Irônico

Irônico – Clarice FalcãoLetras.mus

Queria te dizer que esse amor todo por você
Ele é irônico, é só irônico
A cada eu te amo que eu te mando, eu tô pensando: Isso é irônico
E é irônico

Só de pensar que cê pensou que era sério, falando sério, eu quero rir
Que você acha que quando eu me descabelo, ao som de um cello, eu tô aí
Eu gosto de você como quem gosta de um vídeo do YouTube de alguém cantando mal
Eu gosto de você como quem gosta de uma celebridade B
Eu já achei quem eu amasse de verdade e eu pensei que era muito bom amar
Mas vai que alguém espalha isso na cidade, com que cara eu vou ficar?

Eu gosto de você como quem gosta de um perfil no Facebook que usa foto de casal
Eu gosto de você como quem gosta de quem já saiu do BBB

E, vamos confessar, todos nós já estivemos perto de situações como as que Clarice descreve em suas canções. Já fomos aquela figura que fica “só mais um pouquinho” no bar esperando alguém que nunca virá. Mesmo que muitas vezes tenhamos arrumado um jeito de disfarçar esse ridículo até de nós mesmos. Vivendo as mesmas histórias outra vez, mas viradas do avesso através de um espelho, por exemplo. Problema Meu – Clarice FalcãoProblema Meu – Clarice Falcão, in: MARCUS PRETO – DISCOLE MÚSICA

Observe mais: AMADOR PROFISSIONALLUMINESCE™DE TODOS OS LOUCOS DO MUNDOMY FAVOURITE GAMERESERVE™INEZITA BARROSO, NAARA BEAUTY DRINK!!!FAHRENHEIT 451LIVROS QUE ENSINAM AS CRIANCAS CUIDAR DO PLANETA, INSTANTLY AGELESS ™PARE PRA PENSARNELSON NED D’ÁVILA PINTOVIDACELL®PÁTRIA MADRASTA VILHO’OPONOPONOEMVROBÔ EM BUSCA DE LIBERDADERIO 40 GRAUS

Como você imagina Deus?

“Achismos” à parte, já dizia Woody Allen: “Se Deus existe, é bom que ele tenha uma boa desculpa.” DEUS – Porta dos Fundos

Milagres são acontecimentos extraordinários que não possuem explicação sob a luz da ciência. CURA – Porta dos Fundos

Não precisa ser uma Mãe Dináh, um Nostradamus ou um maia para saber do fim do mundo, mas, se acontecer, que pelo menos não tenha dia seguinte. DEPOIS DO FIM DO MUNDO – Porta dos Fundos

Observe mais: CAMARÁ BLUES – UM ENSAIO AUDIOVISUAL DANIEL CHOMALUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUMSANDUÍCHES SEM PÃORECEITA CONTRA A DEPRESSÃONAARA BEAUTY DRINK!!!A RAINHA DE MAIOEMVBE MY EYES APPPESSOAS CRIATIVAS SÃO MAIS PROPENSAS À DEPRESSÃO E DEPENDÊNCIA QUÍMICAINSTANTLY AGELESS ™MEDICINA TRADICIONAL YANOMAMI ON-LINETHE JOLLY BOYSVIDACELL®PROJETO DIVASRELATOS SALVAJESRESERVE™A HISTÓRIA DO JARDINEIRO DE OXALÁLEONARD COENLEI BRASILEIRA DE INCLUSÃO DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

De Todos Os Loucos do Mundo

Clarice Falcão – De Todos Os Loucos do Mundo

De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque eu tava cansada de ser louca assim sozinha
De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque a sua loucura parece um pouco com a minha

Você esconde a mão, diz que é Napoleão
Boa parte de mim acredita que sim
Se eu converso com ar, no meio do jantar
Você espera a vez dele de falar
Você fala chinês pela primeira vez
Eu dou opinião num perfeito alemão
Se eu emito um som que você acha bom
A gente faz um dueto fora do tom

De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque eu tava cansada de ser louca assim sozinha
De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque a sua loucura parece um pouco com a minha

Você fala chinês pela primeira vez
Eu dou opinião num perfeito alemão
Se eu emito um som que você acha bom
A gente faz um dueto fora do tom

De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque eu tava cansada de ser louca assim sozinha
De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque a sua loucura parece um pouco com a minha

Poetize-se: FUMAÇA LOUCA, ALLUCINAZIONI E DELIRIO, CLARICE LISPECTOR DO SAMBA, CLARA NUNES., FLASH NA BIBLIOTECA, Ecofalante, Dinâmicos, EVOLUSEX

Capitão Gancho

Capitão Gancho – Clarice Falcão

Se não fossem as minhas malas cheias de memórias
Ou aquela história que faz mais de um ano
Não fossem os danos
Não seria eu.

Se não fossem as minhas tias com todos os mimos
Ou se eu menino fosse mais amado
Se não desse errado
Não seria eu.

Se o fato é que eu sou muito do seu desagrado
Não quero ser chato
Mas vou ser honesto
Eu não sei o que você tem contra mim.

Você pode tentar por horas me deixar culpado
Mas vai dar errado
Já que foi o resto da vida inteira que me fez assim

Se não fossem os ais
E não fosse a dor
E essa mania de lembrar de tudo feito um gravador.

Se não fosse Deus
Bancando o escritor
Se não fosse o mickey e as terças feiras e os ursos pandas
E o andar de cima da primeira casa em que eu morei
E dava pra chegar no morro só pela varanda se não fosse a fome
E essas crianças e esse cachorro e o Sancho Pança
Se não fosse o Koni e o Capitão Gancho
Não seria eu.

Veja também: FALANDO SOBRE PATO FU, Paródia de “Monomania” (Clarice Falcão) – Giulia Gamba, Dura, Aelita Andre, The-The, O tempo no espaço, AS AVENTURAS DE ALICE SOB A TERRA, INCREDIBOX, VAMBORA, UMA CAMISETA DO RAMONES INCOMODA MUITA GENTE