seus associados russos que o menino está agora em uma vila remota. O garoto estaria por lá sob a proteção do governo russo e, por isso, qualquer tentativa de contatá-lo seria inútil.

Especialistas do Instituto de Magnetismo da Terra, Ionosfera e Ondas de Rádio da Academia Russa de Ciências (IZMIRAN) fotografou sua aura, que se revelou excepcionalmente forte. Ele tem o espectrograma laranja, que indica que ele é uma pessoa muito alegre, sugerindo que ele não era um paciente psíquico ou uma pessoa com distúrbios mentais.

Boriska diz que não é a única criança do espaço sideral na Terra, alegando que há outros como ele que também foram enviados para cá em uma missão específica para salvar a humanidade.

Ele afirma que todos são reencarnações e são referidos como “Crianças Índigo” que têm habilidades sobrenaturais e sobreviveram às guerras de Marte.

Desde entre o que falou em entrevistas e em documentários, sendo um muito lembrado o do Projeto Camelot, Boris explicou sobre os movimentos dos planetas e também sobre algumas complicadas equações astrofísicas que são utilizadas atualmente. revista pazes

BORISKA INDIGO: THE BOY FROM MARSMEN IN BLACK

Borize-se: A Educação Proibida, Instalando livros, EXISTEM CRIANÇAS VIVENDO EM MARTE AGORA!, Vai pra Marte!!!, Eles Vivem, , A correlação de Orion, Seres superiores existem?

A mais jovem astrônoma do mundo é brasileira

Quando Nicole Oliveira estava começando a aprender a andar, ela levantava os braços para alcançar as estrelas no céu. Quando tinha dois anos, ela erguia os braços para o céu e me perguntava: “Mãe, dá-me uma estrela’” disse a mãe, Zilma Janaca, 43, que trabalha com artesanato. Marcelo RibeiroHyperscience

Agora com apenas oito anos de idade foi conhecida como a astrônoma mais jovem do mundo, em busca de asteroides por meio de um programa afiliado à NASA, participando de seminários internacionais e encontros com as principais figuras do espaço e da ciência pelo Brasil.

No quarto dela, repleto de cartazes do Sistema Solar, foguetes em miniatura e bonecos de Star Wars, Nicolinha, como é carinhosamente conhecida, trabalha em seu computador estudando imagens do céu em duas grandes telas.

O projeto, chamado Asteroid Hunters, tem como objetivo apresentar a ciência aos jovens, dando-lhes a chance de fazer suas próprias descobertas espaciais, administrado pela International Astronomical Search Collaboration, um programa de ciência cidadã afiliado à NASA, em parceria com o Ministério da Ciência do Brasil.

Radiante de orgulho, Nicolinha disse à AFP que já encontrou 18 asteróides, e se suas descobertas forem comprovadas, o que pode levar vários anos, Oliveira se tornará a pessoa mais jovem do mundo a descobrir oficialmente um asteróide, quebrando o recorde do italiano Luigi Sannino, de 18 anos.

“Vou dar a eles nomes de cientistas brasileiros, ou de membros da minha família, como minha mãe ou meu pai”, disse a animada garota de cabelos castanhos escuros e voz estridente.

“Ela realmente tem o olho. Ela imediatamente identifica pontos nas imagens que parecem asteróides e costuma avisar os colegas quando eles não têm certeza se encontraram algum”, disse Heliomarzio Rodrigues Moreira, professor de astronomia de Oliveira em uma escola particular da cidade de Fortaleza que frequenta com bolsa de estudos.

A família de Nicolinha se mudou para Fortaleza de sua cidade natal, Maceió, a cerca de mil quilômetros de distância, no início deste ano, depois que Nicolinha recebeu uma bolsa de estudos para frequentar a prestigiosa escola. Seu pai, um cientista da computação, conseguiu a manter o emprego em regime de teletrabalho.

“Percebemos que essa paixão pela astronomia era séria quando ela nos pediu um telescópio de presente de aniversário quando ela fez quatro anos. Eu nem sabia o que era um telescópio”, acrescentou Janaca.

Em seu canal no YouTube, Nicolinha entrevistou figuras influentes como a astrônoma brasileira Duilia de Mello, que participou da descoberta de uma supernova chamada SN 1997D.

No ano passado, Oliveira viajou a Brasília para se encontrar com o ministro da Ciência e astronauta Marcos Pontes, o único brasileiro até agora que já esteve no espaço.

Quanto às suas ambições, Nicolinha

“Quero construir foguetes. Adoraria ir ao Kennedy Space Center da NASA na Flórida para ver seus foguetes”, disse ela, que quer se tornar engenheira aeroespacial.

“Também gostaria que todas as crianças do Brasil tivessem acesso à ciência”, diz ela. [Science Alert]

Falando de Astronomia Kids – Live Especial Dia das Crianças!Nicolinha2012 (Transmitido ao vivo em 11 de out. de 2021)

O Programa Falando de Astronomia Kids traz crianças do Clube de Ciências Online Nicolinha&Kids apresentando seus trabalhos em forma de palestras e a participação super especial da Madrinha do Clube: Silvana Copceski (Coordenadora Geral de Popularização da Ciência MCTI).

Apresentadoras: Nicole Oliveira Sara Gabriele Sabrina Cordeiro

As Crianças Convidadas: João Gabriel Julia Bianchi Letícia Andrade Sophia Bessa Veyda Letícia

No Primeiro Bloco: Apresentação das crianças: Veyda Letícia e Julia Bianchi com palestras incríveis para vocês! Momento para responder perguntinhas.

No Segundo Bloco: Apresentação das crianças: João Gabriel, Sophia Bessa e Letícia Andrade com palestras incríveis para vocês! Momento para responder perguntinhas.

Starze-se: Hora do Código, Vulcão Cumbre é jovem!?!, Se você é jovem ainda, Como manipular as massas (Conselhos para o jovem imperador) — Blog do Flavio Siqueira, PROJOVEM, Geração Uber

TOP 12 Unique Flying Machines

TOP 12 Unique Flying MachinesTop Box

Enjoy a selection of the best personal flying machines of 2021 with beautiful music.

From homemade hoverboards and eVTOLs to jetsuits and jetwings: 12+ real flying vehicles that actually fly.

00:00 Intro

00:28 12. Omni Hoverboards

01:15 11. CopterPack

02:18 10. Hoverbike Scorpion S3

03:19 9. LIFT Aicraft HEXA

04:46 8. Kitty Hawk Heaviside

06:02 7. Zapata Flyboard Air

07:27 Zapata EzFly

07:38 6. Opener BlackFly

08:54 5. Alauda Airspeeder MK3

09:52 DCL Big Drone

10:32 4. Jetpack JB-10

12:06 3. Lazareth LMV 496

13:25 2. Gravity Jet Suit

15:21 1. Jetman (Jetwing)

Takanakuy

curiosamente89

Não tem nada melhor do que resolver os conflitos do ano antes dele o mesmo se encerrar, não é mesmo? Afinal, ninguém quer um início com pendências. E existem diversas formas de se acertar com as pessoas que lhe fizeram mal. Alguns conversam, outros mandam presentes, mas no Peru as coisas são diferentes. Lá, eles participam do Takanakuy. Você sabe o que é essa celebração? MeuCâmbio

O evento que ocorre todo dia 25 de dezembro não priva ninguém de participar. Tanto homens, como mulheres e crianças, podem ir ao campo de luta dar um fim nos problemas anuais. Nas lutas masculinas, as ações mais comuns são os socos. Já nas nas femininas, os chutes e pontapés são os golpes mais tradicionais.

Takanakuy, que significa “quando o sangue está fervendo”, é uma tradição indígena que vem dos Chumbivilcas, uma comunidade próxima a Cuzco. O evento é tão importante, que requer uma preparação para participar e assistí-lo, incluindo vestimentas típicas. Muitos dos lutadores utilizam máscaras de esqui coloridas e penduram bichos de pelúcia em cima da cabeça, com o objetivo de intimidar o oponente. As mulheres, têm o costume de trançar os cabelos e colocarem suas melhores saias e chapéus para assistir o confronto.

Não pense que porque a luta livre é realizada na praça de touro local, que não existem regras. No Takanakuy é preciso abraçar o adversário antes da briga, e não é permitido agredir o oponente quando ele está caído: a luta só é válida enquanto ambos encontram-se em pé. Caso o lutador descumpra com o regulamento, não sairá impune, mas castigado, sendo supervisionado por árbitros, que geralmente são as autoridades locais. Algo interessante do Takanakuy, é que apesar do evento ser um confronto agressivo, o índice de lesão é baixo, e, reza a lenda, que você sai sangrando, porém, com as desavenças resolvidas, pode até voltar a ser amigo do oponente.

Visto de fora, o Takanakuy até parece uma exposição irracional à violência, porém, esse é um patrimônio cultural do povo chumbivilcas. Para eles, é uma maneira de eliminar as energias negativas e resolver as desavenças de uma forma honrosa e limpa, uma vez a que as pessoas se prontifiquem a participar do evento.

Quechua for “when the blood is boiling,” Takanakuy is an annual fighting festival in the remote Andean village of Santo Tomás, in Chumbivilcas, Peru. In this Christmastime tradition, community members settle the year’s conflicts – from property disputes to family quarrels – through hand-to-hand combat. The practice is thought to have its origins in the colonial period, and is deeply imbued with code and ritual; it is both a space to resolve questions of honor, and a chance to show off physical strength in front of the community. Nicolas Villaume – American Quarterly

Each year, community members are selected as cargudos, responsible for organizing a series of dances, parades and ceremonies connected to Takanakuy. The festivities include a procession to honor baby Jesus. 

The fighting occurs in an open space. Referees use a whip to maintain the ring of spectators, which often tightens as the fight intensifies. 

The fight ends when one person is on the ground, although the referee can stop the action earlier if necessary. Takanakuy always ends with a handshake and, sometimes, a smile.

Takanakuyze-se: Conemo, Fortalecer a imunidade é importante: saiba o que comer e o que evitar, Felipe Guamán Poma de Ayala, O Tradutor, Leche de tigre

Lá vem Papai Noel

Lá vem Papai NoelPalavra Cantada Oficial

Quem é que vem chegando bem no dia de Natal
E eu espero tanto essa data especial
Com sua barba branca e o seu roupão vermelho
Amigo das crianças, do Brasil, do mundo inteiro
Lá vem papai Noel, lá vem papai Noel
O meu papai Noel, Noel, Noel
Papai, Noel

Eu já te escrevi
Meu nome é Pauleco
Mandei minha cartinha
Meu nome é Sandreca

Lá vem papai Noel
Lá vem papai Noel

Um presente especial de Natal para todos os fãs da Palavra Cantada! Feliz Natal!

Blog Grátis ou Blog Pago? Qual a Melhor Opção?

Se você sabe a importância de ter um blog para sua empresa, já está no caminho certo, sendo assim, eis a grande primeira dúvida de grande parte dos novos empreendedores: “fazer um blog grátis ou um blog pago”? Leandro MendesClientes pela Internet

Quando uma pessoa se decide em começar um empreendimento, uma das coisas mais importantes é tentar gastar o menos possível.

Definitivamente o marketing digital permite este tipo de ferramenta de aquisição de clientes com custo baixo.

Muitos dos novos empreendedores não dispõem de tanto investimento inicial e gerar mais custo com divulgação pode não ser muito viável.

Há uns anos atrás, a prática usual para divulgar um novo empreendimento era criar panfletos e distribuí-los para o maior número de pessoas possível. Hoje em dia isso seria um custo com pouco retorno, então é um custo sem muito sentido.

Uma vez que sua empresa é criada, você precisa de clientes, e sem eles nenhuma empresa existe. Então, um custo bastante importante é o da divulgação e marketing, ao contrário do que muita gente pensa.

Obviamente, este custo é fundamental mas nada que possa ultrapassar o recurso que sua empresa possui.

Isso tudo para dizer que, se você estiver na dúvida entre ter um blog grátis ou um blog pago, apresentarei aqui quais as vantagens e desvantagens desta escolha.

Blog Grátis

Muita gente acha que o que puder ser feito gratuitamente, principalmente quando não se tem muito recurso disponível, melhor, em termos financeiros sim, e existe muita coisa de boa qualidade na internet.

Um exemplo disto, é O Blogger, que é uma plataforma de criação de blogs totalmente gratuita e em poucos minutos você consegue ter o seu blog pronto.

Bastante intuitivo, o serviço não requer conhecimento quase nenhum para se ter um bom resultado, este serviço pertence ao Google e, sem sombra de dúvidas, é algo no qual se pode confiar.

Toda a criação começa escolhendo um tema para o seu blog.

Tema é a aparência que ele terá, a disposição dos itens, fonte, navegabilidade, etc., tudo isto já vem pré determinado de acordo com o tema que você escolher lá na plataforma.

Você vai criar tudo somente arrastando, copiando e colando e digitando textos, em muito pouco tempo seu blog estará funcionando e no ar.

Blog Pago

O Blog pago não é necessariamente uma plataforma paga mas, serviços pagos que você utilizará para produzi-lo e mantê-lo funcionando.

Uma ótima opção é usar o WordPress para isto que é a ferramenta mais usada do mundo para criar sites e blogs de maneira bem simples.

Primeiramente, usar o WordPress permitirá que você construa um blog incorporado ao seu site de forma também bem fácil.

Desta forma, você não precisará de dois domínios ou duas hospedagens para ter os dois serviços funcionando, e você conseguirá captar clientes para a sua empresa através da internet.

Vantagens e Desvantagens do Blog Grátis e Blog Pago

Domínio

O domínio é o endereço do seu site na internet, é único no mundo, ou seja, só você terá o domínio que você escolheu.

Geralmente nos serviços como o Blogger, como nativo da plataforma, você escolhe um sub-domínio do blogspot.

Usualmente seu blog grátis é publicado como “http://www.seudomínio.blogspot.com.br”.

Caso você queira um domínio pessoal, aí terá que comprá-lo.

Desta forma, um domínio único é extremamente melhor para o seu negócio, além de dar mais credibilidade a sua empresa, é melhor para o rankeamento no Google.

Hospedagem

Os blogs grátis não têm o mesmo desempenho que os pagos, isto é por causa do dimensionamento do servidor de hospedagem de um e de outro.

Hospedagens gratuitas e compartilhadas como tipo de serviço são um pouco mais lentas, esta lentidão é ruim para o coeficiente de Page Speed do Google, além de fazer com que os usuários, principalmente de celulares, desistam de abrir o site pela demora no carregamento.

Entretanto, hospedagens pagas sem compartilhamento tem um desemprenho bem melhor, principalmente se for servidor cloud.

Inclusive, servidores cloud atualmente não são tão mais caros que as hospedagens comuns.

Na Digital Ocean, por exemplo, é possível ter um servidor cloud simples, para um site, por cerca de 5 Dólares por mês.

Ferramentas e Funcionalidades

O WordPress conta também com uma gama muito grande de ferramentas e funcionalidades para os mais diversos fins, estas ferramentas são instaladas de acordo com sua necessidade e são chamadas de Plugins.

Com os plugins, é possível adicionar em seu site chats, ou atendimentos online em tempo real de seus clientes.

Além de formulários diversos de contato, o próprio SEO, além de integrações com redes sociais, Google Analytics, e diversos outros serviços.

SEO

SEO é o conjunto de técnicas para que o Google rankeie melhor o seu site nos resultados das buscas.

Em Blogs grátis, não é possível efetuar modificações efetivas para rankeamento.

Já no WordPress instalado em sua hospedagem e seu domínio, é possível efetuar qualquer aplicação de SEO Onpage que quiser.

Os resultados são muito mais eficazes e existem plugins muito bons para isto no WordPress, como o Yoast SEO por exemplo.

Blog: MBAE´MO PARA

Temas do Blog

No Blogger no Google a quantidade de temas é pequena, ou seja, você não consegue personalizar o seu blog grátis de acordo com a sua vontade.

No WordPress a quantidade é gigantesca, tanto de temas gratuitos como pagos.

Há uma infinidade de possibilidades de customizar o seu site e blog como você desejar.

É viável ter um site ou blog grátis feitos através das mais diversas ferramentas existentes na internet.

O Blogger foi somente um exemplo de ferramenta gratuita e de boa qualidade, há outras tantas que você pode achar no mercado com mais ou menos funcionalidades.

Já o preço de se ter um site em WordPress em seu próprio domínio e hospedagem não é alto.

Como citei acima, é possível ter um site ou blog instalado em servidor Cloud, com seu domínio próprio pagando pouco mais de 20 reais por mês.

Quantia essa que é bastante pequena frente todos os benefícios que um site ou blog próprio têm a oferecer a você e seu negócio.

Blogze-se: A blogueirinha e a Joana, Como monetizar seu blog, #SerBlogger: Como Começar Um Blog, Lashon hará, Sisters of the Valley, A floresta amazônica está perdendo 80.000 campos de futebol por dia

Os donos da ração!

Facebook

Dormem na cama dos pais até quando querem. Largam mamadeira e chupeta quando querem.

Só comem o que querem.
E dai? Que mal faz?

Anti-Social aos 11 anos.
Melhor celular a cada Natal.
Surdos com seus fones de ouvido.
Centenas de amigos virtuais.
Não pensam nos riscos.
Festa social? Se não for top, nem vou.
Alto grau de exigência.

Conseguem tudo o que querem.
E dai? Que mal faz?

Os pais não precisam brincar.
O celular faz isso.
Os pais não precisam buscar nas festas.
O Uber faz isso.
Os pais não precisam cozinhar.
O Ifood faz isso.
Os pais não precisam nem educar.

A escola integral faz isso.
E daí? Que mal faz?

Facebook

Nem pensam que tudo o que o filho quer é “um puxão de orelha” e uma bronca: “hoje não é dia de festa! Vai comer comida que presta!”

Criar filhos está “mais fácil”, mais cômodo, afinal, a criança resolve tudo com cliques na tela.
E daí? Que mal faz?

Ler para o filho? Cantar musica e fazer cafuné? Luxo para poucos. Os pais estão desconectados. Precisam de ajuda, mas só aceitam quando a bomba explode.

Pais e filhos sob o mesmo teto mas diálogo zero. Nem um filme juntos.

Mas sempre conseguem aquela selfie de família perfeita.

Afinal, o que importa é mostrar que é feliz.

Ter mil curtidas.
Mal sabem o que é um jogo de tabuleiro.

Pensar virou uma coisa que dói.

Fazer criança pensar parece que é fazê-la sofrer.

E o que você quer ser quando crescer?
Youtuber. Blogueira. Vlogueira.
Digital influencer.
Estudar, entrar na faculdade, se especializar… imagina!! Não sei esperar.
Não sei ouvir não.
Não sei o que é frustração e rejeição.
Culpa de quem?
Ops! Nao se pode falar nisso.
Não pode é mais nada.
Não pode dar palmada, nao pode falar alto, nem em pé com a criança.

Não pode castigá-lo. Não pode nem falar não.
E o tempo passando. Os filhos crescendo. Drogas e suicídio aumentando.

Querem tudo pra já.
Bem no esquema “venha a nós o vosso reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no Céu”. E aí do adulto que não disser “amém,”

Texto: Denise Dias Terapeuta

A lei é a mesma, será Jesus?!?

Sócrates nasceu em Atenas por volta de 469 a.C. Adquiriu a cultura tradicional dos jovens atenienses, aprendendo música, ginástica e gramática. Lutou nas guerras contra Esparta 432 a.C. e Tebas 424 a.C. Durante o apogeu de Atenas, onde se instalou a primeira democracia da história, conviveu com intelectuais, artistas, aristocratas e políticos. Convenceu-se de sua missão de mestre por volta dos 38 anos, depois que seu amigo Querofonte, em visita ao templo de Apolo, em Delfos, ouviu do oráculo que Sócrates era “o mais sábio dos homens”. Trabalhos Escolares e de Cursos

“O verdadeiro conhecimento vem de dentro”

Nessa empreitada de colocar a filosofia a serviço da formação do ser humano, Sócrates não estava sozinho. Pensadores sofistas, os educadores profissionais da época, igualmente se voltavam para o homem, mas com um objetivo mais imediato: formar as elites dirigentes. Isso significava transmitir aos jovens não o valor e o método da investigação, mas um saber enciclopédico, além de desenvolver sua eloquência, que era a principal habilidade esperada de um político.

Gandhi (1869-1948) foi líder pacifista indiano. Principal personalidade da independência da Índia, então colônia britânica.

Mohandas Karamchand Gandhi é amplamente reconhecido como um dos maiores líderes políticos e espirituais do século XX. Honrado na Índia como o pai da nação, foi pioneiro e praticou o princípio de Satyagraha — resistência à tirania através de desobediência civil massiva, não violenta. Unidos pelos Direitos Humanos

“Temos de nos tornar na mudança que queremos ver”

Além de sua luta pela independência da índia, também ficou conhecido por seus pensamentos e sua filosofia. Recorria a jejuns, marchas e à desobediência civil, ou seja, estimulava o não pagamento dos impostos e o boicote aos produtos ingleses.

Enquanto liderava campanhas a nível nacional para mitigar a pobreza, expandir os direitos das mulheres, criar harmonia religiosa e étnica e eliminar as injustiças do sistema de castas, Gandhi aplicou de forma suprema os princípios da desobediência civil não violenta para libertar a Índia do domínio estrangeiro. Ele foi frequentemente feito prisioneiro pelas suas ações, às vezes durante anos, mas realizou o seu objectivo em 1947 quando a Índia adquiriu a sua independência da Grã–Bretanha.

“O futuro dependerá daquilo que fazemos no presente”

O princípio do satyagraha, frequentemente traduzido como “o caminho da verdade” ou “a busca da verdade”, também inspirou gerações de ativistas democráticos e antirracismo, incluindo Martin Luther King e Nelson Mandela. Frequentemente Gandhi afirmava a simplicidade de seus valores, derivados da crença tradicional hindu: verdade (satya) e não-violência (ahimsa).

Madre Teresa de Calcutá

Madre Teresa de Calcutá (1910-1997) foi uma missionária católica macedônia, famosa por seu trabalho de ajuda às populações carentes do Terceiro Mundo. Dilva Frazão – ebiografia

Logo cedo descobriu sua vocação religiosa. Com dezoito anos entrou para a Casa das Irmãs de Nossa Senhora do Loreto. Criou a Congregação Missionárias da Caridade.

Dedicou toda sua vida aos pobres. Em 1979 recebeu o Prêmio Nobel da Paz. Foi Beatificada pela igreja católica em 2003 e canonizada em 2016.

Agnes Gonxha Bojaxhiu é o nome de nascimento de Madre Teresa de Calcutá. Ela nasceu no dia 26 de agosto de 1910, em Üsküp, cidade que fazia parte do Império Otomano, mas que atualmente se chama Skopje, atual capital da Macedônia do Norte, nação que surgiu depois do desmembramento da Iugoslávia. Mundo Educação

A congregação Missionárias da Caridade foi fundada por Madre Teresa de Calcutá em 1950 e atualmente está em mais de 100 países.

Os pais de Madre Teresa eram descendentes de albaneses e chamavam-se Nikola Bojaxhiu e Dranafile Bojaxhiu. O pai era um empreendedor de sucesso que trabalhava com diferentes negócios, enquanto a mãe era dona de casa e cuidava do lar e dos três filhos: Agnes, Aga e Lazar.

A família de Teresa era muito católica e, desde a infância, ela se envolveu com assuntos da igreja. Essa aproximação de Teresa com a religião aumentou consideravelmente depois que seu pai faleceu em 1919.

Foi educada numa escola pública da atual Croácia. Ingressou na Congregação Mariana. Com o consentimento dos pais, no dia 29 de Setembro de 1928, entrou para a Casa das Irmãs de Nossa Senhora de Loreto, em Dublin, Irlanda.

O seu sonho era ir para a Índia, onde faria um trabalho missionário com os pobres. Em 24 de maio de 1931, fez votos de pobreza, castidade e obediência, recebendo o nome de Teresa.

Em 1937, ela professou os votos de pobreza, castidade e obediência e, assim, recebeu o título de “madre”. Seguiu trabalhando na Saint Mary’s High School (a escola administrada pelas Irmãs de Nossa Senhora de Loreto) até 1948. No entanto, ela decidiu abandonar o convento e a escola na qual lecionava para ajudar os pobres de Calcutá de maneira voluntária e independente.

Da Irlanda, Irmã Teresa partiu para Índia. Foi enviada para Darjeeling, local onde as Irmãs de Loreto possuíam um colégio.

Madre Teresa alegou que decidiu abandonar a ordem em que esteve por quase vinte anos porque teria recebido um chamado para trabalhar entre os pobres na Índia. A pobreza na Índia era muito grande, e o contexto do país era de fome e violência, uma vez que, entre 1943 e 1944, a Índia Britânica tinha registrado a morte de milhões de pessoas pela fome. A violência, por sua vez, estava relacionada com o acirramento de ânimos entre hindus e muçulmanos.

De Darjeeling a Irmã Teresa foi para “Calcutá” onde passa a ensinar História e Geografia no Colégio de Santa Maria, da Congregação de Nossa Senhora do Loreto.. Mais tarde foi nomeada diretora.

Em setembro de 1946 durante uma viagem de trem, ouviu um chamado interior que a fez decidir abandonar o noviciado e se dedicar aos necessitados.

Depois de apresentar seu plano, recebeu a autorização do Papa Pio XII, no dia 12 de Abril de 1948. Embora deixando a congregação de Nossa Senhora de Loreto, a Irmã Teresa continuava religiosa sob a obediência do arcebispo de Calcutá. Só em 08 de Agosto de 1948 ela deixou o colégio de Santa Maria.

Madre Teresa dirigiu-se para Patna, para fazer um breve curso de enfermagem. Em 21 de dezembro obtém a nacionalidade indiana. Data em que a irmã reuniu um grupo de cinco crianças, num bairro pobre e começou a dar aula.

Pouco a pouco, o grupo foi aumentando. Dez dias depois eram cerca de cinquenta crianças. Tendo abandonado o hábito da Congregação de Loreto, a Irmã Teresa usava um sari branco (roupa indiana), debruado de azul e colocava no ombro uma pequena cruz.

As missionárias visitavam os abrigos levando, mais que donativos, palavras amigas e as mãos sempre prestáveis para qualquer trabalho.

Em 19 de março de 1949, as vocações começaram a surgir entre as suas antigas alunas do colégio. A primeira foi Shubashini. Filha de uma rica família, disposta a colocar sua vida ao serviço dos pobres.

Outras voluntárias foram se juntando ao trabalho missionário. Mais tarde chamadas de “Missionárias da Caridade”. Em 1949, a constituição da irmandade, começou a ser redigida.

A Congregação de Madre Teresa, foi aprovada pela Santa Sé em 07 de outubro de 1950. Em agosto de 1952, é aberto o lar infantil Sishi Bavan (Casa da Esperança) e inaugurado o “Lar para Moribundos”, em Kalighat, auxiliando pobres, doentes e famintos.

A partir dessa data, a sua Congregação começa a expandir-se pela Índia e por várias partes do mundo. Em 1963, em reconhecimento a seu apostolado, o governo indiano concede-lhe a medalha “Senhor do Lótus”.

Em outubro de 1979 a Madre Teresa de Calcutá recebeu o Prêmio Nobel da Paz.

No mesmo ano, João Paulo II recebeu a Madre, em audiência privada e a nomeia “embaixadora” do Papa em todas as nações.

Muitas universidades lhe conferiram o título “Honoris Causa”. Em 1980, recebe a ordem “Distinguished Public Service Award” nos EUA. Em 1983, estando em Roma, sofre o primeiro grave ataque do coração. Tinha 73 anos.

Em setembro de 1985, foi reeleita Superiora das Missionárias da Caridade. Nesse mesmo ano, recebeu do Presidente Reagan, na Casa Branca, a Medalha Presidencial da Liberdade, a mais alta condecoração do país.

Em agosto de 1987, viajou para a União Soviética quando foi condecorada com a Medalha de ouro do Comitê Soviético da Paz. Em agosto de 1989, realiza um dos seus sonhos, abrir uma casa na sua Albânia, sua terra natal.

Em setembro de 1989, sofre o seu segundo ataque do coração e recebe um marca-passo. Em 1990, pede ao Papa para ser substituída no seu cargo, mas volta a ser reeleita por mais seis anos, até 1996.

Madre Teresa de Calcutá faleceu no dia 05 de setembro de 1997, depois de sofrer uma parada cardíaca. Seu corpo foi transladado ao Estádio Netaji, onde o cardeal Ângelo Sodano, Secretário de Estado do Vaticano, celebrou a Missa de corpo presente.

O mesmo veículo que, em 1948, transportara o corpo do Mahatma Gandhi foi utilizado para realizar o cortejo fúnebre da “Mãe dos pobres”. Em 19 de outubro de 2003 Madre Teresa de Calcutá é beatificada pelo Papa João Paulo II. No dia 4 de setembro de 2016 foi canonizada, pelo Papa Francisco.

Frases da Madre Teresa de Calcutá

  • “Não devemos permitir que alguém saia da nossa presença sem se sentir melhor e mais feliz.”
  • “É fácil amar os que estão longe, mas nem sempre é fácil amar os que vivem ao nosso lado.”
  • “Temos que ir a procura das pessoas, porque podem ter fome de pão ou de amizade.”
  • “Quem julga as pessoas não tem tempo para amá-las.”
  • “Enquanto estiver vivo, sinta-se vivo.”

Há quem critique a gestão das doações realizadas para as ações de caridade dela e houve até quem a denunciasse por corrupção financeira. Por fim, as relações de amizade que Madre Teresa tinha como Jean-Claude Duvalier, o ditador haitiano conhecido como Baby Doc, também renderam críticas.

Calcutaze-se: Kobra, personalidade do ano em Nova York, Papas Reformadores, Noel ou Jesus?!?, Tornar-se adulto…, As discípulas de Jesus

Não Podíamos Ter Figos Sem Vespas.

O mutualismo, uma forma de simbiose, é uma interação entre dois indivíduos que beneficia ambos – e está disseminado por todo o reino animal. LIZ LANGLEY

Um beija-flor-roxo, nativo do norte da América do Sul, alimenta-se de uma flor.
 FOTOGRAFIA DE ALEX SABERI, NAT GEO IMAGE COLLECTION

É bem conhecido que os polinizadores fornecem os nossos alimentos favoritos, desde morangos a sementes de girassol. Mas menos familiar é o que impulsiona a polinização: o mutualismo.

Trata-se de uma interação entre dois indivíduos da mesma espécie, ou de espécies diferentes, que beneficia ambos. O mutualismo é uma forma de simbiose, que é uma relação próxima e persistente entre dois organismos de espécies diferentes, mas não é necessariamente uma relação em que se entreajudam. Os outros tipos de simbiose incluem parasitismo, comensalismo e amensalismo.

Quando os polinizadores, como abelhas, borboletas e beija-flores, bebem o néctar das flores, também apanham o pólen – os espermatozoides da planta – e espalham esta substância por outras flores, ajudando a planta a reproduzir-se. Quando os polinizadores, como abelhas, borboletas e beija-flores, bebem o néctar das flores, também apanham o pólen – os espermatozoides da planta – e espalham esta substância por outras flores, ajudando a planta a reproduzir-se. O polinizador obtém uma refeição e a planta procria.

É uma estratégia tão bem-sucedida que a polinização envolve 170 mil espécies de plantas e 200 mil animais, contribuindo para 35% da produção mundial de alimentos.

As abelhas também são favorecidas por algumas flores. As flores da orquídea conhecida por erva-abelha, por exemplo, imitam a aparência das abelhas fêmea.

Como estas orquídeas também se conseguem autofertilizar, conseguem sobreviver sem o seu parceiro mutualista, sendo portanto um exemplo de mutualismo facultativo.

Labroides dimidiatus, ou peixe-limpador, é famoso por conseguir as suas refeições através da limpeza de parasitas da boca e guelras de peixes maiores – peixes que visitam propositadamente as suas “estações de limpeza” – nos recifes de coral do Indo-Pacífico, mas possuem outras fontes de alimento, como crustáceos, e esta também é uma relação de mutualismo facultativo.

Porém, no caso dos figos e das vespas-do-figo, ambos precisam um do outro para completar o seu ciclo de vida. A isto chama-se mutualismo obrigatório. Existem cerca de 750 espécies de figos, e cada uma tem uma vespa específica para a polinizar.

O ciclo de vida começa quando uma vespa fêmea perfura um figo, que não é uma fruta, mas sim um cacho de pequenas flores invertidas que estão envoltas numa casca dura. A vespa põe os seus ovos dentro do figo e morre. Quando as larvas eclodem, as larvas dos machos ainda sem asas fertilizam as fêmeas. As vespas fêmea crescem e visitam outros figos, levando consigo o pólen dos figos anteriores para completar o ciclo de vida.

Quando os animais comem frutas e cospem ou defecam as sementes, obtêm nutrição e uma variedade de plantas têm a possibilidades de florescer, denominados como os dispersores de sementes, são considerados mutualistas difusos.

O mutualismo especializado acontece quando um ou ambos os organismos têm uma relação mais exclusiva, como uma espécie de ave, a phainopepla do sudoeste dos EUA e do México, que dispersa as sementes de visco do deserto, uma planta parasita.

As acácias da América Central, por exemplo, podem ter desenvolvido espinhos ocos para as formigas de acácia viverem.

As formigas, por sua vez, podem ter desenvolvido comportamentos defensivos – formam “enxames” e picam – para proteger a árvore dos herbívoros.

Os organismos com relações mutualistas podem passar por uma coevolução onde duas espécies desenvolvem novos traços em resposta às necessidades uma da outra.

É tentador antropomorfizar os mutualismos como favores entre amigos, mas trata-se apenas de duas espécies que tentam responder às suas necessidades. E também pode ser uma relação com um equilíbrio precário.

“Isto é realmente matéria-prima para algumas trocas evolutivas muito interessantes entre parceiros”, diz Judith Bronstein, ecologista e bióloga evolucionista da Universidade do Arizona, em Tucson.

Which one do you prefer?!?

Instagram: ademar__vieira

Brazil needs to change its choices and redirect its bets. Continuing to invest billions in the current agricultural model that transforms forests into pastures and into green deserts of poisoned grain monoculture, only aggravates the social, environmental and climate crises.

The solution? Yes, it exists! Strengthen family farming and agroecology, systems that produce real food in partnership with nature, free from poisons and generating jobs and income for people. That’s what I try to show in this strip, made at the request of @greenpeacebrasil , which is called “Which one do you prefer?”

O Brasil precisa mudar suas escolhas e redirecionar suas apostas. Continuar investindo bilhões no atual modelo agropecuário que transforma florestas em pasto e em desertos verdes de monocultura de grãos envenenados, só agrava as crises, social, ambiental e climática.

A solução? Sim, ela existe! Fortalecer a agricultura familiar e a agroecologia, sistemas que produzem comida de verdade em parceria com a natureza, livre de venenos e gerando emprego e renda para as pessoas. É isso que tento mostrar nessa tirinha, feita a pedido do Greenpeace Brasil, que se chama “Qual você prefere?”

Brasil necesita cambiar sus elecciones y reorientar sus apuestas. Continuar invirtiendo miles de millones en el modelo agrícola actual que transforma los bosques en pastizales y desiertos verdes de monocultivo de granos envenenados, solo agrava las crisis sociales, ambientales y climáticas.

¿La solución? ¡Sí, existe! Fortalecer la agricultura familiar y la agroecología, sistemas que producen alimentos reales en alianza con la naturaleza, libres de venenos y generadores de empleo e ingresos para las personas. Y eso es lo que trato de mostrar en esta tira, realizada a pedido de Greenpeace Brasil, que se llama “¿Cuál prefieres?”

Wichze-se: Agro será mesmo?, 1ª Feira de Economia Solidária e Agricultura Familiar, OURO VERDE E PROTEÇÃO DO PLANETA, Prefeitura e Segurança alimentar, Projeto Horta Educativa, As MELHORES PLANTAS pra HORTA

O poder de cura das palavras afetuosas

Se fôssemos ensinados a usar palavras afetuosas, desde a infância saberíamos quão poderosas elas são, tanto ouvindo-as como pronunciando-as. Elas têm o poder de mostrar o nosso eu interior e estabelecer um vínculo com o ‘eu’ interior do outro. Pensar Contemporâneo

Se fecharmos os olhos e ouvirmos um:

• “eu quero bem”
• “eu te amo”
• “Eu me sinto especial quando estou com você”
• “Estou feliz ao seu lado”
• “Você é a pessoa mais especial que conheço”
• “Sinto-me bem quando você me ouve”
• “Sinto-me importante quando te ouço”
• “Estou feliz por te conhecer”
• “Estou em paz quando estou perto de você”
• “Eu quero continuar com você”
• “Eu sempre quero poder contar com você”
• “Eu quero o melhor para você”
• “Eu quero te abraçar”
• “Eu gostaria de conhecê-lo melhor”
• “Eu me sinto amado por você”
• “Eu me sinto mimado”

Então nos sentiremos muito melhor …

Talvez algumas palavras afetuosas pareçam mais familiares para você do que outras, mesmo que tenham feito você se sentir diferente em relação à pessoa a quem você as dirigiu ou que as entregou a você. A mente é maravilhosa

Afetos são sentimentos expressos em palavras e também em linguagem não verbal, como gestos, as afeições são sempre acompanhadas de emoções que valorizam as palavras afetuosas.

Sem dúvida, não fomos ensinados a nos comunicar dessa maneira, e muitas vezes não usamos essa comunicação afetiva porque não a consideramos importante, mesmo que, na realidade, seja fundamental para os relacionamentos humanos.

Palavras carinhosas curam e unem aqueles que as usam, libertando as emoções e sentimentos dolorosos que estavam na raiz do sofrimento silencioso.

Cureze-se: A inteligência emocional em 15 frases, As 4 leis do desapego para a liberação emocional, Inteligência digital plus Inteligência emocional, 15 dicas para se sentir melhor em 15 minutos