Relatório Figueiredo

“O brasileiro costuma assistir a filmes de Hollywood onde cauboís matam índios e acha bonito. O que o americano fez com os índios foi brincadeira em relação ao que foi feito aqui. Lá foi uma matança, aqui foi genocídio. Uma coisa nazista, hitlerista. E o brasileiro não tem consciência disso. Isso é uma coisa que o mundo precisa saber”, revolta-se o filho Jader Figueiredo Correia Júnior.

relatoriofigueiredo
museudoindio

Veja também: Santo Padre José de Anchieta, Urna fraudetrônica, Bandeirantes Modernos, Cinquenta Tons de Cinza, A história de sempre?, Eu, não, meu senhor, Ranking Políticos, Arena, Que País É Esse?, Eu sou Guarani Kaiowá, A verdade pode estar no ovo, Makota Valdina, X-Maus, Polícia 24 horas

Carlos Marighella

Mil Faces de Um Homem Leal (Marighella) – Racionais Mc’s

A postos para o seu general
Mil faces de um homem leal (2x)

Protetor das multidões
Encarnações de célebres malandros
De cérebros brilhantes
Reuniram-se no céu
O destino de um fiel, se é o céu o que Deus quer
Tô somado, é o que é, assim foi escrito
Mártir, Mito ou Maldito sonhador
Bandido da minha cor
Um novo messias
Se o povo domina ou não
Se poucos sabiam ler
E eu morrer em vão
Leso e louco sem saber
Coisas do brasil, super-herói, mulato
Defensor dos fracos, assaltante nato
Ouçam, é foto e é fato a planos cruéis
Tramam 30 fariseus contra moisés, morô
Reaja ao revés, seja alvo de inveja
Irmão, esquina de velas pra cima de um rebelde
Que ousou lutar, honrou a raça
Honrou a causa que adotou,
Aplauso é pra poucos
Revolução no Brasil tem um nome
Vejam o homem
Sei que esse era um homem também
A imagem e o gesto
Lutar por amor
Indigesto como o sequestro do embaixador

O resto é flor, se tem festa eu vou
Eu peço, leia os meus versos, e o protesto é show
Presta atenção que o sucesso em excesso é cão
Que se habilita a lutar, fome grita horrível
A todo ouvido sensível que evita escutar
Acredita lutar, quanto custa ligar?
Cidade chama vida que esvai
Clama por socorro, quem ouvirá?
Crianças, velhos e cachorros sem temor
Clara meu eterno amor, sara minhas dores
Pra não dizer que eu não falei das flores

Da Bahia de São Salvador brasil
Capoeira mata um mata mil, porque
Me fez hábil como um cão
Sábio como um monge
Antirreflexo de longe
Homem complexo sim
Confesso que queria
Ver Davi matar Golias
Nos trevos e cancelas
Becos e vielas
Guetos e favelas
Quero ver você trocar de igual
Subir os degraus, precipício
Ê vida difícil, ô povo feliz

Quem samba fica,
Quem não samba, camba
Chegou, salve geral da mansão dos bamba
Não se faz revolução sem um fuga na mão
Sem justiça não há paz, é escravidão…

Revolução no Brasil tem um nome…

A postos para o seu general
Mil faces de um homem leal (2x)

Marighella

Essa noite em São Paulo um anjo vai morrer
Por mim, por você, por ter coragem em dizer
racionaismc

Veja também: Regiane Ishii, Ana Primavesi, Engenheira agrônoma., Makota Valdina, Carta da Terra, Saramago, Bandeirantes Modernos, Incêndio, apenas 4° andar é salvo., Problemas sociais, Arena, Ficha Limpa!!!, Rotina, Mini-Manual do Guerrilheiro Urbano, Carlos Marighella, Polícia 24 horas, Brasileiro Reclama De Quê?