Nada se cria, tudo se copia!

Cinco casos de fraude científica – incluindo plágio e fabricação de dados – foram divulgados nesta terça pela Fapesp, fundação pública que financia a pesquisa científica no Estado de São Paulo. Desde o lançamento do Código de Boas Práticas Científicas, em 2011, é a primeira vez que a instituição expõe conclusões de investigações. A medida é inédita no Brasil. Estadão

cienciadenisealves

“É importante que os recursos para pesquisa não caiam em mãos erradas. A divulgação dos nomes ajudará a coibir as violações de boas práticas”. (Sérgio Pena, um dos autores do guia Rigor e Integridade na
Condução da Pesquisa Científica, da Academia Brasileira de Ciências – ABC)

thebeagles

O Brasil apareceu no mapa da fraude cientifica mundial pela primeira vez com o caso de Denis de Jesus Lima Guerrater por ter forjado onze artigos anulados pela Elsevier, maior editora científica do mundo, conforme publicou a revista Piauí, de 2011. (olhar direto)

arardilla

CalvinAndHobbespalgio

“Na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma”, Lei de Lavoisier. Sobrevivendo na Ciência

ratos-de-laboratorio

Veja também: Umbrella Corporation, Mão Santa, Como a indústria do fumo enganou as pessoas?, A máscara e algumas verdades, Turbina eólica caseira, Demãos dadas, A Ultima Ceia, Fusca híbrido, Free Energy, Veneno ecológico para matar ratos., Quem matou o carro elétrico?, Recadastramento Eleitoral Biométrico, Pegadinhas do Marco Civil da Internet, Sheherazade e a Secom, Ranking Mundial de Liberdade de Imprensa

BEBER MENOS

BEBERMENOS
O que é beber de baixo risco.
NÃO EXISTE UM PADRÃO DE CONSUMO QUE NÃO OFEREÇA RISCOS.
Como o álcool lhe prejudica depende de vários fatores, como gênero, idade, hereditariedade, condições físicas e psicológicas. Não existem orientações seguras comprovadas para um padrão de consumo sem nenhum risco. Dependendo da circunstância, qualquer quantidade de álcool pode ser prejudicial. Entretanto, tem sido demonstrado que acima de certos limites (veja abaixo), existe um risco maior.

MULHERES
No máximo 1 dose (dose padrão) por dia;
Em uma ocasião especia,l no máximo de 2 doses, mas não toda a semana;
No máximo 7 doses por semana;

HOMENS
No máximo 2 doses (dose padrão) por dia;
Em uma ocasião especial um máximo de 4 doses, mas não toda a semana;
No máximo 14 doses por semana;
bebermenoslogo
jogabebado

Veja também: Scoring drugs, Quase imortal!!!, Sorvete de cachaça, Omissão., Vinho, Por que Pinga?, Refrigerante, Sugestão de desintoxicação ayurvédica após os excessos., Comida esperta, Ervas medicinais, Água oxigenada, Ar condicionado caseiro, Exame com uma gota de sangue, Adoro essa parte da anatomia femimina.