Salário necessário

O salário mínimo teria que ter sido de R$ 3.804,06 em junho, segundo o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), valor suficiente “para suprir as despesas de um trabalhador e sua família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência”. Exame

Pesquisa nacional da Cesta Básica de Alimentos:

Salário mínimo nominal e necessário. Aqui

Dieese

Mude conceitos, você pode e deve: Mídia Ninja, Mapa da indecência, Não Foi Acidente, Bolsa ruralista, quer que desenhe?, Mídia estão de luto, Atrás de mim!, Justiça de mierda, Marx escreve uma carta de repúdio ao professor, O de Otário, Catador de ministros, Carnaval é Perfeição!, Arena, Caso Para-Sar, o Atentado ao Gasômetro

I Will Survive

Cake – I Will SurviveMKHAI .com

Eu Vou Sobreviver – Gloria Gaynor. letras.mus

No início eu tive medo, fiquei paralisada
Fiquei pensando que nunca conseguiria viver
Sem você ao meu lado
Mas então eu passei muitas noites
Pensando como você me fez mal
E eu me fortaleci
E eu aprendi como me arranjar

E então você reaparece do nada
Bastou eu entrar para encontrar você aqui
Com aquela aparência triste no seu rosto
Eu devia ter mudado a droga da fechadura
Eu devia ter feito você deixar sua chave
Se eu soubesse, apenas por um segundo
Que você voltaria para me incomodar

Bem, agora vá! Saia pela porta!
Simplesmente dê meia volta agora
Porque você não é mais bem-vindo
Não foi você
Quem tentou me machucar com o adeus?
Você pensou que eu me rasgaria em pedaços?
Você pensou que eu deitaria e morreria?

Oh não, eu não! Eu vou sobreviver!
Enquanto eu souber como amar
Eu sei que permanecerei viva
Eu tenho minha vida toda para viver
Eu tenho meu amor todo para dar
E eu vou sobreviver! Eu vou sobreviver!
Hey, Hey!

Foi preciso toda a força que eu tinha
Para não cair em pedaços
E tentando duramente remendar os pedaços
Do meu coração partido

E eu passei muitas noites
Só sentindo pena de mim mesma
Eu costumava chorar
Mas agora eu mantenho minha cabeça bem erguida

E você vai me ver, como um novo alguém
Não sou aquela pessoinha acorrentada
Ainda apaixonada por você

E então você teve vontade de fazer uma visita
E só me espera pra ser livre
Agora estou guardando todo meu amor
Para alguém que me ame

Vá, agora vá! Saia pela porta!
Simplesmente dê meia volta agora
Porque você não é mais bem-vindo
Não foi você
Quem tentou me machucar com o adeus?
Você pensou que eu me rasgaria em pedaços?
Você pensou que eu deitaria e morreria?

Oh não, eu não! Eu vou sobreviver!
Enquanto eu souber como amar
Eu sei que permanecerei viva
Eu tenho minha vida toda para viver
Eu tenho meu amor todo para dar
E eu vou sobreviver. Eu vou sobreviver!

Vá, agora vá! saia pela porta!
Apenas dê meia volta agora
Porque você não é mais bem-vindo
Não foi você
Quem tentou me machucar com o adeus?
Você pensou que eu me rasgaria em pedaços?
Você pensou que eu deitaria e morreria?

Oh não, eu não! Eu vou sobreviver!
Enquanto eu souber como amar
Eu sei que permanecerei viva
Eu tenho minha vida toda para viver
Eu tenho meu amor todo para dar
E eu vou sobreviver. Eu vou sobreviver!

Festival de Viña 1980, Gloria Gaynor, I will survive

Observe mais: ZOOLUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUMMAKOTA VALDINAWE ARE THE CHAMPIONS – VOZEVOLUIMOS?COMENDO RECIFELIESANAARA BEAUTY DRINK!!!PLANKTON INVASIONI, PET GOAT IIVANUSA SABBATHEMVBE MY EYES APPINSTANTLY AGELESS ™HUNGUÍNDIO EDUCALIXO! EU?VIDACELL®, CAMPANHA RECOLHE ÓLEO DE FRITURA PARA FABRICAÇÃO DE BIODIESELVLIBRASTHE MARTIANRESERVE™,  Arveres somos nozes, A Revolta dos Macacos, Reign Over Me, Comida de tubarãoDoenças degenerativasJESUS NEGÃO

A Escalada do Monte Improvável, de Richard Dawkins

Fantástico Cenário

Por Jacques

Este livro de Richard Dawkins, da Editora Companhia das Letras, é uma defesa consciente e sincera da Teoria da Evolução e a Seleção Natural, dois triunfos do pensamento humano.

A teoria da seleção natural, também conhecida como “a sobrevivência do mais apto” ou “corrida silenciosa pela sobrevivência” foi enunciada por Charles Darwin em seu livro definitivo “A Origem das Espécies” e serviu para retirar a espécie humana do pedestal onde ela havia se colocado e classificá-la como apenas mais uma espécie animal.

 

Ver o post original 550 mais palavras

Curupira

O termo Curupira é justificado por Curu como sendo abreviatura de curumi, menino e Pira, corpo. Assim, Curupira pode ser entendido como “aquele que tem corpo de menino”. No lendário indígena amazônico o Curupira apresenta-se como um moleque de aproximadamente sete anos, com o corpo coberto de longos pêlos e tendo os pés virados para trás.

Um deus nativo das selvas, um protetor das florestas, castiga impiedosamente aquele que caça por prazer, que mata as fêmeas prenhes e os filhotes indefesos. Entretanto, ampara caçadores e pescadores, que têm na caça ou na pesca seus únicos recursos alimentares, ou que abate um animal por verdadeira necessidade. (J Coelho)

Curupira ou currupira é uma figura do folclore brasileiro, citado por José de Anchieta em 1560. Ele protege a floresta e os animais, espantando os caçadores que não respeitam as leis da natureza, isto é, que não respeitam o período de procriação e amamentação dos animais e que também caçam além do necessário para a sua sobrevivência e lenhadores que fazem derrubada de árvores de forma predatória. (Wikipédia)

O curupira é descrito como um menino de estatura baixa, cabelos cor de fogo e pés com calcanhares para frente que confundem os caçadores, dizem que o curupira gosta de sentar nas sombras das mangueiras e se deliciar com os frutos. Para proteger os animais, o curupira usa mil artimanhas, procurando sempre iludir e confundir os caçadores, utilizando gritos, assobios e gemidos, fazendo com que o caçador pense que está atrás de um animal e vá atrás do Curupira, e este faz com que o caçador se perca na floresta. (Brasil Escola)

De acordo com a lenda, ele costuma também levar crianças pequenas para morar com ele nas matas. Após encantar as crianças e ensinar os segredos da floresta, devolve os jovens para a família, após sete anos. (Sua Pesquisa)

Entidades análogas são conhecidas como Caapora ou Caipora, no Nordeste do Brasil e Espírito Santo; Kilaino, entre os bacaeris do Mato Grosso; Maguare, na Venezuela; Selvaje, na Colômbia; Chudiachaque, no Peru; e Kaná, na Bolívia. (Fantastipedia)

Índios e Jesuítas o chamavam de Caiçara, o protetor da caça e das matas, os índios já conheciam desde a época do descobrimento, para os Índios Guaranis ele é o Demômio da Floresta. Às vezes é visto montando um Porco do Mato. É um anão de Cabelos Vermelhos com Pelo e Dentes verdes, muito poderoso, forte e é impossível capturá-lo. (Liliana R.)

Veja também: O Curupira, Carta da Terra, Ferramentas de destruição em massa., Dia Mundial do Meio Ambiente., Mata Atlântica, Árvores?, Tudo isso, Maldito homem!