Elisa de Oliveira Flemer e o Homeschooling

Elisa de Oliveira Flemer, 17 anos, passou em engenharia civil na Universidade de São Paulo (USP), foi a quinta colocada, porêm por ter estudado no formato homeschooling, e não ter documentos que comprovasse sua formação no ensino médio, ela não pôde se matricular. EuEstudanteCorreio Braziliense

Elisa foi impedida de entrar na USP por realizar "homeschooling" - Arquivo Pessoal

Elisa, que mora em Sorocaba, interior de São Paulo, adotou o modelo de estudar em casa em 2018 e estuda cerca de seis horas por dia seguindo um método próprio. A estudante relata que optou pelo homeschooling quando estava no primeiro ano do ensino médio ao perceber que tinha facilidade em estudar sozinha e detalha que nessa época aprendia a matéria apenas lendo o conteúdo da apostila minutos antes da aula. Simone Machado – UOL

Desde que começou a estudar em casa, Elisa tem prestado vestibulares para testar seus conhecimentos. A estudante já foi aprovada duas vezes em uma faculdade particular, onde devido ao seu desempenho conseguiu bolsa integral, tirou 980 na redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e por meio do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) conquistou o 5º lugar no curso de engenharia civil da Escola Politécnica da USP, em 2020.

“Para matrícula nos cursos de graduação da USP, é necessária a apresentação do certificado de conclusão do ensino médio, já que ainda não existe regulamentação sobre o homeschooling no Brasil”.

Adepta do homeschooling, modalidade ainda não regulamentada no Brasil, Elisa passou na Universidade de São Paulo (USP) em engenharia civil, foi aprovada no Centro Universitário Facens e ficou na lista de espera de quatro universidades nos Estados Unidos. Ela conta em seu perfil no Instagram (@elisaflemer) que a luta na Justiça para obter o diploma do ensino médio e, finalmente, conseguir se matricular em alguma instituição, continua. WILMA ANTUNES – Jornal Cruzeiro do Sul

No homeschooling, o processo de aprendizagem é feito fora de uma escola. A criança ou adolescente não frequenta uma instituição de ensino, seja ela pública ou particular. As aulas são lecionadas  em casa pelos genitores ou por professores particulares contratados. São Paulo para Criancas

Na educação domiciliar, a família assume por inteiro a responsabilidade de educar a criança ou jovem, sem a participação de uma instituição de ensino. Isabela Moraes – politize

O ensino em casa não é nenhum tipo de prática inovadora ou algo que se começou a pensar apenas nos últimos anos. É uma prática muito antiga, já existente há séculos, comum a diversas comunidades. Antes do conceito de escola e escolarização, o ensino já era praticado entre mentores e mentorados. elos

O conceito de homeschooling é caracterizado pela proposta de ensino doméstico ou domiciliar. Sua proposta vem de encontro à frequência das crianças numa instituição, seja ela escola pública, privada ou cooperativa. A modalidade é legalizada em vários países, como Estados Unidos, Áustria, Bélgica, Canadá, Austrália, França, Noruega, Portugal, Rússia e Nova Zelândia, que exigem uma avaliação anual dos alunos. Meu artigo – Brasil Escola

Por outro lado, em países como a Alemanha e a Suécia, homeschooling é considerado crime e há casos de pais multados, presos e que perderam a custódia dos filhos. O cenário internacional aponta ainda cerca de 63 países onde a homeschooling não é proibida expressamente por lei. No Brasil, a modalidade de ensino não está prevista em lei e é caracterizada como prática não legalizada, previsto no artigo 246 do Código Penal e ocorre quando o pai, mãe ou responsável deixa de garantir a educação primária de seu filho.

Em função da imposição legal à matrícula dos filhos, o próprio Poder Público, inclusive o Ministério Público, pode compelir judicialmente a matrícula de menores de idade em instituições de ensino. Além disso, os pais podem ser processados criminalmente por não levarem os filhos à escola, pelo crime de abandono intelectual, tipificado no art. 246 do Código Penal Brasileiro.

Quem deixa de matricular crianças na escola no Brasil fere o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e a própria Constituição. Famílias que adotam a prática do homeschooling, estão sujeitas a ações de Conselhos Tutelares e de Ministérios Públicos pelo país.

Educação domiciliar

Entre 5 e 7 mil famílias já adotaram o homeschooling no Brasil, mesmo sua prática não sendo regulamentada. A Associação Nacional de Educação Domiciliar (ANED) é o órgão brasileiro responsável por levantar essa causa e incentivar a prática, dentro da legalidade, movimentando tanto pessoas quanto governo para que os debates acerca do assunto continuem existindo.

Atualmente, os empecilhos são muito mais políticos, culturais e ideológicos do que jurídicos. Vários tratados internacionais de direitos humanos assinalam que a família tem primazia na escolha da forma de educação a ser dada aos filhos.

A prática do homeschooling e unschooling têm como foco o ensino além da escola. Através de estudos domiciliares, sendo de responsabilidade dos pais ou professores tutores, o aluno se desenvolve a partir de metodologias e práticas de estudo próprias. Alguns argumentos de famílias que optam pelo ensino domiciliar dizem respeito a preferências religiosas, aos perigos da escola e a casos de bullying.

Os prós e os contras do homeschooling

Pode-se destacar alguns pontos negativos do homeschooling. Por exemplo, a falta de um controle de frequência e de conteúdo. Além da falta de convivência com pessoas variadas, com opiniões, religiões diferentes das pessoas da que compõem a família, podem ocasionar na criança problemas como não conseguir trabalhar em equipe no futuro e dificuldade de lidar com convicções diferentes.

É importante salientar que em episódios como violência doméstica e abuso sexual sofrido pelas crianças no ambiente familiar muitas vezes são identificados na escola, e no caso dos estudantes que os pais são adeptos ao homeschooling, os menores estão mais suscetíveis a estes tipos de crimes.

Em contrapartida, os que defendem a educação domiciliar acreditam que a criança em casa tem melhor aprendizado e melhores resultados em razão de fatores como a flexibilidade de horário, um planejamento individualizado de conteúdo, que possibilita focar nos problemas de aprendizagem específico que a criança possa apresentar e explorar seus potenciais e talentos.

Elize-se: Capitão Fantástico, INGLÊS COM MÚSICA, SENAI: 20 cursos online sem processo seletivo, Brincadeiras ao ar livre, Waldschule für kränkliche Kinder, Centro de Mídias SP, Cursos online e conteúdos gratuitos, FGV libera 55 cursos online gratuitos, Cursos acadêmicos online, Cursos online e gratuitos sobre agrofloresta, permacultura e ecodesign, Cursos na USP, Os Atores do Controle Social da Sociedade

Dia do Guarda Civil

Folha Dirigida

Os Guardas Civis apresentam-se como uma alternativa à segurança pública no Brasil. Todos os povos, sempre, ao se reunirem em grupo, passaram a necessitar da figura altaneira do “Guardião da Lei e da Ordem”, muitas vezes representado pelo próprio chefe da tribo, ou, então, sendo delegado este poder de polícia à determinadas pessoas do grupo.

Os Guardas Civis estão nas ruas para zelar pelo bem-estar da população, visitar uma escola, prender um bandido, tirar de circulação uma arma, atender um acidente de trânsito, ser psicólogo em brigas de família, passar frio, calor, existem ocorrências que podem durar minutos, até horas, e eles estão lá, firmes. Então, hoje o papel da Guarda Municipal representada por estes homens e mulheres é extremamente diverso e exige uma capacidade e vontade acima do normal! PoliceService

Outro momento relacionado é o dia 10 de Outubro. A data, porém, refere-se à corporação em si, ou seja, Dia da Guarda Municipal, instituído em 2009.

Tratada como uma das instituições de segurança mais antigas no País, sua história está ligada ao Império e ao surgimento das forças policiais. A mais antiga registrada é a criação do Regimento de Cavalaria Regular da Capitania de Minas Gerais, criado em 09 de junho de 1775, e da qual participou um personagem, digamos, conhecido: Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, um dos líderes da Inconfidência Mineira.

A data começou a ser celebrada em 1966, depois que o primeiro presidente do regime militar, Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco, instituiu o Dia do Guarda Civil pela lei Nº 5. 088, de 30 de agosto de 1966. Na Constituição de 1988, os municípios brasileiros tiveram a organização da guarda civil legitimada e assegurada pelo Artigo 144, cujo texto dá poder de constituição das guardas municipais para a proteção de bens e serviços. G1

Poetize-se: SANDUÍCHES SEM PÃO, Fico com pena e levo para casa, DIA DO GUARDA CIVIL, TORNE-SE UM MENDIGO., CARTA DE UM POLICIAL NOS PROTESTOS DE SÃO PAULO, MEDICINA TRADICIONAL YANOMAMI ON-LINE, GTA IV – GCM : Duster Guarda Civil Metropolitana de São Paulo, VIDACELL®, PRINCÍPIOS: O USO DA FORÇA, O CÃO DE GUARDA NOTÍCIAS, ONDE FUI ROUBADO, RESERVE™, A HISTÓRIA DO JARDINEIRO DE OXALÁ, SÓ ISSO!, UM GOLPE EDUCADO!, POLICIAL DA FLÓRIDA MOSTRA COMO SE TRATA RECLAMAÇÃO DE QUE GAROTOS ESTÃO JOGANDO BASQUETE NA RUA, Renildo Paulino Silva dos Santos, Casas de Mediação, Polícia 24 horas

Ele é Corno, Mas é Meu Amigo

Ele é Corno, Mas é Meu Amigo – Tiririca

Amizade é a melhor coisa do mundo
Num amigo de verdade não se vê defeito
Como disse o poeta
O amigo é pra se guardar no lado esquerdo do peito

Amizade é a melhor coisa do mundo
Num amigo de verdade não se vê defeito
Como disse o poeta
O amigo é pra se guardar no lado esquerdo do peito

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Ele é baitola, mas é meu amigo
Ele pode ter defeitos, mas é meu amigo

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Queima a arruela, mas é meu amigo
Ele pode ter defeitos, mas é meu amigo

Um amigo é pra acudir o outro
Eu tô aqui pra acudir você
Um amigo com defeitos é pouco
Se o amigo é de verdade defeitos nele não vê

Um amigo é pra acudir o outro
Eu tô aqui pra acudir você
Um amigo com defeitos é pouco
Se o amigo é de verdade defeitos nele não vê

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Ele é briguento, mas é meu amigo
Pode ser fofoqueiro, mas é meu amigo

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Queima a arruela, mas é meu amigo
Ele pode ser briguento, mas é meu amigo

Eu acho o seguinte
Eu acho que tirando todos os defeitos
Ele é uma pessoa excelente!

Um amigo é pra acudir o outro
Eu tô aqui pra acudir você
Um amigo com defeitos é pouco
Se o amigo é de verdade defeitos nele não vê

Um amigo é pra acudir o outro
Eu tô aqui pra acudir você
Um amigo com defeitos é pouco
Se o amigo é de verdade defeitos nele não vê

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Ele é ladrão, mas é meu amigo
Ele pode ter defeitos, mas é meu amigo

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Queima a arruela, mas é meu amigo
Ele pode ser briguento, mas é meu amigo

Olha, não importa o que ele seja
Ele pode ser tudo que não presta
O importante é que ele é meu amigo
Eu não tô nem aí pro que falam

Ele é corno, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Queima a arruela, mas é meu amigo
Ele pode ser briguento, mas é meu amigo

Ele é corno, mas é meu amigo
É fofoqueiro, mas é meu amigo
Ele é viado, mas é meu amigo
Ele pode ser briguento, mas é meu amigo

Não importa o que ele seja
O importante é que ele é meu amigo
E eu tenho ele no meu coraçãozinho

Veja também: Cinquenta Tons de Cinza, VERGONHA INTERNACIONAL (France Football), Brasil de bandidos, Vossa Excelência, Oitavo Anjo, Ficha Limpa!!!, Justiça em trânsito, PARE ou DIMINUA?, Verbo morrer, Vergonha na lama, Nem todos, A máscara e algumas verdades, Reputação ilibada e notável saber jurídico., Bode expiatório, DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS, Turismo sexual