Suíça, veneno aqui não!!!

“Não posso escolher o presidente do Brasil, mas posso escolher o que vou comer.” Presidente do grupo Paradiset, Johannes Cullberg

Do total de 197 agrotóxicos já autorizados neste ano pelo Ministério da Agricultura, 26% são proibidos na União Europeia, em razão dos riscos à saúde humana e ao meio ambiente.

A Paradiset é a maior rede de produtos orgânicos da Escandinávia. Ela já retirou de suas prateleiras os seguintes produtos brasileiros: quatro diferentes tipos de melão, melancia, papaya, limão, manga, água de coco e duas marcas de café, além de uma barra de chocolate que contém 76% de cacau brasileiro em sua composição.

“Não podemos em sã consciência continuar a oferecer alimentos do Brasil a nossos consumidores, num momento em que tanto a quantidade como o ritmo da aprovação de novos agrotóxicos aumenta drasticamente no país. Decidimos portanto retirar os produtos de nossas prateleiras”, disse Johannes Cullberg em comunicado divulgado à imprensa sueca e publicado com destaque pelo Dagens Nyheter, um dos maiores jornais do país.

“Não temos carne brasileira em nossas lojas, e certamente não iremos comprar”, acrescentou Alexander Elling, assessor de comunicação da Paradiset. Blog da Cidadania

Uma pesquisa da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) alertou que, mesmo que alguns dos efeitos de intoxicação por agrotóxicos sejam classificados como medianos ou pouco tóxicos, não se deve perder de vista os “efeitos crônicos que podem ocorrer meses, anos ou até décadas após a exposição, manifestando-se em doenças congênitas” como câncer, malformação congênita, distúrbios endócrinos, neurológicos e mentais.

A Syngenta, uma das líderes do mercado mundial de agrotóxicos, tem sede em São Paulo. Mas, como endereço de fabricação do fungicida Elatus Trio — um dos cinco produtos da multinacional aprovados neste ano – constam localidades na Alemanha, Reino Unido, Suíça e China. Nenhuma no Brasil. Empresas de países como China, Índia, Japão e Estados Unidos estão entre as que garantiram novas permissões de comercialização no Brasil em 2019.
Os agrotóxicos recém aprovados que chegarão à mesa do brasileiro virão de fora. Levantamento inédito da Agência Pública e Repórter Brasil identificou que, dos 166 pesticidas com registros aprovados e publicados no Diário Oficial da União neste ano, apenas 64 foram para empresas brasileiras. Mas a participação nacional é ainda menor na fabricação dos produtos. Só 36 registros têm pelo menos uma cidade brasileira como endereço de fabricação do agrotóxico ou do ingrediente ativo. E somente nove – ou 5% – são totalmente produzidos no Brasil. Pedro Grigori – amazônia

Apenas cerca de 26% dos produtos ativos (matéria-prima para o agrotóxico) usados na agricultura brasileira são produzidos no país, segundo quadro de Produção, Importação, Exportação e Vendas de Ingredientes Ativos de 2017 publicado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Segundo companhias brasileiras e especialistas ouvidos pela reportagem, a pouca participação nacional no mercado é resultado do menor custo para produção dos produtos vindos de fora, da falta de tecnologia e de equipamentos para sintetizar os ingredientes ativos no Brasil, há a dificuldade de competir com gigantes do mercado de agrotóxicos, atraídas por incentivos fiscais. Desde 2004, a Lei nº 10.925 reduziu a zero as alíquotas do PIS/PASEP e da COFINS para importação e comercialização de fertilizantes e agrotóxicos e têm, ainda, redução de 60% da base de cálculo do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS).

Parte do bolo envenenado é divido por políticos descomprometidos com a saúde pública que, ironicamente, junto de suas famílias, serão impactados com os venenos que liberam, uma vez que os mesmos não têm fronteiras sociais e contaminam as águas, os alimentos, os solos e o ar de todos os habitantes do planeta. Naturalmente, cada estrato social é afetado em intensidades diferentes, mas todos são atingidos em algum grau. Isso é uma insensatez humana inexplicável uma vez que não há dinheiro que consiga curar o câncer ou o autismo e essas doenças estão cada vez mais próximas de todos nós. Elaine de Azevedo – LE MONDE DIPLOMATIQUE

Parabéns Nestlé 2

Um canceriano sem lar.

african_activis wAter
Peter Brabeck-Letmathe, presidente mundial da Nestlé, uma das maiores empresas de gêneros alimentícios mundiais, afirma que a água é como qualquer outra commoditie agrícola, e deveria ser privatizada, explorada comercialmente e precificada, e acredita que “o acesso à água não é um direito público nem um direito humano.”.
Grandes empresas multinacionais de bebidas, como a Coca-Cola e Nestlé sugam milhões de litros de água de poços subterrâneos, deixando o público sofrer com tais faltas e geralmente recebem privilégios sobre a água (e até isenções fiscais) e sobre a sociedade porque criam postos de trabalho.
água5motivos

Veja também: Sucos caseiros cheios de saúde., Planeta dos Macacos, Individualidade fugaz, Piada sem sabor!, Juan dos Mortos, Como a indústria do fumo enganou as pessoas?, O Amaranto Inca Kiwicha invade plantações de soja transgênica da Monsanto nos Estados Unidos, Sugestão de desintoxicação ayurvédica após os excessos., Um…

Ver o post original 28 mais palavras

Neste Chão Tudo Dá

“O Roundup é o espelho do completo ignorante”. Ernest Gotsch

“Neste Chão Tudo Dá – semeando conhecimento e colhendo resultados”.

Documentário realizado em 2008. Como registro de uma viagem à Bahia, o filme fala sobre o pensamento e o trabalho desenvolvido pelo pesquisador e agricultor suiço Ernest Gotsch, que transformou, por meio da prática agroflorestal, uma área de solo pobre em um dos locais com o solo mais fértil do estado. Por meio do contato com essa prática, alguns agricultores rurais começaram a aprimorar suas técnicas agrícolas e melhorar a qualidade de vida de suas famílias. Tv Escola

Veja também: Comer faz bem, Instituto Pindorama, voluntariado., Financiando árvores, Ana Primavesi, Engenheira agrônoma., Clima louco?, O Amaranto Inca Kiwicha invade plantações de soja transgênica da Monsanto nos Estados Unidos, Infinito paralelo, Repo man, Steve’n’Seagulls, Hortas e temperos, Minhocário., Manual de agricultura urbana

Free Energy

florestapulmaocalor-ciclovivo

nautilus_wind_turbine_rooftop

bartfish3eye

Veja também: Turbinados, Air Purifier Bike, The Matrix Norris, Empoderamento dos recursos, Viabilidade???, Cadeia plástica, Quase imortal!!!, Miniusina de energia, Casa sustentável, Instituto Pindorama, voluntariado., Qual o volume ocupado por 1 trilhão de reais?, Águas de março, Michael Moore, Todo Dia Era Dia de Índio, Portal da Transparência, Tirinha do Dia: E qual é o melhor amigo do homem?, O papel da lareira, Funcional Obsoleto

BEBER MENOS

BEBERMENOS
O que é beber de baixo risco.
NÃO EXISTE UM PADRÃO DE CONSUMO QUE NÃO OFEREÇA RISCOS.
Como o álcool lhe prejudica depende de vários fatores, como gênero, idade, hereditariedade, condições físicas e psicológicas. Não existem orientações seguras comprovadas para um padrão de consumo sem nenhum risco. Dependendo da circunstância, qualquer quantidade de álcool pode ser prejudicial. Entretanto, tem sido demonstrado que acima de certos limites (veja abaixo), existe um risco maior.

MULHERES
No máximo 1 dose (dose padrão) por dia;
Em uma ocasião especia,l no máximo de 2 doses, mas não toda a semana;
No máximo 7 doses por semana;

HOMENS
No máximo 2 doses (dose padrão) por dia;
Em uma ocasião especial um máximo de 4 doses, mas não toda a semana;
No máximo 14 doses por semana;
bebermenoslogo
jogabebado

Veja também: Scoring drugs, Quase imortal!!!, Sorvete de cachaça, Omissão., Vinho, Por que Pinga?, Refrigerante, Sugestão de desintoxicação ayurvédica após os excessos., Comida esperta, Ervas medicinais, Água oxigenada, Ar condicionado caseiro, Exame com uma gota de sangue, Adoro essa parte da anatomia femimina.

Experimento científico?

experimentocientifico
bancodesementedw
Agora, o Banco de Sementes Svalbard começa a tornar-se interessante. Mas fica ainda melhor. ‘O Projecto’ a que me referi é o projeto da Fundação Rockefeller e poderosos interesses financeiros desde a década de 1920 para utilizar a eugenia, mais tarde rebatizado de genética, para justificar a criação de um Mestre raça geneticamente modificadas. Hitler e os nazistas chamavam de Mestre Raça Ayran. Natural Cures Not Medicine

ArcadeNoemoderna
terminator

Veja também: A Revolta dos Macacos, Índice de Desenvolvimento Humano, Remédio caseiro para controle de pulgas, Universidade Aberta do Meio Ambiente e da Cultura de Paz – UMAPAZ, Piada sem sabor!, Individualidade fugaz, Memória dos Campos, Coreia do Norte, a paranoia, Sua cara, Manual de Apicultura em Pequena Escala, Ervas medicinais, Conheça 13 maneiras de reaproveitar sobras e cascas de frutas e vegetais, Comida de gente, Comida esperta, Manguetown

Fair Play

Fair Play significa jogo justo, jogar limpo e ter espírito esportivo. O conceito de fair play está vinculado à ética no meio esportivo, onde os praticantes devem procurar jogar de maneira que não prejudiquem o adversário de forma proposital, sob pena de serem desclassificados, empregada em outros segmentos da sociedade significa trabalhar ou apresentar conduta de acordo com padrões éticos, sociais e morais.
copagasto
A influência do marketing e da mídia pressionando os atletas por melhores resultados, a pensar na vitória a qualquer preço, muitas vezes utilizando meios ilícitos, como o doping, a manipulação genética, processos de naturalização, distorcendo os princípios do jogo limpo. Significados

Veja também: Empoderamento dos recursos, O mar de Aral virou areia., Shark alive, Os sentidos da política – problemas e perspectivas, O Coxinha – uma análise sociológica, Na trave!, O de Otário, Vinte centavos, Robin Hulk, 35 verdades ditas sobre o Brasil, pelos olhos de um Turista, Quem paga o Carnaval!, Impostômetro, O povo da caixa

Rorschach

rorschach

Rorschach é um super-herói/anti-herói fictício apresentado na aclamada série Watchmen, publicada pela DC Comics em 1986. Wikipédia, a enciclopédia livre.

watchmen_dr_manhattan_1

O teste de Rorschach é uma técnica de avaliação psicológica pictórica, comumente denominada de teste projetivo, ou mais recentemente de método de auto-expressão.

Rorschach

Enxergue mais: Poder e Responsabilidade, Marvel, Polícia 24 horas, Comida de tubarão, Ouro de tolo, O Combate a Corrupção nas Prefeituras do Brasil, Carta de um policial nos protestos de São Paulo, Águas de março, A Escalada do Monte Improvável, de Richard Dawkins, A chegada de Lampião no Inferno, Porquê eu quis?, José Mujica maconheiro?