Pai atende o telefone

Em um grupo do Facebook denominado  ‘Direitos Humanos Brasil’, uma jovem negra e homossexual – filha de uma mulher negra com um homem branco – resolveu tripudiar sobre todos os ‘homens brancos’ de maneira generalizadas. Jornal da Cidade online

Mude conceitos, você pode e deve:  MANUAL PLANTAS AMAZÔNICASLUMINESCE™LIVROS QUE ENSINAM AS CRIANCAS CUIDAR DO PLANETA, A RAINHA DE MAIONAARA BEAUTY DRINK!!!A INDÚSTRIA FARMACÊUTICA ESTÁ FORA DE CONTROLE?NEVOBATMÓVEL – INFOGRÁFICOMUTAÇÃOINSTANTLY AGELESS ™A QUARTA PAREDE!BESOURINHAVIDACELL®Three Little PigsRESERVE™TÁXI VS UBERDENTE DE LEÃO

Narciso de ébano

capaovidentedarua46

Osvaldão foi menor abandonado, adolescente fugitivo da Febem, e agora, passados os seus trinta anos de idade, tornara-se um homem desempregado e sem perspectivas. Um cidadão exemplar do terceiro mundo. Sem que disso tivesse consciência, Osvaldão era a estatística mais bem-acabada do capitalismo globalizado e dos excluídos pelo neoliberalismo. E, além disso, negro.

Osvaldão carregou sempre o estigma de viver numa sociedade morena sem preconceitos de raça e de doce miscigenação. Seu único orgulho, adquirido em meio a mitos e tabus de uma forçada promiscuidade pela sobrevivência, era o membro viril que carregava sob as calças rotas de algodão. Troféu de pouco uso, dada a sua condição social, mas manuseado a saciedade. Já fora procurado por homens e mulheres que tinham ouvido falar do instrumento. Alguns, por curiosidade; outros, pelo desejo de consumo. Era o único capital que dispunha Osvaldão.

Tratava o membro da melhor maneira possível, venerava-o quase. Costumava exibi-lo nos finais de tarde junto às paredes da catedral da Sé, sem preocupações, sem malícias, com carinho. Empinando-o, como a um cabo de um látego de ébano, vendia seu produto como qualquer outro ambulante da região.

ALMADA, Izaias. O vidente da Rua 46: contos eróticos. Editora Mania de Livro. SP, 2001. p. 23.

14-08-07_izac3adas-almada_rodrigueanos

Quem lê melhora o mundo. Leia e deixe um livro em algum lugar público.

Veja também: CHICO XAVIER, Turismo sexual, SAUDOSA MALOCA, 400 Nudes, NELSON NED D’ÁVILA PINTO, Candelária, EVOLUSEX, 3º opção, CRASSEFICADOS‏, TEXT ME SOMETHING DIRTY, NÃO ERA BEM ASSIM., SENSIBILIDADE, RAPE ME, COMEÇOU O CARNAVAL!, LIVROS PARA COLORIR, SEXO SEGURO!, CONSCIÊNCIAS NOTÓRIAS: ALBERT EINSTEIN

Ditadura da propaganda

antonioemiliodemoraes
o-BLACK-WOMAN-CHAIR-570

Luis Nassif

1424258103

Lincoln Gordon escreveu ainda ao Departamento de Estado de seu país que o sigilo da fonte era essencial, ou seja, era para manter segredo sobre o interlocutor tanto do embaixador quanto do general: Roberto Marinho. Apocalipse News

Enxergue mais: O pai da propaganda, Jesus Negão, 3º opção, A verdade pode estar no ovo, Carnaval é Perfeição!, Makota Valdina, A Copa do Pinheirinho, A culpa é sua!, Vergonha na lama, I Have a Dream, Que País É Esse?, DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS, FIFA World Cup 2014 – THE REAL BRAZIL, Minha Alma (A Paz Que Eu Nao Quero), Juan dos Mortos

Halloween Saci!

flocorediasaci
chaveshulkO saci-pererê retratado por Monteiro Lobato em 1917 era chifrudo e tinha dentes pontudos para sugar o sangue de cavalos. O Dia do Saci nasceu na década passada como uma resposta à crescente popularização do Halloween, que é uma mistureba com elementos dos antigos celtas, de romanos, de irlandeses e ingleses da Idade Média e dos primeiros séculos de tradição cristã.  –  Super Interessante

santaceiatartarugajpg

saci

Enxergue mais: Curupira, Instituto Pindorama, voluntariado.CONTRA TODOS OS MALESNAARA BEAUTY DRINK!!!BOAS IDÉIAS QUE TODOS OS PAÍSES DEVERIAM ADOTARTouché Turtle, Robin Hulk, Árvores?,  EMV, Biblioteca Web, DIA DA ÁRVORE, Neil ArmstrongCOMENDO RECIFEINSTANTLY AGELESS ™, Hein? hã?, Ferramentas de destruição em massa.MANJERICÃOBRINCANDO DE LÓGICAVIDACELL®RORSCHACHENSAIO SOBRE A CEGUEIRA HÍDRICAPLANETA DOS MACACOSUM MAR DE INFORMAÇÕES!!!RESERVE™Não Foi Acidente, Princípio do ou não, Museu Virtual