Batalha de Tejucupapo

batalha de Tejucupapo, ou batalha do Monte das Trincheiras como também é conhecida, deu-se no distrito de Tejucupapo da atual cidade pernambucana de Goiana, no contexto da segunda das Invasões holandesas do Brasil, entre forças neerlandesas e luso-brasileiras, em 24 de Abril de 1646. Wikipédia, a enciclopédia livre.

Nesta luta destaca-se o papel das mulheres da povoação para a derrota dos invasores holandeses. Graças ao seu empenho, ao lado dos homens do lugar, e usando como armas água fervente, pimenta, pedaços de pau, derrotaram cerca de seiscentos soldados, nesta que é considerada a primeira batalha em território brasileiro.

No lugar dos acontecimentos foi erguido, a poucos metros do povoado, um obelisco que traz a seguinte inscrição: “Aqui, em 1646, as mulheres de Tejucupapo conquistaram o tratamento de heroínas por terem, com as armas, ao lado dos maridos, filhos e irmãos, repelido 600 holandeses que recuaram derrotados”.

Em busca de comida, holandeses tentavam saquear a então vila de São Lourenço de Tejucupapo e escolheram o momento em que haveria poucos homens no local. Não esperavam que as mulheres estivessem organizadas e prontas para a luta.

“Apesar da tendência à glamourização do período holandês, foi uma época marcada por fome e violência. Ataques como o de Tejucupapo, para buscar comida, eram comuns. Por isso, no sentido bélico, o conflito ali não foi tão relevante num sentido geral da luta contra os holandeses, mas com certeza podemos dizer que abalou a moral das tropas, derrotadas por mulheres, e que tem impacto simbólico até hoje”, opina George Cabral, professor de história na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Vitor Tavares – BBC News Brasil em São Paulo

Por causa desse feito, todo último domingo de abril, dezenas de mulheres de Tejucupapo viram atrizes: sobem o Monte das Trincheiras, vestem uma roupa de época e vão para o campo de batalha. A encenação da batalha é a conclusão de uma semana de festividades de Tejucupapo. Para quem participa do teatro, a preparação vem de antes.

A primeira encenação de As Heroínas de Tejucupapo foi em outubro de 1993 e em 2020, o teatro completou a 25ª Edição (em dois anos, ele não aconteceu devido a problemas com políticos locais). A história contada foi mudando à medida que Luzia Maria lia livros de história, ouvia professores e a própria comunidade.

Todos os anos, o teatro da pequena comunidade vive de incertezas, muitas vezes sem financiamento de governo e empresas. Para 2020, o Grupo Cultural Heroínas de Tejucupapo tenta se firmar como Patrimônio Vivo de Pernambuco, um título dado pelo governo estadual que garante, além do reconhecimento público, um pagamento de R$ 3,2 mil mensais.

O painel se inspira na Batalha de Tejucupapo (1646), que ficou famosa pela participação vitoriosa das mulheres daquele vilarejo na luta contra os holandeses. Estude Grátis

Ze-se: Pensar as Resistências, Aprender com os Povos Indígenas, Índio? No Brazil? Nunca existiu?!?, Índio Educa, Mapa de Áreas de risco: informação para prevenção, Elisa de Oliveira Flemer e o Homeschooling, Água mata?

Cursos online e conteúdos gratuitos

Nesse período de isolamento compulsório, empresas de streaming, livros digitais e instituições de ensino liberam acesso gratuito ao seu conteúdo durante a quarentena da COVID-19. Joy Macedo

Livros e notícias

  • AmazonLivros de graça para o Kindle. Títulos sobre sociologia, educação, psicologia, política, entre outros.
  • Jornais brasileiros: Ao menos 12 publicações brasileiras liberam conteúdo liberaram nos seus sites o acesso de não assinantes à reportagens sobre o novo Coronavírus. Folha (SP), O Estado de S.Paulo, Correio (BA), O Povo (CE), GaúchaZH (RS), O Correio do Povo (RS), Jornal do Comércio (RS), Gazeta do Povo (PR), NSC Total (SC), A Gazeta (ES) e O Popular (GO) fazem parte dos que derrubaram o paywall.

Filmes e séries

  • GloboPlay: Liberado por 30 dias para não assinantes.
  • Oi: Sinal aberto de diversos canais até o dia 28 de março para assinantes de todo o país. Incluindo canais como Nick, Nick Jr, E!, AXN, A&E, Lifetime, Cinemax, Sony, Telecine, Paramount.
  • Vivo: Canais liberados no Vivo Play, além de bônus de internet móvel por dois meses para clientes ativos de planos pós-pagos e controle, bem como na ativação e renovação da promoção Vivo Turbo no pré-pago.
  • Claro: Canais liberados de TV por assinatura e Wi-Fi público. Para ter acesso, basta assistir aos vídeos informativos do Ministério da Saúde sobre o Coronavírus.
  • Sky: Assinantes terão mais de 70 canais disponíveis por tempo indeterminado.
  • Spcine Play: Plataforma pública de streaming do Brasil. A curadoria exibe filmes das principais mostras e festivais de cinema de São Paulo, incluindo shows, espetáculos, palestras e performances. Conteúdo gratuito por 30 dias.

Para as crianças

  • Kinedu: App oferece mais de 1.800 atividades de desenvolvimento divertidas para crianças de 0 a 4 anos. O app está disponível para Android e iOS e o conteúdo está liberado até 15 de abril.

Cursos online gratuitos

  • Impacta TecnologiaO centro de ensino disponibilizou diversos cursos gratuitos, a lista vai desde os avançados como Big Data aos clássicos do dia a dia, em finanças, design, marketing e outros.  A experiência de aprendizado é similar a uma plataforma de streaming: a pessoa escolha o curso, a lista de favoritos, a certificação e outros detalhes em tempo real.
  • Harvard: 100 cursos online gratuitos em áreas como Arte e Design, Negócios e Gestão, Ciência da Computação, Governo, Leis e Política, entre outros.
  • Oxford University: Conteúdo gratuito de seus principais periódicos e recursos online para auxiliar pesquisadores, profissionais da medicina, gestores políticos e demais profissionais que trabalham na abordagem dessa emergência de saúde pública.
  • MIT:  Dentre os cursos gratuitos oferecidos pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT) estão temas como Circuitos e eletrônica, Equações diferenciais, Arquitetura, Introdução a engenharia aerospacial, Introdução a aerodinâmica, Introdução a Ciência da Computação e Programação Usando Phyton, entre outros.
  • Notorium Play: Plataforma oferece cursos de direito gratuitos por 30 dias. Conteúdo inclui congressos online, aulas, documentários, mini cursos, entre outros.
  • Stoodi: Acesso gratuito às videoaulas e banco de exercícios durante 30 dias.
  • SENAI: O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial liberou 12 cursos online gratuitos com certificado. Áreas de TI, Finanças, Empreendedorismo e outros.
  • Udemy: Plataforma liberou 40 cursos online gratuitos da área de programação e tecnologia.
  • FGV: Fundação Getúlio Vargas liberou 55 cursos online gratuitos e com certificado. Dentre as áreas estão: Direito, Administração, Marketing, RH e outros.
  • Olhar de Cinema+: Para profissionais de audiovisual. Vídeos de Insights, Cineclube e Transmissão ao vivo gratuitas. tecmundo

A melhor saída é se adaptar à nova realidade e aproveitar as oportunidades que surgirem, é uma ótima maneira de usar o seu tempo e adquirir mais conhecimento. Juliana Morales – Guia do Estudante

Harvard

A famosa Universidade Harvard, nos Estados Unidos, liberou mais de 100 cursos gratuitos (totalmente em inglês) em sua plataforma online para diversas áreas. Entre elas, estão: Artes e Design, Ciências Sociais, História e Ciência Ambiental. Os cursos podem ser acessados diretamente no site da universidade.

Udemy

A rede abriu mais de 400 cursos gratuitos para quem deseja aprender técnicas básicas de informática. De Excel a aulas mais complexas, como programação para crianças com ferramenta do MIT. Confira os cursos no site da Udemy.

Senai

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) está com 12 cursos online gratuitos com certificação. Os temas são: Consumo Consciente de Energia, Desenho Arquitetônico, Educação Ambiental, Empreendedorismo, Finanças Pessoais, Fundamentos de Logística, Logística de Programação, Propriedade Intelectual, Segurança do Trabalho, Metrologia, Noções Básicas de Mecânica Automotiva e Tecnologia da Informação e Comunicação. Todos os cursos dão certificado aos alunos. Mais informações no site.

USP

Na plataforma Coursera, é possível achar 17 cursos online disponibilizados pela Universidade de São Paulo (USP). Marketing, ciência da computação, design, biologia são algumas das áreas de estudo. Para acessar os links, basta ir ao site do Coursera e pesquisar por “Universidade de São Paulo”.

LinkedIn

O LinkedIn liberou gratuitamente o conteúdo chamado “Trabalho Remoto: Colaboração, foco e produtividade”. São mais de 10 tópicos de estudo com professores, escritores e especialistas de diversas áreas, somando mais de 10 horas de curso. Para acessar o conteúdo, basta ir ao site do LinkedIn e escolher o tópico que você quer estudar.

IFRS

O Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) também disponibilizou diversos cursos online de diferentes áreas – a lista completa de opções está no site. Para escolher o curso e se inscrever, acesse o portal de cursos do IFRS.

Cursos de inglês

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) oferece o curso de Escrita em Língua Inglesa através do Ensino a Distância, que pode ajudar na carreira do aluno. Conheça o curso clicando aqui.

A SEDA College, escola de idiomas localizada em Dublin, na Irlanda, também irá disponibilizar, gratuitamente, todo o conteúdo de sua plataforma de cursos, a SEDA College Online. São mais mais de 50 cursos em vídeo-aulas, ministrados por uma equipe de oito professores, e que atendem do nível básico ao avançado. Para acompanhar as aulas ao vivo, é preciso fazer uma inscrição até o dia 29 de março, pelo site.

Universalize-se: Universidades do mundoSilêncio, aulas?Memória aprimoradaLivro de JóGrafeno x tudoEu tenho DownEnem em Portugal?!?O ( Pi ) π e o ( Phi ) ΦUm mar de informações!!!Mapa mentalHumans

FGV libera 55 cursos online gratuitos

O ensino a distância é a única forma segura de continuar estudando e ampliando o conhecimento. A Fundação Getulio Vargas (FGV) liberou 55 cursos gratuitos em sua plataforma de ensino on-line. Ao final, o aluno aprovado consegue emitir um certificado da instituição. Strong

entidade integra o Open Education Consortium (OEC), consórcio de instituições de ensino que oferecem conteúdos e materiais didáticos sem custo. As atividades contemplam dez áreas de atuação, como Direito, Administração Pública, Economia e Finanças, Educação e Humanidades, Estratégia e Negócios, Gestão de Setores Específicos, Liderança e Pessoas, Marketing e Vendas, Relações Internacionais e Tecnologia e Ciência de Dados. Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU)

Para acessar os cursos é só clicar:

  1. Análise introdutória de crédito e risco de crédito
  2. Apresentação do sistema tributário nacional
  3. Aspectos mercadológicos na gestão de Preços: conceitos fundamentais
  4. Bases conceituais dos modelos de gestão
  5. BSC: introdução à criação e execução da estratégia
  6. Cálculo financeiro básico para administração financeira
  7. Como fazer investimentos 1
  8. Como fazer investimentos 2
  9. Como Gastar Conscientemente
  10. Como organizar o orçamento familiar
  11. Como planejar a aposentadoria
  12. Conceitos básicos de matemática financeira
  13. Contexto e Importância dos Recursos Humanos
  14. Contratos: negociações preliminares
  15. Definições e objetivos da gestão de projetos
  16. Direito de Família
  17. Direito e Esporte
  18. Ética Empresarial
  19. Ética Empresarial (espanhol)
  20. Formação Docente para Professores de Direito
  21. Fundamentos da Gestão de Custos
  22. Fundamentos da Gestão de TI
  23. Fundamentos das Relações Internacionais
  24. Fundamentos de Administração Financeira
  25. Fundamentos de Finanças
  26. Fundamentos de Marketing
  27. Gestão de vendas: noções básica de criação de estratégia
  28. Gestão e liderança: conceitos básicos da função gerencial
  29. Imagem e Direitos na Web
  30. Impacto da TI nos negócios
  31. Introdução à Administração Estratégica
  32. Introdução à comunicação institucional
  33. Introdução à comunicação na era digital
  34. Introdução à controladoria
  35. Introdução a finanças: sistema financeiro e geração de valor
  36. Introdução à gestão de recursos humanos
  37. Introdução à Gestão de Serviços com Foco no Envelhecimento
  38. Introdução à Gestão Financeira Internacional 
  39. Introdução à negociação
  40. Introdução a Precificação e Comportamento da Demanda 
  41. Introdução ao Direito Imobiliário
  42. Introdução ao estudo de mercado e produtos
  43. Introdução ao tema da liderança
  44. Introdução aos sistemas de informação em marketing
  45. Introdução às relações de consumo e aos direitos básicos
  46. Introducción a la Administración Estratégica (espanhol)
  47. Liderança e Gestão Participativa na Escola
  48. Marketing de serviços: economia, características e classificação
  49. Motivação nas Organizações
  50. Motivación en las Organizaciones (espanhol)
  51. Normas anticorrupção, antissuborno e compliance público
  52. Participação e concentração de mercado: aspectos introdutórios
  53. Planejamento do gerenciamento e identificação de riscos em projetos
  54. Planejamento e Estratégia para Gestão Escolar
  55. Produto e mercado: Conceitos e Pilares do Marketing

FGVze-se: Onde estudar maconha medicinal?!?Cursos na USPOs Empregos AcabaramNossos alunos!?!Como enriquecer e educar licitamente falando!?!Conhecimento o oculto!?!

Dia dos professores, afinal você é um!?!

O Dia do Professor, comemorado neste 15 de outubro, é uma data que precisa e deve ser lembrada, sempre, para homenagear os diversos mestres que passaram em nossas vidas e foram importantes na nossa formação, responsáveis pelo desenvolvimento intelectual e transmissão de conhecimento da educação infantil, passando pelo ensino superior até o nível acadêmico. JC Online

João Paulo 2º foi escolhido papa, e João Baptista Figueiredo, o último presidente da ditadura militar. Na cultura, a canção “Cálice” fazia sucesso na voz de Chico Buarque e Milton Nascimento, e o mundo assistia ao jovem ator John Travolta no musical “Grease”. Nesse mesmo ano de 1978, no interior de São Paulo, Angela Machado de Vasconcelos começava sua carreira em um colégio da rede estadual paulista.

Desde então o mundo e o Brasil mudaram, e a sala de aula definitivamente não é a mesma. Angela segue na profissão em uma matéria que exige disposição: educação física. Aos 71 anos, 41 de carreira, é a professora mais antiga em atividade na rede estadual paulista. Angela Pinho – Folha de S. Paulo

DADOS DA REDE ESTADUAL PAULISTA

190 mil é o número de professores da rede estadual de SP

72% são mulheres

45 anos é a idade média delas; 46 a dos professores do sexo masculino

23 anos é a idade do professor mais jovem

954 professores da rede estadual atuam em unidades da Fundação Casa

1.102 lecionam em unidades educacionais em presídios

“Jorge, eu sou uma decepção em matemática, então não se assusta com o meu zero”, escreveu a aluna.

Jorge, eu não sou uma decepção em matemática! Então me ajuda a entender melhor?Frase da aluna corrigida pelo professor
“Cometer erros é parte do processo pedagógico e dizer isso com clareza é trabalho do educador.” Professora Cláudia Costin, diretora do Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais da FGV (Fundação Getulio Vargas).


“Se a gente quer formar pessoas em um mundo de máquinas, a gente tem de se diferenciar das máquinas. E empatia é a base para a cidadania nesses tempos de ódio em todo o mundo”, compartilha Cláudia Costin. Wanderley Preite Sobrinho. Do UOL, em São Paulo

Poetize-se: CIDADES DEMOCRÁTICAS, POLICIAL DA FLÓRIDA MOSTRA COMO SE TRATA RECLAMAÇÃO DE QUE GAROTOS ESTÃO JOGANDO BASQUETE NA RUA, A RAINHA DE MAIO, Dia do Professor, VIDA SIMPLES, VIA LÁCTEA PELO NAVEGADOR, MEDICINA TRADICIONAL YANOMAMI ON-LINE, Em progresso, Presente, SIM Professor!!!, A HISTÓRIA DO JARDINEIRO DE OXALÁ, VIDA INTELIGENTE., LEI BRASILEIRA DE INCLUSÃO DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Comente com sabedoria. E seja feliz!!!

EduFin

edufin

O Portal EduFin surgiu de uma constatação: a dificuldade de se encontrar, na internet, informações sobre educação financeira em um só lugar. O objetivo é reorganizar, centralizar e disseminar essas informações já existentes, facilitando a busca por conteúdo em um único lugar, o que torna o Portal EduFin em uma poderosa ferramenta de pesquisa.

2conefin

escamboedufin

Veja também: Hoje., Impostômetro, Qual o volume ocupado por 1 trilhão de reais?, Consciência escolar, Ignorância e sucesso?, Os sentidos da política – problemas e perspectivas, Michael Moore, Casas de Mediação, Portal da Transparência, Procon divulga listas de empresas, PÁTRIA MADRASTA VIL, Saramago, A onda, Orçamento doméstico, Brasileiro Reclama De Quê?

Controle Social

A participação contínua da sociedade na gestão pública é um direito assegurado pela Constituição Federal, permitindo que os cidadãos não só participem da formulação das políticas públicas, mas, também, fiscalizem de forma permanente a aplicação dos recursos públicos. Controladoria-Geral da União (CGU)

O controle social é a participação do cidadão na gestão pública, na fiscalização, no monitoramento e no controle das ações da administração pública no acompanhamento das políticas, um importante mecanismo de fortalecimento da cidadania. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS)

participacaoecontrolesocialdaadmpublica

A CGU desenvolveu o curso virtual “Controle Social e Cidadania”, que apresenta ao participante noções fundamentais sobre como acompanhar e participar da gestão pública. Escola Virtual da CGU

censura-controle-social

A expressão ‘controle social’ tem origem na sociologia. De forma geral é empregada para designar os mecanismos que estabelecem a ordem social disciplinando a sociedade e submetendo os indivíduos a determinados padrões sociais e princípios morais. MARIA VALÉRIA COSTA CORREIA

futurofilho

Veja também: Portal da Transparência, Vegano na marra, Assédio moral (bullying, manipulação perversa, terrorismo psicológico)., Brasileiro Reclama De Quê?, Voto Nulo, Semana do Consumidor, E agora???, Reclame Aqui, Eu, não, meu senhor, Consulta CPF, Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas, Carta à Sra. “Presidenta” da República

Coreia do Norte, a paranoia

Coreia-do-Norteanormal
Pizza, cachorros-quentes e hambúrgueres — itens básicos da alimentação de um adolescente coreano — lhes dão indigestão. O mesmo efeito é provocado pelo excesso de arroz — o alimento básico de outrora, que na era pós-fome se tornou comida de rico na Coreia do Norte.

“Os intelectuais têm condições de denunciar as mentiras dos governos e de analisar suas ações, suas causas e suas intenções escondidas. É responsabilidade dos intelectuais dizer a verdade e denunciar as mentiras.” ― Noam Chomsky

Veja também: DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS, Parabéns Néstle, Vergonha alheia!!!, Fome, PÁTRIA MADRASTA VIL, Alimentação japonesa, Conhecimento Ancestral, Mão Santa, Estrada a fora, Michael Moore, Feliz Natal (A Guerra Acabou), Piada sem sabor!, Território, Infinito paralelo, Medo?, Arena