O que acontece quando amamos?

“O que acontece quando amamos?” Perguntei como uma escolar.
“Na alma não acontece nada” disse de pronto. “Os sentimentos não se desenvolvem na alma. Eles têm outro terreno. Mas passam também pela alma, como a enchente banha as margens de um rio”.
“Um homem inteligente, racional, é capaz de deter uma inundação dessas?” perguntei.
“Veja“ ele disse animado, “a pergunta é bem interessante. Eu me ocupei muito dela. Sou obrigado a responder até certo ponto sim. Quero dizer… a razão não é capaz de deter sentimentos. Porém pode controla-los. Os sentimentos, se forem perigosos, podem ser enjaulados.”
“Como um puma?…”, eu disse sem querer.
“Como um puma”, ele disse e deu de ombros. “Ali então o pobre sentimento anda em círculos, faz barulho, range os dentes, bate nas grades… mas por fim cede, o pelo e os dentes se resfriam, ele envelhece, se torna manso e triste. É possível… Já vi coisa parecida. Essa é obra da razão. O sentimento pode ser contido e domado. É claro”, disse prudente, “que não convém abrir a porta da jaula antes da hora. Porque o puma sai, e, se ele ainda não estiver suficientemente manso, pode causar muito desconforto”. Sándor Márai – De verdade

A consciência do coração é o nosso ser puro, um tipo de consciência de amor, de paz, de tranquilidade e contentamento, que apenas testemunha tudo, que não tem forma, nem limites, que nunca muda e portanto, nunca morre. Ela é a fonte de toda a criação, o campo absoluto de onde tudo se origina. Eduardo Chimenti

  • Nosso coração tem aproximadamente 40 mil neurônios com uma espessa rede de neurotransmissores e um sistema nervoso próprio;
  • O coração tem um campo eletromagnético 5000 vezes mais forte que o cérebro. Para termos uma ideia, enquanto para se fazer um eletroencefalograma precisamos colocar os eletrodos colados na cabeça, para se fazer um eletrocardiograma, podemos colocá-los até no dedão do pé. Isso acontece, porque o campo eletromagnético do coração pode ser medido em um diâmetro de até 3 metros de distância, e esse campo permeia cada célula do nosso corpo;
  • O coração é o único órgão que funciona independente do cérebro. Ele tem consciência própria, percebe, toma decisões e tem memória. Ou seja, ele é um órgão inteligente!
  • O coração envia 2 vezes mais informações ao cérebro, do que o cérebro envia ao coração, e ele pode inibir ou ativar determinadas partes do cérebro segundo as circunstâncias;
  • 65% das células que formam o coração, são células nervosas; mais do que qualquer outro orgão;
  • A ciência tem feito diversos experimentos, através da coerência dos batimentos, que comprovam que o coração recebe primeiro informações de algo que ainda não aconteceu, como noticias ruins e boas etc…
  • O coração é o primeiro órgão a ser formado no embrião. E muito mais…

Aline Gonçalves Santos e o fusca elétrico

Chegando praticamente sozinha em um mercado multibilionário controlado por meia dúzia de conglomerados internacionais, Aline brinca com sua situação: “me sinto uma sardinha no meio dos tubarões”. Gabriel Pietro

engenheira instalando motor elétrico fusca

No entanto, não teme a competição. Encara os desafios e quer popularizar essa nova realidade. “Quando eu me deparei com o valor de um veículo elétrico, eu percebi que a população brasileira não tinha condições de comprar. Eu não tenho condições de comprar, e eu queria muito um carro elétrico.”

A engenheira eletricista Aline Gonçalves Santos, 31 anos, moradora de Vila Velha (ES), desenvolveu um audacioso projeto tecnológico e conseguiu equipar seu Fusca de 1971 com um motor elétrico, estudou e elaborou por dois anos um estudo em que buscava identificar os componentes necessários para criar um motor elétrico para seu carro de meio século. A pesquisa é um passo adiante para adaptar os carros movidos a combustíveis fósseis no país.

A engenheira executou diversos testes em seu veículo antes de lançar a startup MeuVeb. Com a ajuda de uma equipe de eletricistas e mecânicos, e um investimento inicial de R$ 60 mil, Aline conseguiu equipar seu Fusca com o motor elétrico.
Dois anos de pesquisas e muito quebra-cabeças viraram dois dias: este é o prazo para Aline transformar qualquer carro movido a gasolina/etanol em um veículo elétrico. Dois dias! Por R$ 45 mil, preço do kit comercializado pela startup, isso é possível. Razões Para Acreditar

Eficiência: roda 50 quilômetros a uma velocidade de 50 km/h. Amigos do Fusca – Facebook
O kit é composto por motor elétrico, 15 células de bateria de lítio e um display que informa ao condutor algumas informações do sistema, como a temperatura da bateria. Apesar da adaptação universal, inicialmente os veículos antigos de chassi Volkswagen foram escolhidos para as modificações.AutoVídeos
“É um carro urbano, dentro da proposta de popularizar o veículo elétrico. Um estudo apontou que a velocidade média em Vitória é de 30km/h, portanto, o Fusca está excelente. As pessoas ficam mais tempo com o pé na embreagem do que no acelerador”, disse a Aline, que está recebendo propostas de parcerias de paraguaios e chineses para o aprimoramento do motor. Ademilson RamosEngenharia é

Foto: Jefferson Rocio/Mec Show 2018
“A nossa proposta é galgar para chegar a carros mais novos”, contou a engenheira, que participa nesta semana de mais uma etapa da InovAtiva Brasil, o principal programa de aceleração em larga escala para negócios inovadores do país, em São Paulo. Seu mentor é o Nelson Nishiwaki, referência em consultoria no mercado automobilístico brasileiro e auditor da Toyota. Índice Moqueca – Aline Diniz
Poetize-se: DAD VW, BUMBLEBEE ERA UM FUSCA???, SAUDAÇÃO AO SOL, CANCERIANO SEM LAR, ROLÊ DE NATAL VOLKS CLUB MOOCA, EM BUSCA DA VERDADE, KUMSCA, A CORRIDA DE MOTOS MAIS INSANA QUE VOCÊ JÁ VIU, DIA DO FUSCA., MONTE SEU FUSCA, HO’OPONOPONO, EMV, VOLKSWAGEN SP2 CLÁSSICO, A INVASÃO DO BRASIL