O HOMEM BICENTENÁRIO

Em 2005, uma família americana compra um novo utensílio doméstico: o robô chamado Andrew (Robin Williams), para realizar tarefas domésticas simples. Entretanto, aos poucos o robô começa a apresentar traços característicos de um ser humano, como curiosidade, inteligência e personalidade própria. Começa, então, o início da saga de Andrew em busca de liberdade e de se tornar, na medida do possível, humano.

 O Homem Bicentenário

Este filme de ficção-científica é baseado em uma história do consagrado escritor Isaac Asimov. filmow

A obra original fala sobre os medos e angústias da existência humana e foi adaptada para o cinema.

E dentro dessa situação, a reflexão filosófica é direcionada para a discussão sobre a questão do uso das funções que nos caracterizam como seres humanos: se temos que ter necessariamente uma alma, ou se bastariam apenas de componentes físicos, como os de um computador, ou seja, o importante é a estrutura física da pessoa humana ou seve-se levar em contar o íntimo, as sensibilidades, as imperfeições e aspectos que o diferencia dos demais seres, com suas singularidades. Prof. Esp. Francisco das C. M. dos Santos

Bize-se: Um anticorpo de Gaia para o vírus ser humano, 9 criptomoedas para movimentar o mercado em maio, 10 fatos sobre inteligência artificial, Repo man, Indústria 4.0 ou Quarta Revolução Industrial. Como Fazer um Robô, A evolução dos robôs., O mito da caverna

Viajando na leitura! As Tranças de Bintou

“As tranças de Bintou” da autora Sylviane Anne Diouf, uma americana afrodescendente que acredita que muitas pessoas ainda precisam adquirir conhecimento sobre o povo africano, principalmente as crianças, para que estes cresçam bem mais informados que as gerações anteriores. Plataforma Espaço Digital

A Biblioteca Infantil de Pirituba, posteriormente denominada Biblioteca Infanto-Juvenil Orígenes Lessa, foi inaugurada em 18 de março de 1965, mas não pôde entrar em funcionamento por falta de funcionários. Neste ínterim, foi criada a Administração Regional de Pirituba Perus que, por não ter um local para se instalar, ocupou o mesmo prédio pertencente à biblioteca.

Leze-se: LITERATURA INDÍGENA: POR ONDE COMEÇAR?, George Orwell, 1984 e Revolução dos Bichos, Cuaracy Ra’Angaba – O céu Tupi Guarani, Preconceitos, padrões, estigmas e outras anomalias, 10 livros que ensinam as criancas cuidar do planeta

As gémeas marotas

“As gémeas marotas” (com grafia da edição de Portugal) apresenta desenhos de personagens em atos sexuais. O livro é assinado pelo pseudônimo Brick Bruna e trata-se de uma paródia pornográfica direcionada a adultos feita a partir da obra do autor holandês Dick Bruna.

“É falsa a informação de que a Procuradoria Geral do Município teria enviado ao Supremo Tribunal Federal imagens do livro “As Gêmeas Marotas”, na Bienal do Livro no Rio. A Prefeitura lamenta que, na ânsia de atacar a atual gestão, parte da imprensa seja usada como ferramenta política.

Reforçamos: trata-se de “fake news”. Bastava ter lido o documento original no site do STF, mas, infelizmente, alguns veículos de imprensa publicaram a informação sem a mínima apuração.

A Prefeitura do Rio reitera que não cometeu nenhum ato de discriminação. Ao contrário, a decisão de verificar o cumprimento do ECA é uma medida a favor do consumidor, que precisa ser informado sobre o produto que lhe está sendo oferecido. Tratar o tema como censura é, sim, uma tentativa de cercear o direito de cada família de decidir quais assuntos devem ser compartilhados com seus filhos.

Por fim, usamos as palavras do apresentador da TV Globo, Flávio Fachel, que, precipitadamente, trocou sua função de jornalista pela de juiz durante o Bom Dia Rio desta manhã, e devolvemos a pergunta: “Foi má-fé ou incompetência?”. Prefeitura do Rio de Janeiro – O Globo

A obra, em nome de um suposto autor holandês chamado Brick Duna, é uma sátira que foi lançada em Portugal em 2012, com tradução de Maria Barbosa.

O livro não é voltado ao público infantojuvenil. É uma sátira das produções infantis do holandês Dick Bruna, morto em 2017, conhecido pelo personagem Miffy, um coelhinho de traços simples. Consultor Jurídico

Observe mais: SUCOS VERDES, VIA LÁCTEA PELO NAVEGADOR, 23ª FEIRA INTERNACIONAL DO COOPERATIVISMO (FEICOOP), 4 SINAIS DE QUE VOCÊ E SUA CARREIRA SÃO IDIOTAS, DENTE DE LEÃO, DOUTOR ESTRANHO, RESERVE™, REPO MAN, APPS QUE CUIDAM DO SEU PET

A indústria farmacêutica está fora de controle?

Um canceriano sem lar.

Construímos um sistema médico em que o ato de enganar não é apenas tolerado, mas recompensado, a afirmação é de Carl Elliot, professor de Bioética e Filosofia na Universidade de Minnesota e autor do livro White Coat, Black Hat – Adventures on the Dark Side of Medicine em português: Jaleco branco, chapéu preto: aventuras no lado negro da medicina.

O livro de Elliot se junta a uma série de obras que, nos últimos cinco anos, vem revelando que a indústria farmacêutica escapou de todo o controle e que tem influência sobre a formação, a pesquisa e os médicos.

Confira o que o médico e escritor disse em uma entrevista recente e responda você mesmo a pergunta do título! (Homeopatia Ação Pelo Semelhante)

umbrella

“A Máfia Médica” é o título do livro lançado em 2010 que custou à doutora Ghislaine Lanctot a sua expulsão do colégio de médicos e a…

Ver o post original 88 mais palavras

Vambora

Vambora – Adriana Calcanhotto

Entre por essa porta agora
E diga que me adora
Você tem meia hora
Pra mudar a minha vida
Vem, vambora
Que o que você demora
É o que o tempo leva

Ainda tem o seu perfume pela casa
Ainda tem você na sala
Por que meu coração dispara
Quando tem o seu cheiro
Dentro de um livro
“Dentro da noite veloz”

Ainda tem o seu perfume pela casa
Ainda tem você na sala
Porque meu coração dispara
Quando tem o seu cheiro
Dentro de um livro
“Na cinza das horas”

adrianacalcanhotto

Veja também: Perto do Fogo, Lâmpadas fritas, Falando sobre Pato Fu, Infinito sustentável, Eu vou de bike, e você?, Arte Fora do Museu, Globo terrestre virtual, Santa Buceta, Brô Mc´s, Índias, Carta da Terra, FORDISMO??, Ana Primavesi, Engenheira agrônoma., Makota Valdina

Qual o volume ocupado por 1 trilhão de reais?

Arrecadação de impostos, dívida pública, pacotes de estímulos, copa do mundo, desvio de verbas, enfim, nos jornais e revistas é muito comum aparecer valores da ordem dos bilhões ou mesmo trilhões de reais!

Mas o que será que isto significa? (visualmente falando)

O tamanho
Vamos começar com uma nota de R$100 reais (de 7cm de altura e 15,6cm de comprimento). Que pode ser guardada em qualquer carteira ou até mesmo dentro de um livro.

Um pacote contendo 100 (cem) notas de R$100 reais possui cerca de 1cm de espessura e contém R$ 10.000 reais. Cabe no seu bolso com facilidade e, de acordo com o DIEESE, este valor seria suficiente para sustentar cerca de 4 famílias (cada uma composta por 2 adultos e 2 crianças) durante 1 mês.

Você poderia colocar R$ 1 milhão de reais (ou 100 pacotes de R$ 10.000) em um saco de supermercado e passear com ele.

R$ 100,8 milhões ocupa um palete (bloco ou pallet – em inglês) de 1 metro de largura por 1 metro de comprimento e uma altura de aproximadamente de 96 centímetros.

10 Bilhões de reais (R$10.000.000.000) poderia formar uma pista de corrida e seria possível percorrer 100 metros sobre uma pilha de dinheiro de 1 metro largura e quase 96 centímetros de profundidade.

– E aí? Está curioso para ver o que seria 1 trilhão de reais!

Lembrando que 1 trilhão (R$1.000.000.000.000) é um milhão de milhões, ou mil bilhões, ou ainda 1 (um) seguido de 12 zeros.

Se fosse colocado um palete em cima do outro, daria uma altura de 9600 metros, o que seria maior do que o monte Everest ou 22 vezes o edifício Empire States.

Everest1trilhao

E lembre-se … essas são notas de R$100 reais! Se fossem notas de R$50, multiplique tudo por 2.

Então, da próxima vez que você ouvir esses números… tenha estas imagens em mente.

Curiosidade
Em 2012, o governo arrecadou em impostos cerca de 2 vezes este montante! Ou seja, aproximadamente 1,7 trilhões de reais!

Para mais informações sobre os cálculos realizados, confira o site original (em inglês), basta clicar aqui.

Veja também: Robin Hulk, Impostômetro, Fair Play, Ficha Limpa!!!, Orçamento doméstico, Michael Moore, Cidadão, Miniusina de energia, Empoderamento dos recursos, Universidade Aberta do Meio Ambiente e da Cultura de Paz – UMAPAZ, Palets, Comida

Biblioteca Web

Consulte enciclopédias e bibliotecas virtuais de todo o mundo

Portal Domínio Público – Lançado em novembro de 2004, propõe o compartilhamento de conhecimentos de forma equânime, colocando à disposição uma biblioteca virtual que deverá se constituir em referência para professores, alunos, pesquisadores e para a população em geral.

Bibliotheca Alexandrina – A Biblioteca de Alexandria está em processo de digitalização de seu conteúdo. A maior parte do material disponível está em árabe.

Encyclopaedia Britannica – Restrita ao ambiente virtual desde março de 2012, a enciclopédia oferece consultas ao conteúdo gratuitamente e também por meio de um serviço pago.

Biblioteca Nacional Digital de Portugal – O endereço virtual disponibiliza para consulta cerca de 24 mil obras em português e outras línguas.

Biblioteca Nacional Digital – A Bliblioteca Nacional tem um catálogo com mais de 25 mil itens digitalizados disponíveis para consulta.

Biblioteca Digital Mundial – Iniciativa da Unesco e da Biblioteca do Congresso dos EUA, o endereço virtual tem como propósito reunir conteúdo histórico de todas as regiões do mundo.

Projeto Gutenberg – Tem mais de 100 mil livros digitais que podem ser baixados e lidos em diferentes plataformas eletrônicas.

Biblioteca do Congresso dos EUA –A biblioteca digitaliza seu conteúdo desde 1994. No endereço estão disponíveis fotografias, manuscritos, mapas, filmes e gravações de áudio.

Wikipedia – Enciclopédia virtual mais famosa entre todas as listadas, reúne milhões de artigos em idiomas em inglês, francês e alemão e português.

Domínio Público – No ar desde 2004, reúne mais de 200 mil obras em português entre textos, imagens, vídeos e arquivos em áudio que – como o nome sugere – caíram em domínio público.

Perseus Digital Library – O projeto é especializado em material das culturas greco-romanas, mas também possui conteúdo de outros períodos históricos.

Open Library – Projeto que ambiciona criar uma página na internet para cada livro já publicado no mundo, já tem um acervo com 20 milhões de itens.

Internet Archive – Integrante da Open Library, é um projeto que tem como proposta armazenar todos os sites do mundo desde 1996.

Veja também: Consumo colaborativo, Livro suspenso, Curupira, Flash na Biblioteca, Hoje., Art.sy, Universidade Aberta do Meio Ambiente e da Cultura de Paz – UMAPAZ, Em progresso, Casas de Mediação, Ministério da Saúde, Princípio do ou não, 3º opção