Tesla sem bateria bloqueia estacionamento de shopping por 3 horas

Um carro elétrico da Tesla ficou sem bateria na rampa do estacionamento do maior shopping center da Grã-Bretanha. O acesso, que é o único ao local, ficou bloqueado por 3 horas, provocando a ira dos outros motoristas que estavam logo atrás: a eles, não restou outra alternativa senão esperar. AutoPapo

O incidente ocorreu no shopping Westfield, em Londres. Como os funcionários do centro de compras não conseguiram mover o Tesla sem bateria, a única solução foi orientar os veículos que estavam atrás dele a voltarem de ré. O “detalhe” é que o estacionamento tem nada menos do que cinco andares.

No fim das contas, o veículo só foi removido após a chegada de uma equipe de assistência da própria Tesla. Os motoristas que estavam no local reclamaram sobre a demora nas redes sociais. Um deles, porém, lembrou que a autonomia dos carros da Tesla já supera os 600 km, culpando o proprietário do veículo que ficou sem bateria.

Rebocar um carro elétrico pode ser uma tarefa bem difícil. É que nem todos os modelos têm ponto morto. Pois é: como, nesses veículos, o motor proporciona torque imediato, os câmbios geralmente têm apenas uma marcha à frente e outra à ré. Isso sem falar nos mecanismos de recuperação de energia cinética associados ao conjunto mecânico.

Além do mais, também não é possível fazer um enxerto convencional na bateria, procedimento popularmente conhecido como “chupeta”. Nesse caso, o problema é a tensão de 12V dos carros convencionais é baixa demais para um similar elétrico.

Um Tesla da polícia ficou sem carga nas baterias em meio de uma perseguição em San Francisco, na Califórnia. Durante a perseguição, o veículo policial teve de parar e pedir reforços devido ao imprevisto. Contudo, o fugitivo conseguiu escapar. BRUNO IGNACIO DE LIMAOFICINA DA NET

O suspeito era perseguido pela polícia de Fremont no seu Tesla Model S. O agente em questão, Jesse Hartman, foi surpreendido pelo aviso quando já só faltavam cerca de seis milhas para esgotar as baterias.

A adoção do Tesla Model S pela polícia de Fremont faz parte de um projeto piloto para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa pelas entidades públicas, e até então essa frota é a única nos EUA com um veículo da empresa de Elon Musk.

Sze: 900.000 km de elétrico, Bateria cilíndrica de íons de lítio de alta capacidade para carros elétricos, Brasil lança bateria à base de nióbio com tecnologia que recarrega carros elétricos em até 6 minutos, Brasil produz painel solar orgânico

Replicação

Com toda certeza o quadro é muito pior, pois ainda temos a identificação com o agressor (síndrome de Estocolmo), além de outras patologias que possibilitam transformar um ser humano em lixo, é assim tratar os outros como são tratados, é simples a equação.

Entenda mais: LUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUMINSTANTLY AGELESS ™11 INGREDIENTES QUE AJUDAM PERDER PESO , BE MY EYES APPBEBER MENOSA VINGANÇA DO BOQUETETHE JOLLY BOYSTRÂNSITO, AMIGO!DO VINHO AO VINHOSUCOS CASEIROS CHEIOS DE SAÚDE.HORA DO PLANETA
Editado via celular

Sequência cassetete quebrou

Morre radialista que foi atingida por carro alegórico no carnaval do Rio 2017, Elizabeth Ferreira Joffe, de 55 anos, foi uma das vítimas de acidente. Direção do hospital onde ela estava internada confirmou a informação. 

Durante o confronto, algumas agências bancárias que ficam no cruzamento da Avenida Goiás com a Anhanguera tiveram vidros quebrados por mascarados. Além disso, comerciantes da região fecharam suas portas, por volta do meio-dia, com medo de invasões e depredações, e só reabriram após o fim do protesto. Fernanda Borges, G1 GO

Mateus Ferreira da Silva, 33, sofreu traumatismo cranioencefálico (TCE) e múltiplas fraturas e permanece internado em UTI com quadro grave. PM diz que apura o caso.

http://g1.globo.com/goias/noticia/sequencia-de-fotos-mostra-que-cassetete-de-pm-quebrou-ao-atingir-cabeca-de-estudante-em-goiania-veja.ghtml?utm_source=facebook&utm_medium=share-bar-smart&utm_campaign=share-bar

GTA IV – GCM : Duster Guarda Civil Metropolitana de São Paulo

GTA IV – GCM – Guarda Civil Metropolitana São Paulo em patrulhamento: perseguições e troca de tiros.

Curta a pagina no facebook e receba atualizações de videos novos e viaturas gratis para download.

Curtam a pagina do canal do Facebook 🙂

Jogo

Grand Theft Auto IV – 2008

Explore no YouTube Gaming

GTA IV – Guarda Municipal Curitiba em patrulhamento com Parati

GTA IV – Policia Militar Pernambuco em patrulhamento aéreo

Sergeant Cooper the Police Car – Real City Heroes (RCH) – Videos For Children

POLICE CAR CHASE | toy police chase | toy police car chases | Police Car For Children | POLICE – Video For Kids – Видео для детей.

Os rachas mais insanos do ano de 2016 até bicicleta turbo. – Sorry-a

GTA IV – PRF : Patrulha Rodoviária de moto

Observe mais: RECEITA PÃO DE ATUMSANDUÍCHES SEM PÃOPHILIP K. DICKNAARA BEAUTY DRINK!!!DIA DO GUARDA CIVILTORNE-SE UM MENDIGO.EMVCARTA DE UM POLICIAL NOS PROTESTOS DE SÃO PAULOADORO ESSA PARTE DA ANATOMIA FEMIMINA.INSTANTLY AGELESS ™MEDICINA TRADICIONAL YANOMAMI ON-LINEÍNDIO EDUCAVIDACELL®PRINCÍPIOS: O USO DA FORÇAREMÉDIO QUE CURA QUALQUER DOENÇAONDE FUI ROUBADORESERVE™A HISTÓRIA DO JARDINEIRO DE OXALÁSÓ ISSO!UM GOLPE EDUCADO!POLICIAL DA FLÓRIDA MOSTRA COMO SE TRATA RECLAMAÇÃO DE QUE GAROTOS ESTÃO JOGANDO BASQUETE NA RUA

Princípios: O USO DA FORÇA

Os funcionários responsáveis pela aplicação da lei só podem empregar a força quando estritamente necessária e na medida exigida para o cumprimento do seu dever.

Ao fazer o uso da força o policial deve ter o conhecimento da lei, deve estar preparado tecnicamente, através da formação e do treinamento, bem como ter princípios éticos solidificados que possam nortear sua atuação. Ao ultrapassar qualquer desses limites não se esqueça que você estará igualando-se às ações de criminosos. Você deixa de fazer o uso legítimo da força para usar a força e se tornar um criminoso. Eduardo Moreno Persson – Embasamento legal do uso da força pelo policial militar. Jus Navigandi

PORTARIA INTERMINISTERIAL No- 4.226, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2010 – Estabelece Diretrizes sobre o Uso da Força pelos Agentes de Segurança Pública.

Sempre que o uso legítimo da força ou de armas de fogo seja inevitável, os funcionários responsáveis pela aplicação da lei deverão:

a) Utilizá-las com moderação e a sua acção deve ser proporcional à gravidade da infracção e ao objectivo legítimo a alcançar;

b) Minimizar os danos e as lesões, e respeitar e preservar a vida humana;

c) Assegurar a prestação de assistência e cuidados médicos às pessoas feridas ou afectadas, tão rapidamente quanto possível;

d) Assegurar a comunicação da ocorrência à família ou pessoas próximas da pessoa ferida ou afectada, tão rapidamente quanto possível. Princípios Básicos Sobre A Utilização Da Força E De Armas De Fogo Pelos Funcionários Responsáveis Pela Aplicação Da Lei

A utilização da força é uma das funções do agente de segurança pública, esta prática deve ser efetuada de forma moderada e legítima, que deve ter em mente quatro princípios básicos: a necessidade, a proporcionalidade, a ética e a legalidade, sem os quais, sua ação implicará em uma resultante incondizente com a sua atividade fim; isto é, ao invés de estar prevenindo e combatendo a violência, ele a estará gerando. Luís Fernando Dias Silva Cardoso – Abordagem Policial

Os Princípios Básicos sobre o Uso da Força e Armas de Fogo (PBUFAF) prevêem diretrizes que estipulem meios e recursos adequados para que os profissionais da rede de segurança executem sua atividade de maneira mais eficiente, bem como propõem que o governo e entidades responsáveis regulamentem normas sobre o uso da força e armas de fogo, além de responsabilizar judicialmente aquele profissional que exercer algum tipo de irregularidade durante o exercício de sua atividade.

Os abusos policiais são “quase crônicos” no Brasil, um país que vive “muitos anos de violência, corrupção e atrocidades cometidos com impunidade”, lembrou que o Brasil nunca julgou os responsáveis das atrocidades cometidas durante o período de ditadura militar (1964-1985). José Miguel Vivanco. Human Rights Watch – Cabo Glaucia

O Código de Conduta dos Encarregados pela Aplicação da Lei (CCEAL) estabelece que é função do agente de segurança pública prestar serviços à sociedade realizando a manutenção da ordem e da paz. Luís Fernando Dias Silva Cardoso – Abordagem Policial

Enxergue mais: MORADORES: 5 MIL REAIS X PREFEITURA RJ: 270 MILEVOLUIMOS?LUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUMINSTANTLY AGELESS ™WORLD CUPOLICEONDE FUI ROUBADOUM GOLPE EDUCADO!SÓ ISSO!BODE EXPIATÓRIOQUEM É O POVO?CASAS DE MEDIAÇÃO

Dia da Guarda Civil Metropolitana

250px-guarda_civil_do_paranc3a1

Foi instituída pela Lei nº 2.141, de 22 de outubro de 1926, no governo de Carlos de Campos, que governou o Estado de São Paulo de 1924 a 1927. O artigo 3º da citada Lei atribuia a superintendência da Guarda Civil ao Chefe de Policia Civil, na época, o Delegado Roberto Moreira. Wikipédia, a enciclopédia livre.

logonorma3

A Guarda Civil Metropolitana foi criada em 1986, na gestão do prefeito Jânio da Silva Quadros, através da Lei Municipal Nº 10.115, de 15 de setembro daquele mesmo ano. SMSU

LEI Nº 13.022, DE 8 DE AGOSTO DE 2014. Estatuto Geral das Guardas Municipais.

gcmbrasao

Hierarquia

1911 1922 1932 1951
Inspetor Inspetor / Comandante Inspetor / Comandante Diretor
Subinspetor Subinspetor / Subcomandante Subinspetor / Subcomandante Subdiretor Geral
Almoxarife Almoxarife Fiscal de 1ª Classe (de pessoal) Subdiretor de Policiamento
Fiscal Fiscal Fiscal de 2ª Classe (almoxarife) Fiscal Chefe
Guarda de 1ª Classe Guarda de 1ª Classe Aspirante a Fiscal Fiscal
Guarda de 2ª Classe Guarda de 2ª Classe Guarda de 1ª Classe Guarda de 1ª Classe
    Guarda de 2ª Classe Guarda de 2ª Classe
    Guarda de 3ª Classe Guarda de 3ª Classe

250px-banda_da_guarda_civil_do_rio_de_janeiro

Por intermédio da música, a GCM traz proximidade com os munícipes e faz apresentações didáticas. Banda e Coral da Guarda Civil Metropolitana

28-03-08-banda_gcm-teatro_olido_094_1364845966

A missão da Guarda Civil Metropolitana é a proteção de bens, serviços e instalações municipais, conforme previsto no Art. 144 da Constituição Federal. Secretaria Municipal de Segurança Urbana

gcm_logo2

O lema da Guarda Civil Metropolitana é AMIGA, PROTETORA E ALIADA e se caracteriza pela filosofia de proteção Comunitária, Moderna e Preventiva. SMSU

Entenda mais: DIA DO GUARDA CIVILINSTANTLY AGELESS ™CASAS DE MEDIAÇÃO, RENILDO PAULINO SILVA DOS SANTOS, LUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUMDIA DA ÁRVORE, NAARA BEAUTY DRINK!!!, POLÍCIA 24 HORAS, UM GOLPE EDUCADO!, DE QUE LADO VOCÊ ESTA?, WORLD CUPOLICE, QUEM É O POVO?, BANDEIRANTES MODERNOS, PARE OU DIMINUA?

Entenda mais:

WORLD CUPolice

pelebrazuca
alckimeimcopaescola

Veja também: Quem é o povo?, 2014, Ano do Pão e Circo, Bode expiatório, Manifestantes ou vândalos?, Sal e vinagre, Polícia 24 horas, Saramago, Não Foi Acidente, Os cinco princípios de bem viver, Porquê eu quis?, Qual o volume ocupado por 1 trilhão de reais?, FIFA World Cup 2014 – THE REAL BRAZIL, PRESÍDIOS NO REGIME MILITAR, BBB por Antonio Barreto, UM MEDICO DE BELZONTE, Voto Nulo, Bolsa família, Feliz dia do índio!!!

E agora???

A Lei de Drogas, de 2006, não listou quais substâncias são ilícitas, deixando isso a cargo do Ministério da Saúde e segundo o juiz Frederico Ernesto Cardoso Maciel, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDF), como não existe uma justificativa oficial para a proibição do uso da maconha, a criminalização do uso da droga transgride o princípio da impessoalidade determinado pelo art. 37 da Constituição. “O ato administrativo, em especial o discricionário restritivo de direitos, diante dos direitos e garantias fundamentais e também dos princípios constitucionais contidos no art. 37 da Constituição da República devem ser devidamente motivados, sob pena de permitir ao Administrador atuar de forma arbitrária e de acordo com a sua própria vontade ao invés da vontade da lei”. Redação Pragmatismo

guerra-as-drogas-acabar-policia-bancos-traficantes

O impacto da legislação brasileira antidrogas no sistema prisional é prova cabal da falência do sistema repressor que criamos. O consumo de drogas não diminui, mas o número de presos por crimes relacionados às drogas aumenta ano após ano, e explodiu desde a promulgação da atual lei que trata do tema, em 2006. Lucia Nader e Rafael Custódio

cerebroforadagaiola

Somente a cidadania plena conduz à democracia. Não há outra forma de ser cidadão que não seja através da educação ideológica e política. Pragmatismo Político

legalizaruruguai

Veja tambén: FHC = THC, José Mujica maconheiro?, Scoring drugs, Quarto poder, Doenças degenerativas, Suco de limão e Bicarbonato, Vamos acabar com o domínio da Monsanto, O Coxinha – uma análise sociológica, Paulo Freire, Jesus Negão, Carmina Burana: Introduction (O Fortuna), Índice de Desenvolvimento Humano, Cadê os Amarildos?