Fiat 147 a álcool, 40 anos.

O primeiro carro movido 100% a álcool no Brasil completa 40 anos em 5 de julho. O Fiat 147 marcou a indústria brasileira por ser o primeiro a vir com motor dianteiro transversal. Em 1979, o pequeno hatch equipado com motor 1.3 estreava o consumo exclusivo de álcool hidratado — empreitada que só saiu do papel graças à crise do petróleo que havia ocorrido seis anos antes. VINICIUS MONTOIA – Autoesporte
O compacto ficou em produção por onze anos e saiu de linha quando foi substituído pelo Uno. Ele passou por duas reestilizações, em 1980 e 1983. Sempre pensando de forma vanguardista e no desenvolvimento de ótimos projetos, em 1978 a Autoesporte elegeu o 147 como o Carro do Ano.

Comparado aos epítetos usados para se referir à Fiat após sua estreia no Brasil, em 1976, o apelido “Cachacinha” dado ao 147 a álcool era o mais simpático – e real, pois o cheiro dos gases de escape realmente lembram a bebida.

Seu lançamento completa 40 anos nesta quinta-feira (5). Mais do que o primeiro carro a álcool brasileiro, o Fiat 147 foi o primeiro de produção em série no mundo. Henrique Rodriguez – QuatrosRodas


Enquanto o primeiro Fiat 147 foi parar em uma concessionária do Rio de Janeiro – que o preserva até hoje –, o primeiro 147 a álcool pertence ao Ministério da Fazenda, onde foi usado por mais de 30 anos.

O Fiat 147 foi um grande divisor de águas, não só por ser o primeiro modelo da Fiat no Brasil, mas por levar inovações para as massas. Foi o primeiro veículo nacional a usar motores transversais e utilizar o álcool como combustível, o primeiro a ter uma picape derivado de um carro de passeio e criar uma nova categoria, que se estende até os dias de hoje.

O primeiro a ter um furgão que também deriva de carro de passeio, e que hoje tem o Fiorino, derivado do Uno, deixou várias heranças técnicas para seus sucessores como o Uno e o Palio em questão de motores e soluções inteligentes.

Ele saiu de linha em 1986, após 10 anos de produção e mais de 1 milhão de veículos produzidos, levando em conta suas derivações, e deixando um legado importante para seu sucessor, o Fiat Uno. noticiasautomotivas


Com lançamento previsto dentro de quatro anos, os engenheiros da Fiat desenvolvem um novíssimo motor para queimar apenas o etanol, chamado pela fábrica de E4.
Seria o primeiro projeto específico para este combustível, pois, até hoje, tanto os carros da época do Pró-alcool (década de 80) como os flex atuais possuem motores projetados para gasolina e adaptados para o álcool puro ou para queimar os dois combustíveis. BORIS FELDMAN – Autopapo
A Fiat Chrysler Automóveis (FCA) resolveu ir na contramão do movimento automotivo no Brasil e apostar no etanol como alternativa ecologicamente correta, em vez de motores híbridos ou elétricos.


A empresa anunciou que desenvolve um propulsor turbo movido somente com o derivado da cana de açúcar. Ele usará como base o 1.3 GSE turboflex (T4), da família FireFly, que a Fiat produzirá na fábrica de Betim (MG) a partir de 2020, juntamente com 1.0 GSE turboflex (T3) – equiparão modelos da Fiat e da Jeep. Gazeta do Povo

Observe mais: Hemp Car, Extintion by Japan, A ÚLTIMA SACANAGEM DO CRIADOR CONTRA NÓS, LUMINESCE™ (10% free), Só óleo!!!, SAUDAÇÃO AO SOL, RESERVE™ (10% free), FUSCA ELÉTRICO – RESGATE DE CARROS CLÁSSICOS, VANUSA SABBATH, NAARA !!! (10% free), EM BUSCA DA VERDADE, Lamborghini faz parceria com MIT para supercarro elétrico, INSTANTLY AGELESS ™ (10% free), 11 INGREDIENTES QUE AJUDAM PERDER PESO, ATARI 2600, VIDACELL®(10% free), NAVE TIERRA, HO’OPONOPONO, Blue Bug, LUIZ GONZAGA LEITE, O GUARDA LUIZINHO!

Por que Pinga?

A cachaça acompanhou a história do Brasil desde o seu início, passando pelo o ciclo do açúcar, pelo crescimento das fronteiras territoriais e chegando até a urbanização do país, são várias as versões existentes sobre a origem da cachaça. Mapa da Cachaça

Do castelhano CACHAZA, vinho que era feito de borra de uva, da aguardente, que era usada para amaciar a carne de porco (CACHAÇO) e da grapa azeda, tomada pelos escravos e chamada por eles de cagaça. O caldo era apenas consumido pelos escravos, para que ficassem mais dóceis ou para curá-los da depressão causada pela saudade de sua terra (banzo). Alambique da Cachaça

pinga

*Momento Manguaça Cultural*

Antigamente no Brasil, para se ter melado, os escravos colocavam o caldo da cana-de-açúcar em um tacho e levavam ao fogo.
Não podiam parar de mexer até que uma consistência cremosa surgisse, porém, cansados de tanto mexer e com serviços ainda por terminar, os escravos simplesmente pararam e o melado desandou.
O que fazer agora?
A saída que encontraram foi guardar o melado longe das vistas do feitor.
No dia seguinte encontraram o melado azedo fermentado, misturaram-o com o novo e levaram os dois ao fogo.

Resultado: o ‘azedo’ do melado antigo era álcool que aos poucos foi evaporando e formou no teto do engenho umas goteiras que pingavam constantemente, era a cachaça já formada que pingava. Daí o nome ‘PINGA’.
Quando a pinga batia nas suas costas marcadas com as chibatadas dos feitores ardia muito, por isso deram o nome de ‘ÁGUA-ARDENTE’
Caindo em seus rostos escorrendo até a boca, os escravos perceberam que, com a tal goteira, ficavam alegres e com vontade de dançar e sempre que queriam ficar alegres repetiam o processo. Gabriel Junqueira Cabral, Humberto Kremer e Thiago Trossini

(História contada no Museu do Homem do Nordeste).

“Caros, sinto informar-lhes que esta história nunca foi contada pelo Museu do Homem do Nordeste, em nenhum de seus escritos, exposições ou qualquer documento do Museu. Nós, que fazemos o Museu do Homem do Nordeste, estamos numa verdadeira saga na internet tentando descobrir de onde saiu essa história… do Museu, tenham certeza, não foi”. Vânia Brayner (Coordenadora geral da instituição)

foto_fazenda

A venda e troca do produto representavam uma ameaça para a metrópole, já que ajudava a enriquecer os inimigos da Coroa, como os piratas holandeses que se estabeleceram no Nordeste. Nessa mesma época, Portugal produzia um destilado de uva chamado bagaceira, e o aumento da produção de cachaça fazia com que os colonos se desinteressassem cada vez mais em consumir a bebida portuguesa. Para inibir a produção da cachaça, Portugal estabeleceu um excessivo imposto cobrado dos fabricantes da aguardente, que insatisfeitos com a taxação, se rebelaram contra Portugal, marcando o episódio conhecido como Revolta da Cachaça, em 1660.

largo-do-paco-ano-1830-big-768x418

Salve o 13 de Setembro, o Dia Nacional da Cachaça, origem da data está ligada à Revolta da Cachaça, instituído para honrar a bebida que representa a cultura e a formação brasileiras, o néctar que traduz as heranças das raças que formaram a nossa identidade como nação. O Decreto 4.702 assinado em 2002 pelo presidente FHC, declara ser a Cachaça um destilado de origem nacional. Devotos da Cachaça

Enxergue mais: BEBER MENOSEMVPolítica, sempre ela.NAARA BEAUTY DRINK!!!, Universidades do mundo, VIDACELL®Mousse de vinho, Água mata?A ULTIMA CEIASugestão de desintoxicação ayurvédica após os excessos., Arroz com feijão, Coletores de sementes

De Todos Os Loucos do Mundo

Clarice Falcão – De Todos Os Loucos do Mundo

De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque eu tava cansada de ser louca assim sozinha
De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque a sua loucura parece um pouco com a minha

Você esconde a mão, diz que é Napoleão
Boa parte de mim acredita que sim
Se eu converso com ar, no meio do jantar
Você espera a vez dele de falar
Você fala chinês pela primeira vez
Eu dou opinião num perfeito alemão
Se eu emito um som que você acha bom
A gente faz um dueto fora do tom

De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque eu tava cansada de ser louca assim sozinha
De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque a sua loucura parece um pouco com a minha

Você fala chinês pela primeira vez
Eu dou opinião num perfeito alemão
Se eu emito um som que você acha bom
A gente faz um dueto fora do tom

De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque eu tava cansada de ser louca assim sozinha
De todos os loucos do mundo eu quis você
Porque a sua loucura parece um pouco com a minha

Poetize-se: FUMAÇA LOUCA, ALLUCINAZIONI E DELIRIO, CLARICE LISPECTOR DO SAMBA, CLARA NUNES., FLASH NA BIBLIOTECA, Ecofalante, Dinâmicos, EVOLUSEX

Pessoas criativas são mais propensas à depressão e dependência química

Para o professor Michel Reynaud, chefe do departamento de psiquiatria e dependência no hotel Paul Brousse em Villejuif, Paris, existe uma ligação entre talento criativo, depressão e dependência.

“Os artistas são muitas vezes pessoas mais sensíveis, sentem mais intensamente as emoções. Isso acontece geralmente com escritores, poetas, músicos, atores, de muita qualidade, mas por trás de seres muitas vezes ansiosos, deprimidos, bipolares”, observa.

Além disso, produtos com o álcool e as drogas, geralmente disponíveis em seu ambiente – “meio de divertimento, festivo, de dinheiro” – são vistos como facilitadores da expressão artística. Megacurioso

Veja também: Quase imortal!!!, Comida para o espírito, Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas, Rebeldia, O teste de Turing, Coletores de sementes, A tua mente, Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças, Violentamente pacífico, Lâmpadas fritas

Hemp Car

hempcar1
Collective Evolution (CE)

hempford
biomass-x-fossilfuels
” Henry Ford revelou seu carro de plástico, resultado de 12 anos de pesquisa, com painéis resistentes moldados em pressão hidráulica de 680kg por polegada quadrada. 70% de fibra de celulose de cânhamo, sisal, palha de trigo e 30% de resina é a receita.” Popular Mechanics, Dec. 1941, “Pinch Hitters for Defense.”
kestrel-hemp-car-5-07-11

Veja também: Air Purifier Bike, FORDISMO??, Empoderamento dos recursos, Michael Moore, A importância do Doutorado, The X-Files, Viabilidade???, Filmografia dos carros do cinema, Agrotóxicos da mesa nossa de cada dia., Pedala Mundo!, Feliz dia do índio!!!

Instituto Pindorama, voluntariado.

O Instituto Pindorama é uma organização independente e sem fins lucrativos (ONG) com sua sede em Nova Friburgo – RJ registrada desde 2004, localizados em uma propriedade rural de 480.000m² de área verde, cercado pela Mata Atlântica. Buscamos oferecer uma oportunidade para aquelas pessoas que estejam preparadas para uma vida simples com pensamento elevado, trabalho abnegado e silêncio à noite, mantendo um ambiente com muita harmonia que proporciona um crescimento espiritual, auto-conhecimento e clareza mental para adquirir novos hábitos e conhecimentos em tecnologias não-convencionais. Aqueles que não podem permanecer por pelo menos 14 dias no Instituto podem optar pela opção de Visitante. Atualmente estamos buscando candidatos para preencherem as seguintes vagas:

Serviços Gerais – Disponibildade para permancência mínima de 14 dias
– Não é necessária experiência prévia, idade mínima 18 anos
– Receberá treinamento em diversas funções
– Prática em limpeza geral (banheiros, cozinha, varrer, aspirador de pó, lavar roupas de cama, etc)

Marceneiro/Bambuzeiro – Desejável prática em movelaria com madeira ou bambu
– Disponibildade para permancência mínima de 14 dias

Bioconstrutor – Desejável prática em construções convencionais ou bioconstrução
– Disponibildade para permancência mínima de 14 dias

Permacultor – Desejável prática em agricultura orgânica, agrofloresta ou permacultura.
– Desejável prática no uso de roçadeira e motoserra e utensílios agrícolas (enxada, foice)
– Necessário possuir condicionamento físico para tarefas de esforço
– Disponibildade para permancência mínima de 14 dias

Assistente Geral e Cozinheiro – Prática em cozinha vegana ou viva
– Deve ter Carteira de Motorista a pelo menos 1 ano
– Prática com internet e tarefas de secretaria (atender telefone, responder emails)
– Disponibildade para permancência mínima de 14 dias

O QUE O INSTITUTO OFERECE AOS VOLUNTÁRIOS

1 – Prática diária de Yoga e Meditação e 1 Suco Vivo pela manhã
2 – Três refeições veganas diárias (alimentos cozidos e vivos)
3 – Aulas de culinária vegana e Alimentação Viva
4 – Acesso à internet durante 30 minutos por dia após o expediente
5 – Acomodação em dormitório coletivo
6 – Treinamento em sua função (marcenaria, bioconstrução, agricultura orgânica, alimentação consciente)
7 – Certificado de Participação no Programa de Voluntariado
8 –Participação gratuita nos cursos que ocorrerem durante sua estadia
9 – Convivência em um local confortável em meio a exuberante Mata Atlântica

Diariamente praticamos Sivananda Yoga, Meditação e Satsangs com leituras dos textos de Paramahamsa Yogananda e Cantos Cósmicos.

A contra-partida dos Voluntários
Todos voluntários e visitantes que desejarem participar de nossa rotina comprometem-se com nossa política de tolerância zero com uso de álcool, canabis, ayhuasca e outras plantas enteógenas e devem se comprometer a participar das meditações da manhã e noite, aulas de yoga e serviços de leitura, além do compromisso usual com suas tarefas e horários de trabalho, recreação e de silêncio.

Como se candidatar
Os interessados devem preencher o formulário abaixo e enviar um curriculum para o email contato@pindorama.org.br

Veja também: Sucos verdes, Somos todos doadores, X-Maus, Ministério da Saúde, Catador de ministros, Miniusina de energia, José Mujica maconheiro?, Cultura da paz?, Rotina, Saudação ao Sol, Bicicleta emprestada!, Feliz dia do índio!!!, Brasileiro Reclama De Quê?

Sorvete de cachaça

SORVETE DE CAIPIRINHA
Ingredientes:

½ xícaras (chá) de açúcar;
½ xícaras (chá) de água;
600 g de cobertura de chocolate branco picada;
2 colheres (sopa) de aguardente;
200 ml de suco de limão;
6 gemas;
4 xícaras (chá) de creme de leite fresco.
Modo de preparo:

Ferva o açúcar com a água até obter uma calda grossa;
Bata as gemas e, sem parar de bater, acrescente a calda aos poucos, até formar picos firmes (cerca de 15 minutos);
Junte o chocolate branco, 2 xícaras do creme de leite e suco de limão, e derreta no micro-ondas, em potência média, por cerca de 4 minutos, pare na metade do tempo para mexer;
Acrescente em seguida as gemas batidas e a aguardente;
Bata o restante do creme de leite em ponto de chantilly misture tudo delicadamente;
Coloque em um refratário coberto com papel filme e leve ao freezer até que fique firme, aproximadamente 4 horas.

SORVETE DE VINHO
Ingredientes:

3/4 de xícara (chá) de suco de limão;
2 xícaras (chá) de água;
2/3 de xícara (chá) de açúcar;
3/4 de xícara (chá) de vinho tinto ou do Porto.
Modo de preparo:

Em uma tigela, misture o suco de limão, a água, o açúcar e o vinho até o açúcar se dissolver;
Despeje numa forma, cubra e leve ao freezer até o dia seguinte;
Bata a massa no liquidificador até obter um creme claro;
Volte à forma e cubra com filme plástico.
Deixe no freezer até ficar firme;

SORVETE COM AMARULA E UÍSQUE
Ingredientes:

1 Xícara(s) de Amarula;
5 Colher(es) de sopa de Chocolate em raspa para decorar;
2 Colher(es) de sopa de uísque;
3 Bola(s) de Sorvete de creme;
Modo de preparo:

Leve a Amarula ao fogo por 3 minutos, ou até ferver;
Tire do fogo e leve ao liquidificador junto com o sorvete e o uísque;
Bata por 30 segundos, divida em taças , decore com as raspas do chocolate e sirva em seguida.

SORVETE DE CHAMPAGNE E LICOR
Ingredientes:

2/3 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro peneirado;
2 garrafas de champagne;
4 colheres (sopa) de suco de limão;
Licor de Mandarinetto ou Mandarino;
Folhas de hortelã e tirinhas de laranja para decorar.
Modo de preparo:

Peneire o açúcar de confeiteiro sobre uma forma não muito funda;
Acrescente o champagne e o suco de limão;
Leve ao congelador até ficar firme;
Assim que começar a endurecer nas bordas, retire do congelador e mexa com uma colher para misturar a parte já congelada com a parte ainda líquida;
Leve de novo ao congelador até quase firmar e repita esta operação várias vezes, até a massa apresentar cristais grandes, isto é, começar a solidificar;
Não mexa demais;
Para servir, raspe o sorvete com uma colher;
Coloque em taças previamente geladas;
Regue com o licor Mandarinetto;
Enfeite com as folhinhas de hortelã e as tirinhas de casca de laranja.

Veja também: Por que Pinga?, Vinho, Quase imortal!!!, Chás que Ajudam a Emagrecer, PLANKTON INVASION, Águas de março

Legalize Já

Legalize Já – Planet Hemp

(Riff Principal)
Digo foda-se as leis e todas regras
Eu não me agrego a nenhuma delas
Me chamam de marginal só por fumar minha erva
Porque isso tanto os interessa
Já está provado cientificamente
O verdadeiro poder , que ela age sobre a mente
Querem nos limitar de ir mais além
É muito fácil criticar sem se informar
Se informe antes de falar e legalize ganja

(Refrão)
Legalize já, legalize já
Porque uma erva natural não pode te prejudicar

(Riff Principal)
O álcool mata bancado pelo código penal
Onde quem fuma maconha é que é marginal
E por que não legalizar ? e por que não legalizar ?
Estão ganhando dinheiro e vendo o povo se matar
Tendo que viver escondido no submundo
Tratado como pilantra, safado, vagabundo
Só por fumar uma erva fumada em todo mundo
É mais que seguro proibir que é um absurdo
Aí provoca um tráfico que te mata em um segundo
A polícia de um lado e o usuário do outro
Eles vivem numa boa e o povo no esgoto
E se diga não às drogas, mas saiba o que está dizendo
Eles põe campanha na tevê e por trás vão te fudendo
Este é o planet hemp alertando pro chegado
Pra você tomar cuidado com os porcos fardados
Não falo por falar eu procuro me informar
É por isso que eu digo legalize ganja
São dez mil anos de uso
sem se quer uma morte
Se me chamar de otario
fala se se fode
PlanetHemp-Usuario-620

Veja também: Ervas medicinais, FHC = THC, Aquela Paz, Cheirando Cola, Não Foi Acidente, O mundo dos espertos, Sintomas Câncer de Mama, Carta de um policial nos protestos de São Paulo, Conhecimento Ancestral, Sugestão de desintoxicação ayurvédica após os excessos., Hortas e temperos, Só um minuto!

Não Foi Acidente

bikebraco
bike_tallahassee
bikemotorista
“Todo mundo erra. Decidi perdoá-lo porque não adianta ter raiva da pessoa. Quanto mais raiva, mais mágoa eu vou ter dentro de mim e não vou ter chance de me recuperar. Eu perdoando vou ter a chance de ter o pensamento limpo e poder focar na minha recuperação. Isso [jogar o braço fora] é uma coisa que não se deve fazer com ninguém. É muito difícil saber que um pedaço do seu corpo não vale nada para outras pessoas”. David Souza dos Santos – Portal AZ

naofoiacidente
INICIATIVA POPULAR SOBRE CRIMES DE TRÂNSITO QUE ENVOLVAM A EMBRIAGUEZ AO VOLANTE, ASSINE a Petição!

Veja também: Quando Thor encontrou Wanderson, CAMPANHA NACIONAL DO DESARMAMENTO, Título de eleitor, Bike or die!, Estresse no seu corpo, PARE ou DIMINUA?, Outras formas, Evolução, 22 de todos os dias, Pedala Mundo!, Drive Thru, UOL, De Quem é a Culpa?, Brasileiro Reclama De Quê?, Página Da Notícia, Monte seu Fusca

Repelente de pescador

Repelente de pescadores

Ingredientes

– 1/2 litro de álcool
– 1 pacote de cravo da Índia (100 gr)
– 1 vidro de óleo corporal (100 ml)

Modo de fazer

Deixe o cravo curtindo no álcool uns 4 dias agitanto , de manhã e a tarde. Depois coloque o óleo corporal (pode ser de amêndoas, camomila, erva doce, lavanda, aloe vera).

Modo de usar

Passe uma gota nos braços e nas pernas e os mosquitos fogem do incômodo.
O cravo espanta formigas da cozinha, dos eletrônicos e espanta as pulgas dos animais.
O repelente evita que o mosquito sugue o sangue, assim, ele não consegue maturar ovos e atrapalha a postura, o que contribui para diminuir a proliferação.

Não forneça sangue para o AEDES AEGYPTI! Ioshiko Nobuni, sobrevivente da dengue hemorrágica.

Veja também: Repelente de insetos, Café com Dengue., Veneno ecológico para matar ratos., Nossa dose de veneno, Detergente Caseiro, Inseticida Natural contra lesmas e lagartas

Sexo seguro!

Você lembra do tempo em que “sexo seguro” significava usar camisinha para evitar doenças sexualmente transmissíveis e gravidez? Esqueça, os bons tempos terminaram. Confira aqui as dicas para sexo seguro que um homem deve observar no maravilhoso mundo feminista moderno!
A coisa está ficando assim: sabe aquela gatinha que você conheceu na balada, que deu a maior mole, você convidou para um motel e ela topou?

Primeiro leve a garota à uma emergência hospitalar e solicite um teste de dosagem de álcool e outros entorpecentes, para evitar acusação de posse sexual mediante fraude. (Art. 215 CPB)

Depois passe com ela em um cartório e exija que ela registre uma declaração de que está praticando sexo consensual, para evitar acusação de estupro. (Art. 213 CPB)

Exija também o registro de uma declaração de que ela está praticando sexo casual, para evitar pedido de pensão por rompimento de relação estável. (Lei 9.278, Art. 7)

Depois vá a um laboratório e exija o exame de beta-HCG (gonadotrofina coriônica humana) para ter certeza que você não é o pato escolhido para sustentá-la na gravidez de um bebê que não é seu. (Lei 11.804 Art. 6)

No motel ou em casa, use camisinha e nada de “sexo forte” pra evitar acusações de violência doméstica e pegar uma Maria da Penha nas costas.
Além disso, você deve paparicá-las, elogiá-las, jamais criticá-las ou reclamar coisa alguma, devem ser perfeitos capachos, para não causar qualquer “sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral”, sem que tenha obviamente os mesmos direitos em contrapartida.(Lei 11.340 Art. 5)

Na saída do motel leve-a ao Instituto Médico Legal e exija um exame de corpo de delito, com expedição de laudo negativo para lesões corporais (Art. 129 CPB) e negativo para presença de esperma na vagina, para TENTAR evitar desembolsar nove meses de bolsa-barriga caso ela saia dali e engravide de outro. (Lei 11.804 Art. 6)

Finalmente, se houver presença de esperma na vagina da moça, exija imediatamente uma coleta de amostra para futura investigação de paternidade (Lei 1.060 Art. 3 inciso VI) e solicitação de restituição de eventuais pensões alimentícias obtidas mediante ardil ou fraude. (Art. 171 CPB)

Fazendo tudo isso, você pode fazer “sexo seguro”… .

Veja também: Índice de Desenvolvimento Humano, Super Trunfo, Maconha faz mal., Bicicleta emprestada!, A vingança do boquete, Saúde nossa de cada dia!, Que País É Esse?, Problemas sociais, Saudação ao Sol, Aquela Paz, Cheirando Cola, A verdade pode estar no ovo, Atrás de mim!, Rio 40 Graus

FHC = THC

Droga é qualquer substância que introduzida em um organismo modifica suas funções, podendo ocasionar dependência química e/ou psíquica, é um termo que abrange uma grande quantidade de substâncias naturais ou sintéticas. Por exemplo o carvão, aspirina, fumo (nicotina), álcool (etanol) e o café (cafeína).

Fernando Henrique Cardoso, 80 anos, presidente da República entre 1995 a 2002.

“Em sociedades abertas e democráticas a opinião se forma neste entrechoque de idéias.”

No dia 2 de junho de 2011, entregou ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, uma proposta de revisão na política de combate às drogas. Um problema que afeta a todos e precisa ser enfrentado em seus múltiplos aspectos.


A sua peregrinação foi registrada no documentário QUEBRAMDO O TABU, dirigido por Fernando Grostein Andrade.

A importância do debate de questões que envolvem valores e comportamentos deve ser primeiramente discutida pela sociedade, antes que as decisões cheguem aos governos e parlamentos. A regulação de drogas como a maconha tem o objetivo de reduzir o poder do narcotráfico, preservar a saúde e a segurança das pessoas, oferecer tratamento e reabilitação (a redução do dano e a redução do consumo), investir na informação e prevenção para reduzir o consumo de drogas.

Fonte: Revista Época

“Breaking the Taboo”, versão internacional narrada por Morgan Freman, a versão em espanhol é narrada por Gael Garcia Bernal.

maconhacristovambuarque

Veja também: Scoring drugs, Por que Pinga?; Como a indústria do fumo enganou as pessoas?, Brasileiro Reclama De Quê?, Carnaval é Perfeição!, Reign Over Me, Meu nome é Jonas, Minha Alma (A Paz Que Eu Nao Quero), Hemp Car, Hora do Planeta, BEBER MENOS, Eu sou o meu Deus.