5 formas de tirar cheiro de mofo e se livrar do problema

O mofo é o resultado da proliferação de uma colônia de fungos que se instalou em algum lugar. Normalmente ele ocorre em locais úmidos, quentes e escuros, que é o habitat preferido dos fungos. Mas o caso agora é: como tirar cheiro de mofo de paredes, objetos e roupas? Pitacos e Achados

Bem, seguindo a lógica do habitat natural dos fungos, a primeira coisa a fazer para tirar cheiro de mofo é deixar os cômodos e móveis bem arejados, sempre: especialmente se você mora em um local úmido ou se tem alguma infiltração na sua casa.

Feito isso, veja as dicas de soluções caseiras que selecionamos para você aplicar em paredes, móveis e até nas roupas que ficam muito tempo guardadas e acabam amarelando e cheirando mal.

5 Melhores formas de tirar cheiro de mofo

O mofo não é um problema só estético. Além de deixar as paredes e móveis manchados, o cheiro é forte, desagradável e causa alergia em quem tem predisposição e problemas respiratórios. Então, precisa ser resolvido. Veja essas dicas:

1. Vinagre branco

O vinagre é um dos mais eficazes antifúngicos que temos disponível no mercado, baratinho. Aplicar vinagre branco com água morna é uma tática que pode ser usada para qualquer superfície e tirar cheiro de mofo, bem como as manchas que ele deixa.

2. Água sanitária

Se você tiver com paredes manchadas de mofo, a água sanitária pode ter um efeito mais poderoso do que o vinagre. Pode aplicá-la pura ou diluída em água. Aplique nos locais com mofo, deixe agir por alguns minutos e depois passe um pano com água limpa para remover.

3. Bicarbonato de sódio

Outro coringa dos cuidados da casa é o bicarbonato. Você pode tanto misturá-lo com água ou vinagre e aplicar nas superfícies com cheiro de mofo, quanto passá-lo por uma peneira e pulverizar sobre colchões e tapetes. Deixe agir por alguns minutos e depois aspire.

4. Álcool 98%

O álcool quase puro é outra alternativa para passar nos guarda-roupas e azulejos. Misture ao álcool alguns cravos-da-Índia e deixe essa solução em repouso por 24 horas. Depois, pegue um pano limpo e aplique a mistura onde for preciso. Deixe secar muito bem e não precisa remover.

5. Água fervente

Essa dica é para lavar as roupas com cheiro de mofo. A água não é pura, você vai misturá-la com bicarbonato de sódio (3 colheres de sopa por cada litro de água) e sal (1 colher de sopa para cada litro de água).

Coloque essa solução para ferver e coloque as peças dentro. Mantenha fervendo por uma hora.

Depois, cuidando para não se queimar, enxágue as peças em água fria, torça e deixe secar como de costume.

Para deixar a roupa mais cheirosa ainda, antes de passar, borrife uma solução de 1 litro de água com 1 xícara de amaciante e 1 xícara de álcool.

Depois da aplicação de qualquer uma das soluções que você acabou de ler, voltamos para a dica básica de manter tudo bem arejado e seco. Mas o que pode ser usado para retirar a umidade?

Giz

O giz, desses que o professor usa para escrever no quadro negro, é um ótimo absorvente de umidade. Você pode colocar alguns dentro dos armários e trocar sempre que perceber que estão úmidos.

Cravo-da-Índia

Os cravinhos também ajudam a tirar a umidade dos ambientes e ainda deixam um cheiro mais agradável. Você pode colocar alguns cravos em uma trouxinha de tule e deixar dentro das gavetas.

Tinta impermeabilizante

Se você tiver um problema muito sério com paredes úmidas, a solução pode ser pintá-las com uma tinta que isola a umidade porque deixa a parede impermeável. Ela não vai acabar com o foco da umidade, mas vai impedir que essa umidade apareça na parede.

Mofoze-se: Dê adeus ao mofo e bolor em sua casa de praia: aprenda dicas infalíveis!, O lar autossuficiente, 10 utilidades do sal úteis no dia-a-dia, Um saco de sal, Ervas, chás e sucos para limpeza natural dos rins, 10 tipos de vinagre para usar no dia a dia, Farmácia nunca mais

Conheça 13 maneiras de reaproveitar sobras e cascas de frutas e vegetais

Após as refeições, a grande maioria das pessoas joga fora o que sobrou da comida, assim como após o consumo de frutas e demais vegetais, porêm esses resíduos aparentemente inúteis podem ser aproveitados de diversas maneiras.

Muitos não apreciam o gosto ou a textura das cascas, sem contar que elas têm uma taxa maior de agrotóxicos, mas ao mesmo tempo, têm nutrientes e fibras que são passíveis de reaproveitamento. As cascas de cítricos, batata, abacate sem o caroço e até mesmo as cascas dos queijos podem ser reaproveitadas na casa, na comida ou como produto de beleza.

Aqui, mostraremos 13 maneiras de se reaproveitar esses alimentos. Vamos às receitas:

Casa

1. Limpeza de gordura: antes de usar os produtos considerados tóxicos, como detergentes, na cozinha, experimente o limão. Aplique, na área afetada pela gordura, os seguintes ingredientes: sal e bicarbonato de sódio. Então introduza limão espremido. Só tome cuidado para não utilizar a mistura em superfícies sensíveis, como as feitas de mármore. Atente também para, após a limpeza, lavar bem as mãos para que resíduos do limão não remanesçam em sua pele, pois o contato com o sol pode provocar queimaduras;

2. Limpeza interna de chaleira: sabe quando a parte interna da chaleira fica muito escura? Para limpar, encha-a com água e um punhado de cascas de limão e ponha-a para ferver. Assim que começar a borbulhar, desligue o fogo e deixe descansar por uma hora. Na sequência, é só escorrer e lavar bem;

3. Tecido corante: apesar de a fruta não ser tão comum no Brasil, cascas de romã são ótimos corantes vermelhos de tecido. Basta encher com água quente uma grande panela de aço inoxidável, adicionar cascas de romã e deixar em descanso durante a noite. Ferva a água com as cascas no dia seguinte e, em seguida, remova as cascas e adicione o tecido que você quer tingir de vermelho, mas ele precisa estar molhado. Ferva a roupa por uma hora e deixe-a esfriando durante mais uma noite. Remova-a da panela no dia seguinte, enxague em água fria e a partir daí lave-a com roupas de cores semelhantes;

4. Espante os mosquitos: Use em um daqueles velhos aparelhos repelentes de insetos que são ligados na tomada e substitua o tablete convencional por um pedaço de casca de laranja ou por alguma outra fruta cítrica qualquer;

Comida

5. Congele raspadinhas: se você fez um suco de limão, laranja ou de alguma outra fruta cítrica e as cascas sobraram, você pode ralá-las com um ralador e acondicioná-las no freezer em um recipiente adequado. Quando você tiver vontade, é só retirar as raspas do freezer e fazer sua raspadinha.

6. Azeite cítrico: triture cascas de frutas cítricas com um pilão (em um vaso de metal ou de madeira) com um pouco de óleo. Coloque em um frasco com mais óleo e deixe descansando por seis horas. Depois desse período, acondicione em um recipiente limpo para uso em sua salada;

7. Fazer batatas fritas: misture cascas de batata com bastante suco de limão e azeite. Espalhe as cascas de batata em camadas em uma assadeira e leve ao forno na temperatura de 400 graus, mexendo de vez em quando até dourar (cerca de dez minutos). Tempere a gosto;

8. Faça uma sopa: Ferva cascas de batata, de cebola, de cenoura, além de alho poró e de outros vegetais a gosto para fazer uma bela sopa. Salsinha e cebolinha também vão bem nesse caldo;

9. “Algo a mais” na sopa ou no caldo verde: cascas de queijo podem ser acrescentadas a sopas ou caldos para dar um toque especial no sabor e na textura;

10. Adicionar queijo às verduras: cascas de queijo podem ser acrescentadas às verduras refogadas. O sabor fica excelente;

11. Açúcar mascavo suave: se você é vítima do açúcar mascavo endurecido, tente adicionar casca de limão para mantê-lo úmido e maleável.

Beleza

12. Esfoliação de açúcar da banana: coloque açúcar na casca da banana e esfregue-a suavemente em seu corpo . Em seguida, basta enxaguar no banho;

13. Hidratar: esfregue a parte carnuda da casca de um abacate em seu rosto e você terá um hidratante muito eficiente.

Veja também: Minhocário., Repelente de insetos, Água oxigenada, Dia Mundial do Meio Ambiente., A Revolta dos Macacos, Hour guitar, Indivíduos perigosos, Desenho de criança, EU LEVO UMA VIDA DE CACHORRO!, Todos querem ser felizes!, O tempo chegará, Veneno ecológico para matar ratos., Pés no chão, Boca boa, Tijolo

Bicarbonato de Sódio e a Máquina de Lavar

Dica ecológica sobre as propriedades do Bicarbonato de Sódio.

O Bicarbonato de sódio é ótimo pois elimina qualquer odor, além de manter o pH balanceado, neutralizando os ácidos e bases. O bicarbonato de sódio pode ser usado até para exfoliar o rosto ou fazer seu próprio detergente. Tem várias receitas na web, abaixo temos duas maneiras para lavar roupa:

1) Como tira-manchas. Se tem alguma peça com mancha (pode até ser uma mancha com base gordurosa), é só fazer uma pasta de bicarbonato de sódio com água (3:1) e aplicar na mancha. Deixe de molho por mais ou menos 1 hora, antes de colocar para lavar.
Dica interessante: essa mesma pasta pode ser usada para limpar prata.

2) Na máquina, como amaciante, desodorante e para manter o branco mais branco e as cores mais vivas. É só adicionar 1/2 xícara de bicarbonato de sódio junto ao detergente. Adicionar bicarbonato de sódio junto com o detergente é fantástico para neutralizar odores, principalmente de animais e de suor masculino pós-malhação.

Além disso, também dá pra usar bicarbonato de sódio como anti-odores borrifando um pouco sobre lugares com cheiro forte como cestos de roupa suja, lixeiras ou lixo de cozinha.
bicarbonato-de-sodio

Veja também: Bicarbonato de sodio. Mil y una utilidades, Suco de limão e Bicarbonato, Refrigerante, Detergente Caseiro, Inseticida Natural contra lesmas e lagartas, Plante uma árvore, A Terra a Gastar, Casa da árvore, Sal e vinagre