Juíza de Goiás proíbe fotos de agentes políticos em repartições estaduais

Para a juíza, é “muito frágil” o argumento do estado de que, ao expor as fotografias, apenas está seguindo um costume cultivado pela administração pública. Zilmene Gomide Manzolli afirmou que “a vedação constitucional é taxativa e inflexível, não permitindo a referência a nomes, símbolos e (ou) imagens que caracterizam a promoção pessoal, mesmo em se tratando de uma tradição da administração, posto que evidente sua promoção pessoal com a exposição da imagem”. Revista Consultor Jurídico, 7 de novembro de 2015, 10h13

MarconiPerillogovernador

A decisão é resultado de pedido do Ministério Público do Estado de Goiás. Na solicitação, o órgão argumenta que a prática configura promoção pessoal e fere os princípios da legalidade, da moralidade, da impessoalidade e da publicidade, além de promover gastos desnecessários ao erário. A magistrada ressaltou ainda que a prática é um desrespeito ao princípio da economicidade, também previsto na Constituição. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-GO. Ação Civil Pública 201402435970

Entenda mais: BRASIL DE BANDIDOS, Governo abertoA GASOLINA DO BRASIL?O ESTADO LAICORENILDO PAULINO SILVA DOS SANTOSINCÊNDIO, APENAS 4° ANDAR É SALVO.FICHA LIMPA!!!ASSÉDIO MORALGlobal Citizen FestivalPOR QUE FALTA ÁGUA?AMADOR PROFISSIONALMANUAL DE REDAÇÃO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA10 MEDIDAS CONTRA A CORRUPÇÃOJUIZ, MAS NÃO DEUS!

Idiotas do limbo

silenciochateia
aeciomedico-mentirosoDesmontando uma farsa apelativa de jaleco. Médico brasileiro que espalhou nas redes sociais ter sido demitido “para dar lugar a um médico cubano” é desmascarado.
medicosbrazileiros

Veja também: Vergonha de ser brasileiro, Juan dos Mortos, Legalize Já, Ser ou não ser., Brasileiro Reclama De Quê?, Jesus era Peripatético., Feliz dia do índio!!!, Deixa eu Falar, Mídia Ninja, Vergonha alheia!!!, No Capão Redondo, ninguém sonha em ser médico, Que País É Esse?