EXPERIMENTOS SOCIAIS SIGILOSOS | Cortes do Venus

EXPERIMENTOS SOCIAIS SIGILOSOSCortes do Venus [OFICIAL]

O documentário – Três Estranhos Idênticos – conta a história de trigêmeos separados aos 6 meses no subúrbio de Nova Iorque, em 1961. Entregues pela mãe biológica a um orfanato da comunidade judaica. Eles sabiam que eram adotados, mas não que tinham irmãos, e suas famílias também não sabiam que eram gêmeos separados. Marta Müller Stumpf – Psicóloga clínica, Psicoterapeuta Psicanalítica especialista em Infância e Adolescência e Psicanálise das Configurações Familiares. Instituto de Ensino Horizontes

Por uma coincidência um dos gêmeos vai estudar numa universidade e começam a agir com ele como se já o conhecessem. O rapaz descobre que tem um irmão e mais adiante o terceiro irmão os encontra ao vê-los numa matéria de reencontro no jornal.

Esses fatos ocorrem em 1980, quando eles estão com 19 anos e a história surpreendente não para por aí… eles ainda vem a saber que foram vítimas de uma experiência, por um psiquiatra austríaco e sua equipe que queria entender o que mais afetava o ser humano ao longo do seu desenvolvimento, a genética ou o ambiente.

Além da história inicial desses irmãos, há uma exploração midiática, que para eles essa exposição talvez se confunda com a necessidade de mostrar e legitimar o encantamento de um pelo outro, encontrando semelhanças entre eles, restaurando esse elo roubado por algo que se diz ciência. “Ciência sin conciencia (ética) es una ruina”, escreveu Regina Bayo-Borràs Falcón.

Sabe-se que gêmeos interagem desde a décima quarta semana de gestação e essa interação justifica o fato de que, apesar de terem DNA idênticos, eles possuem impressões digitais distintas, justamente por essa interação, por essas marcas que ficam em suas mãos e, logicamente, em suas vidas.

Muitas são as variáveis para pensarmos o quão complexa foi essa descoberta, o processo de se conhecerem e reconhecerem, o ápice do reencontro, a separação inicial, o luto por tudo que não viveram, a ambivalência, as fantasias, a culpa em relação às famílias adotantes.

Em O Estranho, Freud já nos convidava a pensar sobre o grande desafio do reconhecimento do eu como diferente do outro, sendo o duplo uma garantia contra o desaparecimento do eu, uma garantia de imortalidade inicialmente, mas após uma ameaça de morte.

Ainda há muitos Roberts, Davis e Eddys espalhados por aí…

Nossa maior referência de duplo é a mãe e para os gêmeos essa questão se torna ainda mais complexa, pois o irmão se apresenta também como um duplo, um outro “si mesmo”, principalmente no caso de gêmeos univitelinos ou idênticos (que nunca são). Para Freud, a permanência numa relação que predomina a fusão levaria a uma espécie de morte, de não constituição da singularidade. Eddy veio a cometer suicídio, Robert e Davi se distanciaram, tendo grande resistência a aceitar o convite para o documentário.

Podemos pensar que para os trigêmeos tenha sido uma experiência de muitas rupturas, que os levaram a sonhar com uma fantasia de completude não suportada pela realidade, sendo todo o processo que passaram muito traumático, suas identidades roubadas por um processo de desmentida, em nome de uma ciência perversa, que descarta o inconsciente.

Como ser, se constituir sujeito, apropriado de sua identidade, com uma história tão fragmentada? Podemos pensar, como escreve Silvia Gomel, que estamos em eterna construção, cada vínculo que construímos durante a vida interfere na construção de nossa subjetividade.

Trize-se: Vegano Periférico e Veganos Pobres do Brasil, Stanley Kubrick, Teste de visão – encontre o objeto escondido na imagem, Experimentos Sociais Com Resultados Inesperados, Vim trazer verdades aleatórias e genéricas

Uma resposta para “EXPERIMENTOS SOCIAIS SIGILOSOS | Cortes do Venus”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: