Muda Mooca

Você sabia que a zona leste é a área menos verde da cidade? Dado que ela é a maior região em extensão de São Paulo, isso diz muito sobre nossa cidade, que a pesar de ter o melhor parque do mundo eleito pelo The Guardian, o Ibirapuera, e muitas outras áreas verdes, ainda tem muito que crescer (literalmente) quando a isso. Pensando nisso, um grupo de moradora da região criou o Muda Mooca. Letícia Genesini – São Paulo Saúdavel

Nenhuma descrição de foto disponível.
Muda Leopoldina – @mudaleopoldina  · Comunidade

Tudo começou com o advogado Danilo Bifone que vendo que a cidade precisava de mais verde plantou uma árvore. Mas ele não parou por aí. Primeiro ele plantava meio que escondido, na surdina da noite. Até que descobriu que para plantar em calçadas da cidade um morador não precisa de nenhuma autorização, apenas precisa seguir o manual técnico da prefeitura. Dito, e feito, de lá pra cá foram mais de 20mil árvores plantadas. Claro que ele não fez tudo sozinho. Outros moradores se mobilizaram e criaram o movimento Muda Mooca.

Pode ser uma imagem de 13 pessoas
Muda Mooca – @mudamooca  · Comunidade facebook

“A maior dificuldade não é achar muda, quebrar calçada ou destinar o entulho, mas convencer o morador a deixar plantar na frente da casa dele. Tem muita gente que não quer árvore na frente de casa. É uma visão meio higienista de que faz sujeira. Reclamam da folha que cai sem enxergar a poluição da cidade, sem ver os benefícios para a umidade do ar, a melhora na sensação térmica”, contou em entrevista ao Estadão.

Nenhuma descrição de foto disponível.
Muda Ipiranga – @mudaipiranga  · Comunidade

O desafio do Muda Mooca é o mesmo que de muita gente que decide arregaçar as mangas e melhorar a cidade. Um exemplo que já contamos aqui é a Horta da City Lapa criada por Neide Rigo.

Outros movimentos similares nasceram em espelho ao Muda Mooca, como o Muda Ipiranga, o Muda Itaim, o Muda Itaquera e o Muda Leopoldina. Assim, pouco a pouco São Paulo vem mudando para uma cidade mais verde!

Nenhuma descrição de foto disponível.
Muda Itaim – Comunidade

Para acompanhar o trabalho do Muda Mooca, siga-os no facebook.

Mudeze-se: MANUAL PARA A VIDA, Manual dos remédios tradicionais Yanomami, Manual sobre os usos de plantas amazônicas, Manual de agricultura urbana, Manual de Apicultura em Pequena Escala, Flowers pants, Alimento em até 60 dias

Encontro Estadual de Mulheres Indígenas

Um encontro pensado para mulheres indígenas e organizado por mulheres indígenas, a ser sitiado na Terra Indigena do Jaraguá no Estado de São Paulo se faz de extrema importância, para pensar em visibilizar os protagonismos das mulheres indígenas diante da cultura, da ancestralidade, das diferentes lutas, da manutenção da vida, das necessidades e demandas específicas dessas mulheres. Promovendo trocas de saberes, de cura, de educação e tradições culturais. Fortalecendo da cultura, dos costumes, das tradições e alimentando uma rede de apoio, união e interculturalidade.

A hora é agora! Contribua com

MULHERES INDÍGENAS LUTAR É RESISTIR
ESTA CAMPANHA IRÁ RECEBER TODAS CONTRIBUIÇÕES EM 25/08/2018.

O Encontro Estadual de Mulheres Indígenas de São Paulo, sob o título: Mulheres Indígenas, Lutar é Resistir! O encontro acontecerá na Terra Indígena do Jaraguá do dia 01-04 de setembro. No dia 05 de setembro, estaremos em marcha no dia Internacional das Mulheres Indígenas. Chegada prevista das comitivas para o dia 31 de agosto, e partida prevista para o dia 06 de setembro, apos uma reunião de balanço e de encaminhamentos das demandas e especificidades das mulheres indigenas. Existe Água em SP

Nosso Muito Obrigada!

Mude conceitos, você pode e deve: SÓ É ÍNDIO QUEM OPTA POR SER!REIS DO AGRONEGÓCIOCOMENDO RECIFESETEMBRO VERMELHONAARA BEAUTY DRINK!!!™PLANKTON INVASIONEVOLUSEXEMV™BE MY EYES APPINSTANTLY AGELESS ™THE STREET STOREÍNDIO EDUCAPOR QUE CONSTRUIR UMA POLÍTICA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL E CULTURA DE PAZ PARA A CIDADE DE SÃO PAULO?VIDACELL®400 NUDESRESERVE™HO’OPONOPONORAPE MEA INVASÃO DO BRASIL