DIETA DA FRUTA

Dieta da fruta ou the fruit flush diet é uma novidade deliciosa para emagrecer bastante e em tempo curtíssimo!

O excêntrico e sempre dedicado em oferecer alternativas em dietas para seus admiradores e leitores Jay Robb é também o responsável por criar a Dieta das Frutas.

Nessa dieta, que dura a princípio entre 3 e 10 dias, a ideia central gira em torno da filosofia Detox.

Basicamente, a dieta só com frutas concentra o uso de 11 frutas, as quais são:

Mamão

O mamão ocupa a mesa dos brasileiros pela agradabilidade no sabor, preço acessível e naturalmente pela quantidade de nutrientes que oferece.

Desde vitamina C (mais que a laranja), a fruta ainda contém:

  • Ferro;
  • Potássio;
  • Riboflavina e outros minerais.

Com o uso do mamão na Dieta da Fruta, será possível manter o intestino funcionando.

E assim promover a limpeza da pele, além de auxiliar na manutenção da imunidade durante o tempo de restrição a outros alimentos.

Pera

Eficiente para facilitar a limpeza do organismo consumindo pera você ainda oferta ao organismo boas quantidades de:

  • Potássio;
  • Fósforo;
  • Magnésio.

Todos minerais relevantes para facilitar a contração dos músculos.

Além disso, essa fruta saborosa e presente na Dieta da Fruta ajuda para nutrir o organismo com Vitamina A, do Complexo B e também Vitamina C.

Abacaxi

Para aumentar a eliminação de líquidos, assim como maximizar o metabolismo, a Dieta da Fruta recorre ao abacaxi.

Creatina Growth

Nessa fruta encontramos carboidratos, Betacaroteno, minerais do tipo Manganês, Cálcio, Ferro, Potássio, além de Vitamina C e Vitamina B.

Melancia

Além de Piridoxina (Vitamina B6) que a fruta oferece, dois importantes elementos estão presentes na melancia:

  1. Licopeno: Antioxidante natural e fundamental para proteger células;
  2. Citrulina: Que é um aminoácido possível de conversão para a Arginina, fitoquímico relevante para músculos fortes.

Morango

Rico em Vitamina C e fibras, morangos devem estar inclusos na Dieta da Fruta, pois são considerados alimentos funcionais, com propriedades nutricionais acima da média.

Consumindo-o irá proporcionar ganhos na imunidade e renovação celular, além de elemento raro em outras frutas que é a Vitamina K.

Laranja

A laranja é uma fruta coringa na Dieta da Fruta, pois além de fonte de Vitamina C, tem Potássio e antioxidantes importantes para a pele, unhas e cabelo.

Sem falar de suas propriedades que instigam a produção de suco gástrico (importante para a digestão).

Pêssego

Talvez não saiba, mas o pêssego é um potente diurético e anti constipador.

Oferece boas quantidades de Vitamina C, Betacaroteno e Antioxidantes que influencia para minimizar chances de câncer.

Melão

A presença de Flavonóides Vitamina A, são os maiores influentes para que o melão esteja na Dieta da Fruta.

Além do mais é um alimento saboroso com poucas calorias e grande poder de hidratação.

Banana

Talvez uma das frutas com mais poder para saciar, é muito competente no quesito oferta de Potássio, outros minerais fibra.

Não é a toa que ocupa a lista de frutas recomendadas para atletas e pode estar na Dieta da Fruta porque ainda tem o poder de aumentar a produção de serotonina.

Maçã

A maçã é uma fruta com índice glicêmico baixo e por isso pode ser consumida por quase todas as pessoas.

É uma fonte importante de fibras solúveis, Vitaminas, Antioxidantes e Minerais.

Abacate

Mesmo que calórico, o abacate tem ômega 3 e isso será um diferencial para manter a qualidade da Dieta da Fruta.

Terá ainda a função de ajudar a manter a energia durante o período de restrição alimentar, influenciando ainda para manter níveis de Potássio e fibra.

Após conhecer um pouco sobre propriedades das frutas que estão na lista de frutas permitidas na Dieta da Fruta, é o momento de saber como estão distribuídas no cardápio (mais abaixo no texto).

Sendo assim, essa sugestão pode servir de guia para iniciar a dieta só com frutas é:

# Primeiro Dia

Café da manhã: 1 banana

Lanche manhã: 1 Pêra

Almoço: Porção que inclui um filé de 60g de frango + 2 fatias de Abacaxi

Lanche tarde: 1 banana

Jantar: 1 filé de 60g de peixe

Ceia: 2 pedaços de Abacaxi

# Segundo Dia

Café da manhã: 1 pedaço de melancia

Lanche manhã: 1 maçã

Almoço: Porção que inclui um filé de 50g de frango + 2 porções de abacate

Lanche tarde: 2 pedaços de melancia

Jantar: 1 perâ

Ceia: 2 pedaços de abacate

# Terceiro Dia

Café da manhã: 2 pedaços de melão

Lanche manhã: 1 laranja

Almoço: Porção que inclui um filé de 50g de frango + 2 pedaços de laranja

Lanche tarde: 2 pedaços de melão

Jantar: 2 unidades de laranja

Ceia: 2 pedaços de melão

Leite de Mamaconha

According to the findings of several major scientific studies, human breast milk naturally contains of the same cannabinoids found in the cannabis plant, which are vital for proper human development. CBDLife

Dr. Melanie Dreher studied women using cannabis during their entire pregnancy and then studied the babies one year after birth. She found that babies of the women who had smoked cannabis daily during their pregnancy socialised more quickly, made eye contact more quickly and were easier to engage.

Furthermore, a study on the endocannabinoid receptor system that was published in the European Journal of Pharmacology reported: “The medical implications of these novel developments are far reaching and suggest a promising future for cannabinoids in paediatric medicine for conditions including ‘non-organic failure-to-thrive’ and cystic fibrosis.”

There are two types of cannabinoid receptors in the body; the CB1 variety which exists in the brain, and the CB2 variety which exists in the immune system and throughout the rest of the body. Each one of these receptors responds to cannabinoids, whether it be from human breast milk in children, or from cannabis.

This essentially means that the human body requires and produces endocannabinoids, as these nutritive substances play a critical role in supporting and maintaining human health.

Also, learn more about the legality status of cannabis oil in the UK.

References:

https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0014299904007423?via%3Dihub
https://pubs.acs.org/doi/abs/10.1021/acsomega.6b00253

O THC é solúvel em gordura e pode ser armazenado no tecido adiposo e qualquer droga que é solúvel em gordura fica também depositada no leite materno. Algumas pesquisas sugerem que o uso da maconha durante o primeiro mês de amamentação pode causar impedimentos no seu desenvolvimento motriz (controle dos movimentos dos músculos). Outras porém, afirmam que não há comprovação científica e que na prática a história é outra. Crianças submetidas ao THC na primeira infância, através do leite materno, tem desenvolvimento igual ou melhor do que os não submetidos. Nessa Bruxinha .:. – HEMPADAO

Dr. Melanie Dreher, enfermeira de Chicago faz pesquisas envolvendo a Marijuana, esses estudos foram feitos em 1992. Vamos a elas:

• Não existem diferenças significativas no peso de nascimento dos bebês expostos VS os que não foram;

• Crianças cujas mães usaram maconha, apresentaram melhor estabilidade fisiológica no 1º mês;

• Recém-nascidos fortemente expostos ao THC foram mais sociáveis e mais estáveis autonomicamente durante 30 dias;

• Crianças expostas ao THC ainda no útero, foram mais alertas;

• O sistema motor e o sistema nervoso autônomo de crianças expostas, foram mais robustos;

• As crianças expostas foram mais tranquilas e menos propensas a demonstrar desequilíbrio emocional;

• Depois de cinco anos de acompanhamento, conclui-se que não existem relações negativas, pelo contrário, as crianças apresentaram resultados mais favoráveis para a flexibilidade e estabilidade autônoma.

Fonte: Lombra

Uma das grandes preocupações dos pais é a de que seus filhos utilizem drogas, substâncias que alterem o estado mental. E se eu disser que o primeiro contato com substâncias psicoativas ocorre logo no primeiro dia de vida? O leite humano está repleto dessas substâncias, incluindo uma série de endocanabinoides, esses componentes são imprescindíveis para o desenvolvimento humano e atuam de forma similar aos efeitos da maconha. Grow
Os endocanabinoides mais conhecidos e abundantes no corpo humano são a anandamida e o 2-AG — similares ao THC da cannabis — que se ligam aos receptores CB1 e CB2. Esses receptores estão presentes em células de diversos órgãos (veja a imagem), especialmente no cérebro.

A ativação de receptores canabinoides no cérebro está ligada à ação neuroprotetora, prevenindo morte de células cerebrais. O sistema também interage com outros sistemas cerebrais, como o dopaminérgico, regulando a liberação de dopamina e a quantidade de receptores.

O rimonabant, um bloqueador de receptores de canabinoides, foi cogitado como um medicamento contra a obesidade, já que o sistema endocanabinoide está diretamente ligado ao apetite. O rimonabant, porém, foi rejeitado: ao impedir os endocanabinoides de se ligarem a seus receptores, o medicamento induz depressão, ansiedade e pensamentos suicidas. Similarmente, ratos geneticamente criados com deficiência em receptores canabinoides são mais agressivos, ansiosos e tendem a sofrer anedonia (inabilidade de sentir prazer).

Porque o sistema endocanabinoide é capaz de aumentar, mas também inibir o apetite, pesquisadores acreditam que esse seja o motivo porque bebês que amamentam nunca se alimentam demais, enquanto bebês alimentados com fórmula comumente se encontram acima do peso.

O sistema endocanabinoide, contudo, se adapta rapidamente, aumentando a quantidade de receptores na ausência de canabinoides, aumentando assim as chances de serem estimulados por qualquer substância que se ligue a eles. Da mesma forma, quando há abundância de canabinoides, há uma diminuição no número de receptores, criando assim uma resistência aos efeitos psicoativos – os benefícios à saúde, contudo, não diminuem.

Quando adultos, o ideal é que nosso organismo possua um sistema endocanabinoide equilibrado e produza canabinoides e receptores suficientes. Acredita-se que em casos de depressão, ansiedade e outros quadros psiquiátricos, possa haver uma falha nesse sistema e, por isso, pessoas com essas enfermidades têm uma tendência ao uso de substâncias que o estimulem, como a maconha.

A camellia sinesis, planta de onde é produzido o chá preto, branco e verde, também contém uma substância que se liga a receptores CB1: o antioxidante catequina. O guaraná também é uma fonte com grandes quantidades de catequina.

O cacau e, consequentemente, o chocolate, também possuem catequina e canabinoides, estimulando o sistema endocanabinoide. Não surpreende que o chocolate é um dos alimentos favoritos quando estamos tristes ou deprimidos.

Estudos também constataram que há uma perturbação no sistema endocanabinoide quando somos expostos ao stress. Já que o leite materno não está disponível depois de adultos (por favor, não vá atrás de leite humano! Tome um chá.), não é natural esperarmos que as pessoas recorram a substâncias que estimulem seus sistemas endocanabinoide? Usuários da maconha não estaria, então, na maioria esmagadora das vezes, fazendo uso medicinal?

Referências:

Poetize-se: Comida esperta, Cursos de saúde da UFPB: Uso medicinal da maconha, Vegeta, Comida de gente, Alzheimer, Comida de tubarão, A maconha como porta de entrada, Nunca comer., MORADOR DE RUA CUIDA DE 11 CÃES, A história das coisas,

ZEN BODI

Para uma pessoa emagrecer o primeiro passo é ter consciência que quer mudar a sua vida! Sem esse primeiro passo, não adianta! Segundo passo é melhorar a sua alimentação fazendo escolhas certas, começar a fazer alguma atividade física, controlar as suas emoções a fim de não comer impulsivamente, tomar suplementos alimentares específicos para ajudar no metabolismo da gordura e reconstrução muscular. Team OURO Global

O sistema ZEN Project 8 ™ visa os três aspectos essenciais para entrar em forma: reduzir o apetite, queimar gordura e construir músculo.
ZEN Project 8 simplifica a gestão e o controlo do peso e ensina-lhe a adquirir novos hábitos para levar um estilo de vida saudável. Ao longo de 8 semanas, irá ser orientado através de 3 fases fáceis de seguir com produtos de excelência ZEN, treino especializado e apoio contínuo por parte de uma comunidade ativa de participantes que partilham dos mesmos interesses e objetivos.

Bodi Zen

The ZEN Project 8™ system targets the three essential aspects of getting fit: curbing appetite, burning fat and building muscle.* Jesusnesse World

Mude conceitos, você pode e deve: ALZHEIMERINSTANTLY AGELESS ™NAARA BEAUTY DRINK!!!DIA DO VOLUNTARIADOSUA CARACASAS DE MEDIAÇÃOVIRTUDESAÚDE NOSSA DE CADA DIA!ADORO ESSA PARTE DA ANATOMIA FEMIMINA.PROJETO VIBRAR PARKINSONA MEDITAÇÃO E SEU CERÉBRO

Editado via celular

E não esqueça de comentar e visitar sua loja:

Jesusnesse World

SEMENTE DE CHIA (Salvia hispanica)

A Semente de Chia é um alimento de origem Maia, antioxidante, rico em Omega 3, cálcio, potássio, ferro e fibras. O significado de Chia é “Força”.

Características:
– Cerca de 19 a 23% do seu peso é proteína completa, contém todos os aminoácidos essenciais em equilibrio perfeito;
– 60% do seu óleo é Ómega 3 e 40% Ómega 6. Sendo o alimento com mais ômega 3 encontrado na natureza.
– Contém mais cálcio do que o leite; mais ferro do que os espinafres; mais magnésio do que os brócolis; mais potássio que a banana; mais antioxidantes que a uvas-do-monte (mirtilo).
– Perda de peso e manutenção, pois eliminam a fome e o desejo de ingerir mais alimentos, além de limpar o corpo das toxinas no intestino.
– Problemas da tiróide;
– Hipoglicémia e diabetes, equilibram o açúcar no sangue, garantindo energia ao longo do dia e diminuindo o risco de diabetes tipo 2.
– Síndrome do cólon irritável, ajuda a regular o trânsito intestinal, previne a inflamação de divertículos (diverticulite), pois a sua fibra solúvel hidrata o cólon e facilita o movimento peristáltico.
– Doença celíaca (intolerância permanente ao glúten);
– Refluxo gastro esofágico;
– Hipercolesterolemia (nível alto de colesterol no sangue), ajuda a diminuir os níveis de colesterol e triglicerídios;
– Indispensável para os vegetarianos por conter muita proteína;
– São também muito benéficas para desportistas, pois por serem hidrofílicas, e absorverem até 10 vezes o seu peso em água, mantêm o corpo hidratado.

O poderoso grão possui…
• 2 vezes mais potássio do que a banana
• 3 vezes mais ferro do que o espinafre
• 6 vezes mais cálcio do que o leite integral
• 8 vezes mais ômega 3 do que o salmão
• 12 vezes o próprio peso: é o que ela absorve de água
• 15 vezes mais magnésio do que o brócolis

Veja também: Sucos caseiros cheios de saúde., Sugestão de desintoxicação ayurvédica após os excessos.