Vegetais fast to mesa

Alguns vegetais necessitam o calor do verão e outros necessitam de um tempo longo para poder chegar a um ponto ótimo para poder desfrutá-los. Mas existem um punhado deles que é só semear na terra que brotam e em poucas semanas já estão super aptos para serem saboreados. ASSIM QUE FAZ

1-   Alface  – 30 dias 

alface

A alface é fácil de crescer, tornando-se uma ótima opção para ter no nosso jardim. Um mix delas é simplesmente genial para sempre ter saladas frescas e preparar sanduiches.

Além de  fornecer diferentes tipos de nutrientes, cada tipo de alface, estas folhas verdes são excelente como entrada para qualquer refeição, fornecendo vitaminas A, C, K e ácido fólico

Alface gosta de tempo fresco portanto é melhor plantar na primavera e no outono, semeando a cada poucas semanas para uma colheita contínua. Algumas, como a alface Romana, pode ser colhidas com até 30 dias após o plantio.

2 – Nabos  – 40 dias 

nabo1

Nabos crescem muito rápido. Plantar em solos ricos e soltos com muita matéria orgânica e compostagem.  Esse é um típico “plantar um e colher dois”

Quando você planta a semente de um nabo, enquanto o bulbo  está crescendo, podemos ir colhendo algumas folhas frescas para comer. O ideal é ir plantando a cada poucas semanas  para ter um fornecimento contínuo deste bulbo na nossa mesa. Dias para a colheita de 40 a 60.

3 – Rabanetes – 21 dias 

rabanete

Estes pequenos bulbos crocantes e picantes são repletos de sabor e são muito mais versáteis do que você possa imaginar. Pode ser adicionado em saladas ou se quiser moderar o picor é só cozinha-los com seu salteado vegetal favorito. Um rabanete tem apenas 1 caloria!

Rabanetes precisam crescer rapidamente porque se não vão ficar duros e amargos. Mas para isso deve dar-lhes condições que estimule o crescimento.

Semear a cada poucas semanas para desfrutar de uma colheita contínua é uma ótima ideia para ter sempre frescos na sua mesa e desfrutar junto com a salada. Dias para colheita: 20 a 30

4 – Ervilha – 50 dias

ervilha 1

Ervilhas são leguminosas, resistentes e podem germinar até em solos com temperaturas baixas de 5ºC mas não gostam muito de clima quente e seco. Se o tempo é fresco com alguma chuva podemos ter ervilhas em um período de 50 dias.

Este vegetal é uma escolha super saudável. Uma porção supre com 1/3 das suas necessidades diárias de vitamina C e 3 gramas de fibra. Exatamente como os feijões .

Se são plantas baixas podem crescer muito mais rápido, porque não tem que gastar energia com a  haste subindo. Independente da variedade que vai plantar você pode colher antecipadamente alguns brotos de ervilha.

   5 –  Cebolinha – 21 dias

cebolinha

O bulbo da cebola pode demorar ate 6 meses  para amadurecer completamente, mas você pode começar a colher os talos verde a partir de um mês que a planta vai continuar a formar mais e mais. Dias para a colheita 20 – 30.

6 – Vagem – 50 dias

vagem

Você vai ter que esperar que o solo esteja um pouco aquecido para poder plantar suas sementes de vagem, dependendo da região, isso é no final da primavera.

Escolher solos bem drenados, onde eles vão receber pleno sol. As vagens estão cheias de nutrientes como vitaminas A, C e K, manganês (Mn) , potássio, ácido fólico e ferro, e fibra.

Semear a cada poucas semanas para desfrutar de uma colheita contínua durante o verão. Dias para a colheita  50 – 70.

7- Mini cenouras – 50 dias

mini cenoura

As cenouras são planta perene, deliciosas cruas ou cozidas e podem ser preparadas de diversas maneiras.

O pigmento que deixa a cenoura laranja – o beta caroteno –  é o mesmo composto que o organismo converte em vitamina A. Uma vitamina essencial para a visão, uma pele saudável e o sistema imunológico.

Elas crescem em terreno arenoso e argiloso e podem ser colhidas após cerca de 30 dias. Outras variedades de cenoura (as grandes)  pode demorar entre 50 e 80 dias para amadurecer.

8 – Espinafre – 30 dias 

espinafre

Espinafre é outra ótima opção para o tempo fresco, primavera ou no outono. Tal como acontece com outras verduras, espinafre pode ser colhido folha-a-folha.

Plantando, estará pronto para ser colhido em menos de 4 a 6 semanas após o plantio e é uma das planta que cresce  rápido.

Agora já não tem mais a desculpa que não tem paciência para esperar. Você pode ter sua própria horta em casa com estes vegetais super rápidos e assim seu corpo e alma vão agradecer o alimento orgânico, saudável e com certeza muito mais saboroso.

9 Vegetais que Crescem em Menos de 2 Meses – YouTube

Vegetaze-se: Vegeta, Vazio, 20 ALIMENTOS FAZEM VOCÊ MAIS JOVEM!, Gastronomia Funcional, Muvuca, Couve amigo, Sal Verde, Abóbora, Contra todos os males

Turma da Mônica live-action

Depois de muitos anos, Turma da Mônica chegou aos cinemas no formato de live-action, dirigido por Daniel Rezende, também diretor de Bingo: O Rei das Manhãs e roteirizado por Thiago Dottori e Luiz Bolognesi. O filme, é uma adaptação da história em quadrinhos, ilustrada pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi, publicado em 2013 pela Panini.
Os personagens principais demoraram para ser encontrados, foram mais de 8 meses de testes pelo Brasil, com mais de 7.500 crianças inscritas, 2.000 testes realizados e quatro crianças foram escolhidas para viver a turminha em carne e osso. Os atores Giulia Benite (Mônica), Kevin Vechiatto (Cebolinha), Laura Rauseo (Magali) e Gabriel Moreira (Cascão), são a Turma da Mônica.

Os cenários da filmagem foram realizados no Sul de Minas, onde teve a maior parte das filmagens. Além de Poços de Caldas, a equipe fez gravações em Holambra, Mairiporã, Cubatão e Paulínia, no estado de São Paulo.

“A gente procurava o traço do Maurício no mundo real”. Quando a gente viu fotos de Poços de Caldas, as ruas, as cores, a arquitetura, tudo batia com o bairro do limoeiro real. Quando a gente mostrou a foto da praça de Poços pro Maurício de Souza, ele disse: ‘‘se eu desenhasse uma praça, eu desenharia exatamente assim”, lembra Daniel.

As filmagens foram feitas durante o inverno, nos meses de junho e julho de 2018. cravoecanela

Em apenas duas semanas em cartaz, Turma da Mônica – Laços conquistou uma expressiva marca de espectadores no cinema. Segundo um tweet da Paris Filmes, distribuidora do filme no Brasil, um milhão de pessoas já foram assistir à aventura da turminha. O longa, dirigido por Daniel Rezende, é uma adaptação da HQ ‘Laços’, escrita e desenhada pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi, que traz releituras dos personagens criados por Mauricio de Sousa.
Os números são ainda mais impressionantes se levado em consideração que Laços compete pela atenção do público infantil com outros nomes de peso, como Toy Story 4, Pets – A Vida Secreta dos Bichos 2 e o live-action de Aladdin, que também estão em cartaz neste mês de férias escolares. Adorocinema

Conheça 13 maneiras de reaproveitar sobras e cascas de frutas e vegetais

Após as refeições, a grande maioria das pessoas joga fora o que sobrou da comida, assim como após o consumo de frutas e demais vegetais, porêm esses resíduos aparentemente inúteis podem ser aproveitados de diversas maneiras.

Muitos não apreciam o gosto ou a textura das cascas, sem contar que elas têm uma taxa maior de agrotóxicos, mas ao mesmo tempo, têm nutrientes e fibras que são passíveis de reaproveitamento. As cascas de cítricos, batata, abacate sem o caroço e até mesmo as cascas dos queijos podem ser reaproveitadas na casa, na comida ou como produto de beleza.

Aqui, mostraremos 13 maneiras de se reaproveitar esses alimentos. Vamos às receitas:

Casa

1. Limpeza de gordura: antes de usar os produtos considerados tóxicos, como detergentes, na cozinha, experimente o limão. Aplique, na área afetada pela gordura, os seguintes ingredientes: sal e bicarbonato de sódio. Então introduza limão espremido. Só tome cuidado para não utilizar a mistura em superfícies sensíveis, como as feitas de mármore. Atente também para, após a limpeza, lavar bem as mãos para que resíduos do limão não remanesçam em sua pele, pois o contato com o sol pode provocar queimaduras;

2. Limpeza interna de chaleira: sabe quando a parte interna da chaleira fica muito escura? Para limpar, encha-a com água e um punhado de cascas de limão e ponha-a para ferver. Assim que começar a borbulhar, desligue o fogo e deixe descansar por uma hora. Na sequência, é só escorrer e lavar bem;

3. Tecido corante: apesar de a fruta não ser tão comum no Brasil, cascas de romã são ótimos corantes vermelhos de tecido. Basta encher com água quente uma grande panela de aço inoxidável, adicionar cascas de romã e deixar em descanso durante a noite. Ferva a água com as cascas no dia seguinte e, em seguida, remova as cascas e adicione o tecido que você quer tingir de vermelho, mas ele precisa estar molhado. Ferva a roupa por uma hora e deixe-a esfriando durante mais uma noite. Remova-a da panela no dia seguinte, enxague em água fria e a partir daí lave-a com roupas de cores semelhantes;

4. Espante os mosquitos: Use em um daqueles velhos aparelhos repelentes de insetos que são ligados na tomada e substitua o tablete convencional por um pedaço de casca de laranja ou por alguma outra fruta cítrica qualquer;

Comida

5. Congele raspadinhas: se você fez um suco de limão, laranja ou de alguma outra fruta cítrica e as cascas sobraram, você pode ralá-las com um ralador e acondicioná-las no freezer em um recipiente adequado. Quando você tiver vontade, é só retirar as raspas do freezer e fazer sua raspadinha.

6. Azeite cítrico: triture cascas de frutas cítricas com um pilão (em um vaso de metal ou de madeira) com um pouco de óleo. Coloque em um frasco com mais óleo e deixe descansando por seis horas. Depois desse período, acondicione em um recipiente limpo para uso em sua salada;

7. Fazer batatas fritas: misture cascas de batata com bastante suco de limão e azeite. Espalhe as cascas de batata em camadas em uma assadeira e leve ao forno na temperatura de 400 graus, mexendo de vez em quando até dourar (cerca de dez minutos). Tempere a gosto;

8. Faça uma sopa: Ferva cascas de batata, de cebola, de cenoura, além de alho poró e de outros vegetais a gosto para fazer uma bela sopa. Salsinha e cebolinha também vão bem nesse caldo;

9. “Algo a mais” na sopa ou no caldo verde: cascas de queijo podem ser acrescentadas a sopas ou caldos para dar um toque especial no sabor e na textura;

10. Adicionar queijo às verduras: cascas de queijo podem ser acrescentadas às verduras refogadas. O sabor fica excelente;

11. Açúcar mascavo suave: se você é vítima do açúcar mascavo endurecido, tente adicionar casca de limão para mantê-lo úmido e maleável.

Beleza

12. Esfoliação de açúcar da banana: coloque açúcar na casca da banana e esfregue-a suavemente em seu corpo . Em seguida, basta enxaguar no banho;

13. Hidratar: esfregue a parte carnuda da casca de um abacate em seu rosto e você terá um hidratante muito eficiente.

Veja também: Minhocário., Repelente de insetos, Água oxigenada, Dia Mundial do Meio Ambiente., A Revolta dos Macacos, Hour guitar, Indivíduos perigosos, Desenho de criança, EU LEVO UMA VIDA DE CACHORRO!, Todos querem ser felizes!, O tempo chegará, Veneno ecológico para matar ratos., Pés no chão, Boca boa, Tijolo