A HISTÓRIA DO REI QUE PASSEOU NU

Havia outrora um rei muito mau e vaidoso que cobrava pesados impostos dos seus súditos de forma a custear o seu guarda-roupa confeccionado a partir dos mais dispendiosos tecidos. LIBERTEM A PLANTA!
Certo dia chegaram dois vigaristas que, apresentando-se como renomados alfaia­tes de uma terra longínqua, solicitaram uma audiência com o rei, durante a qual lhe contaram que tinham inventado um novo e fabuloso tecido, feito de uma fibra de ouro muito cara que apenas as mais puras e sábias pessoas eram capazes de ver. Excitado, o rei pediu para ver uma amostra, e os homens mostraram-lhe um cabide vazio. “Não achais maravilhoso?” perguntaram ao rei.
O rei concordou, receando admitir que nada via, pois isso significaria que era uma pessoa apática e estúpida.
O rei lembrou-se então de testar os seus ministros, convocando-os para darem a sua opinião. Uma vez que lhes foi explica­da a magia do tecido, todos concordaram que se tratava de fato do melhor e mais maravilhoso tecido do mundo.
O rei ordenou que a maior parte do ouro do tesouro real fosse entregue aos supostos alfaiates para estes o transforma­rem em fio. Os homens começaram a trabalhar de imediato, passando o dia a fin­gir que cortavam e cosiam, enquanto periodicamente o rei e os seus ministros vinham observar o produto que eles es­tavam a confeccionar — e liquidar as enormes dívidas que vinham a acumular no decurso das suas atividades.
Chegou finalmente o grande dia, quan­do todos os habitantes do reino foram convocados para admirar a roupa nova do rei, para a qual tanto tinham dispendido e da qual tanto haviam ouvido falar.
Quando o rei surgiu todo nu, as pes­soas olharam-se incrédulas e nada disseram. Então cantaram as loas do mira­culoso tecido novo: “É a obra mais bela que jamais vi!” “Magnífico!” “Quem me dera ter um tecido assim tão maravi­lhoso!” Todos aplaudiram, receosos de serem denunciados e apodados de estúpidos e impuros caso procedessem de outro modo.
E o rei pavoneou-se orgulhosamente frente aos seus súditos, secretamente preocupado com a eventualidade de perder a coroa caso o seu povo descobrisse que ele próprio era incapaz de ver a roupa que lhe envolvia o corpo.
Quando o rei passou junto da multi­dão, um rapazinho que estava às cavaiitas do pai gritou: “Mas o rei não traz nada vestido!”
“Escutai o que diz o inocente!” disse o pai do rapaz. E as pessoas sussurraram umas às outras o que dissera a criança. E as palavras do rapazinho espalharam-se entre os súditos do rei.
Todos — ministros, guardas e povo — perceberam então que o rei e os seus mi­nistros haviam sido enganados por escro­ques, e que estes não apenas os haviam enganado, mas tinham gasto nesta farsa todo o dinheiro dos impostos.
O rei ouviu as pessoas rirem e murmurarem. Sabia que elas tinham razão, mas o seu orgulho impedia-o de admitir que se en­ganara e fizera figura de idiota. De modo que o rei se empertigou todo e, do alto do seu nariz, fitou os guardas, até que captou o olhar de um deles.
O guarda, olhando nervosamente em redor, consciente de que este vaidoso rei podia mandar encarcerá-lo ou mesmo decapitá-lo, evitou os seus olhos e fitou o chão. Então outro guarda, percebendo que o seu colega deixara de rir, assustou-se e baixou também os olhos para o chão. Num instante, to­dos os guardas, ministros e até mesmo as crianças que fingiam transportar o real manto feito de teci­do de ouro invisível, olha­vam fixamente para o chão.


Vendo os ministros e os guardas, que há um momento atrás estavam rindo do rei e agora fitavam o chão, tremendo como varas verdes, as pessoas deixaram de rir e não tardaram também a baixar as cabeças.
Até o rapazinho que inicialmente ex­clamara que o rei ia nu, vendo todas as pessoas crescidas à sua volta, e até mesmo o seu pai, tão assustadas e subju­gadas, baixou a cabeça cheio de medo!
Então o rei, empertigando-se de novo, anunciou aos seus súditos, enquanto marchava através do seu reino: “Quem se atreve a dizer que estas não são as me­lhores roupas que há?”

365 NUS

A inspiração veio do avô naturista, que apresentou para Fernando uma maneira libertadora de lidar com a nudez, porém o fotógrafo perdeu a conta de quantas vezes foi bloqueado e denunciado por ‘conteúdo impróprio’. Apesar disso, fica claro o que seu trabalho quer mostrar: que o ‘nu’ é bem mais do que órgãos sexuais em evidência.

O trabalho autoral, um projeto de Schlaepfer, #365nus foi lançado em 2015 e rendeu imagens espetaculares, com modelos sendo colocados em diversos contextos, cenários e atmosferas.

Tomás (foto: Fernando Schlaepfer)

O fotógrafo Fernando Schlaepfer lançou um projeto intitulado #365nus, com o qual se responsabilizou a publicar uma foto por dia, durante um ano de inteiro, de diferentes pessoas nuas. Maurício Thomaz

… eu entendi que independente do estereótipo, não é a pessoa que você fotografa que vai fazer o resultado ser uma réplica do estabelecido: há um conjunto de fatores muito maior na criação de uma imagem que envolve não só o lado estético, mas o olhar e as intenções das pessoas que criam aquela imagem (as fotografadas e as que fotografam, no caso), … . #365nus

O lado egoísta sempre bate quando perdemos alguém, mas é no mínimo injusto ficar triste com algo em relação a ele, muito menos deixar de lado algo que ele foi o maior incentivador.

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é 006-tripla-hugo-1080px.jpg

Foram-se as risadas ininterruptas, os almoços de domingo, as conversas inteligentes mesmo nos assuntos mais idiotas, as mil histórias da versão brasileira e gente boa do Bukowski… Mas ficam as lições de vida, os incentivos, as lembranças lindas, a energia 101% positiva e todo o amor transbordante.

“Isso tudo se trata de confiança. Confiança entre o fotografo e a fotografada. É confiar no universo ao seu redor, e principalmente, confiar em si mesma. É se sentir inteira, conectada consigo mesma. É plenitude, mais que isso, solitude. É resiliência, resistência, é amor. Amor próprio, e assim, amor pelo próximo. É gratidão.” Amanda, uma das fotografadas

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é tumblr_nu2cn9Okfl1qba6lwo1_1280-855x561.jpg

365ze-se: 400 Nudes, Que nudez escandaliza?!?, Polêmica de homem nu, EU ESCOLHI VOCÊ, Wellcome Boxerville (Adulto), Primeiras fotos eróticas coloridas da humanidade, O Jardim do Éden e os Anunnaki, O Universo em 6 minutis

EU ESCOLHI VOCÊ

ATENÇÃO! O vídeo apresenta conteúdo explícito (nudez) não recomendado para menores de 18 anos. CLARICE FALCÃO BRASIL

CLARICE FALCÃO- EU ESCOLHI VOCÊVimeo (SEM CENSURA)

Eu escolhi você porque
Não tá tão fácil assim de escolher
Tem muita gente ruim
E quando não é ruim, é porque não gosta de mim
Aí termina que no fim só tem você

Eu escolhi você porque
Não tinha tanta gente pra ser meu, vê só
Que sorte você deu
Dos males o menor
Porque você é o melhor
Ou melhor, o menos pior pra escolher

Na minha vida já existiram
Cinquenta opções de amor
Quarenta e nove desistiram
E você foi o que sobrou

Eu escolhi você
Com fé de não me arrepender de te escolher
Até um outro aparecer
Não fica triste não
Eu escolhi de coração
Também por falta de opção mas foi você

Na minha vida já existiram
Cinquenta opções de amor
Quarenta e nove desistiram
E você foi o que sobrou

Eu escolhi você porque
Não tá tão fácil assim de escolher
Tem muita gente ruim
E quando não é ruim é porque não gosta de mim
Aí termina que no fim só tem você

normal_14269174_948977238559149_1680155639_n

Observe mais: PERTO DO FOGOLUMINESCE™OURO DE TOLOMAKOTA VALDINARESERVE™MINHA ALMA (A PAZ QUE EU NAO QUERO), NAARA BEAUTY DRINK!!!FALANDO SOBRE PATO FUCAPITÃO GANCHO, INSTANTLY AGELESS ™MONÓLOGO AO PÉ DO OUVIDO / BANDITISMO POR UMA QUESTÃO DE CLASSECINE BELAS ARTESVIDACELL®WELLCOME BOXERVILLE (ADULTO)HO’OPONOPONOEMVOITAVO ANDARMONTE SEU FUSCA

Revenge Porn

“Porn Revenge” é um eufemismo para uma forma de violência sexual que também pode envolver assédio, violência por parceiro íntimo e perseguição. Stop Street Harassment

revp2bquadrinhos

Mudar esse cenário depende de educar toda uma sociedade. E transformar mentalidades não é uma tarefa simples — mas é uma tarefa possível.

revp2bminha2bculpa

Se você for vítima, não tenha vergonha de pedir ajuda. Se você conhece alguma mulher vítima, dê suporte, se mostre presente, não julgue. Aja, no dia a dia, de maneira a respeitar as mulheres e suas decisões,  isso inclui respeitar escolhas que você pode não concordar.

revp2blivro2bda2bvitoria2bpeq

E nunca, jamais, repasse pornografia que você não sabe de onde vem. Ao apertar o play, você está violando alguém. Porque pornografia da vingança não é pornografia é violência.

card-1_3197800b

“Minha privacidade, a minha intimidade, meu corpo tinha sido completamente violados. (…) Eu me senti embaraçado e envergonhado, mas fui injustiçado e deve haver alguma justiça para isso.  Shaunna Lane, in: DailyMail

article-2735473-20d6b1c200000578-656_634x424

google-bans-revenge-porn-710x434

Entenda mais: 400 NUDESINSTANTLY AGELESS ™X REAL – O LIVRONAARA BEAUTY DRINK!!!, BANIDAS DO INSTAGRAMLUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUMSENSE8TURISMO SEXUALRAPE MEDIA NACIONAL DO TURISMO

400 Nudes

Advertência: Este post contém muita nudez e provavelmente não é adequado para a maioria dos ambientes de trabalho. Brasil Post

SELFIE-large570

A artista Jillian Mayer pesquisou no Google e encontrou uma série aparentemente infindável de selfies de nudez, a nova obra da artista, intitulada 400 Nus, é um experimento de identidade, autenticidade e sexualidade na era da internet, exposta no Museu de Arte Contemporânea de Montreal (Canadá) ou em 400nudes.com.

400nudes4

As mulheres sentem-se poderosas no instante da foto, mas também estão entregues à vulnerabilidade da internet, a maioria das fotos foi encontrada em sites pornográficos de “vingança”, que pode render constrangimentos pessoais e profissionais. Catraca Livre

FOR-YOU-GIRLS-large570
O nosso aplicativo irá falar sobre violência virtual sofrida por mulheres, em especial o vazamento de fotos íntimas, tema urgente a ser tratado, para dar apoio a essas mulheres, levar conhecimento e nos unir”. Camila Ziron, Estela Machado, Hadassa Mussi, Larissa Rodrigues e Letícia Santos.

calendario_idosas_1

mcmahan16cut-02

Veja também: Cinquenta Tons de Cinza, A culpa é sua!, O Estado Laico, Text Me Something Dirty, Sexo seguro!, Tura Satana, Horrible Histories, Sensibilidade, Começou o carnaval!, Santa Buceta, Puta Que Pariu!!!, FORDISMO??, Dia Internacional da Mulher

Text Me Something Dirty

For adults only! If you’re under 18, you’re not welcome and should get away from here right now.

I post pictures of my dirty ideas written in red on dark background signed “textmesomethingdirty”.

You can find them here, ENJOY:

Text Me Something Dirty

PHOTOS: All photos were taken from the Internet and are assumed to be in the public domain.
All models are supposed to be 18 or older.
I do not post, nor endorse nor support child abuse.

Veja também: A chegada de Lampião no Inferno, Vida Simples, Pedala Mundo!, Senta e dorme, Vinho, Adoro essa parte da anatomia femimina., A vida como ela é, O Estado Laico, Sobre quem?, No gás