ILHAS PARA VISITAR ANTES QUE ELAS SUMAM DO MAPA

A natureza sempre nos surpreende com suas belezas fascinantes, mas ao mesmo tempo é completamente mutável, podendo nos surpreender com coisas ruins. Com o nível do mar cada vez mais alto, algumas ilhas do Pacífico Sul estão desaparecendo. Os moradores acabam morrendo desprevenidos ou acabam se deslocando após o cansaço de lutar pela sobrevivência. Vivimetaliun

Estudos apontam que os arquipélagos podem sumir até o final do século. As marés altas provocam estragos na região, inundando casas, espalhando lixo e provocando queda das árvores. O motivo de tudo isso chama-se aquecimento global, já que as geleiras estão derretendo e consequentemente elevando o nível da água, que pode subir 59 centímetros até 2100.

Ilhas do Oceano Índico também sofrem com o mesmo problema, sendo que em 2010 uma ilha no Golfo de Bengala desapareceu sem deixar lembranças. Se ainda queremos conhecer estes lugares, é melhor corrermos contra o tempo. Confira abaixo quais são as próximas ilhas em extinção:

1. Maldivas

Destino turístico, o arquipélago pode desaparecer em até 100 anos. Isso porque o nível do mar de 80% de seu território, formado por mais de 1000 ilhas, está a apenas um metro do solo. O governo da capital Malé já está tomando providências para transferir os habitantes da segunda ilha mais populosa do mundo para a Austrália, Sri Lanka e Índia.

maldivas

2. Tuvalu

Entre o Havaí e a Austrália, as nove ilhas de Tuvalu estão, assim como as Maldivas, a apenas um metro acima do nível do mar. Com inundações constantes e agricultura prejudicada, a população do quarto menor país do mundo já está em busca de refúgio, oferecido pela Nova Zelândia.

3. Grande Barreira de Corais

Formada por mais de 600 ilhas, 300 atóis e aproximadamente 3 mil recifes, o rico ecossistema da Grande Barreira de Corais torna o paraíso ainda mais completo. Pertencente ao estado de Queensland, na Austrália, a ilha sofre não só com o aumento no nível do mar, como com a poluição e o aquecimento que estão matando os corais.

????????????

4. Seychelles

O arquipélago composto por 115 ilhas já está com 50% de seu território protegido por leis ambientais, a fim de manter a fauna e a flora preservadas. Apesar de estar com o mesmo problema das demais ilhas, Seychelles tem focado no turismo sustentável para tentar sobreviver por mais tempo.

seychelles

5. Kiribati

Próxima à Tuvalu, Kiribati tem 33 ilhas paradisíacas em seu território que em pouco tempo serão engolidas pelo mar. A agricultura do local já está improdutiva devido a salinização do solo; o governo já está tomando medidas para transferir a população para a ilha vizinha. Pode ser que a ilha sobreviva por menos de 50 anos, que têm passado bem rápido.

kiribati

Todas as fotos: Reprodução. [via]

13alaska

6. Shishmaref, Alaska
Nos últimos 50 anos, a ilha com apenas 650 habitantes tem vindo gradualmente a desaparecer e apenas é acessível por avião. Segundo o Departamento do Interior dos Estados Unidos da América, a ilha perdeu cerca de 30 metros de costa, desde 1997. A instituição prevê que a ilha desapareça na totalidade dentro de 20 anos. Volta ao Mundo

1Salomon

7. Ilhas Salomão
Formado por quase 1000 ilhas e barreiras de corais naturais, no Sul do Pacifico, este arquipélago está lentamente a ser consumido pelo oceano. A capital, Choiseul, encontra-se apenas a dois metros do nível médio do mar, e uma nova cidade está a ser construída para recolocar os habitantes. Segundo um estudo publicado pela revista académica, Environmental Research Letters, em 2016, cinco ilhas já desapareceram e várias vilas já foram destruídas.

3palau

8. Palau
O pequeno arquipélago localizado no Sul do Pacifico,encontra-se ameaçado pelo mar. Segundo um estudo publicado em colaboração entre o Palau National Weather Service Office e o Pacific Climate Change Science Program, o nível médio do oceano tem aumentado cerca de nove milímetros por ano, desde 1993. Três vezes mais do que qualquer outra parte do globo. É previsto que até 2090, aumente quase 61 centímetros.

4Micronesia

9. Micronesia
Este país formado por mais de 600 ilhas, está localizado a 4023 quilómetros do Havai, no Oceano Pacifico. Os cerca de 700 quilómetros quadrados de areal estão lentamente a desaparecer. O Journal of Coastal Conservation afirmou que a nação tem visto recentemente várias ilhas desaparecerem, e outras a reduzir de tamanho.

5fiji

10. Fiji
Sem grandes elevações no terreno, estas ilhas do Pacifico são bastante vulneráveis às mudanças do nível médio do mar. A primeira cidade que viu os seus habitantes a serem recolocados, foi Vunidogoloa. Segundo dados do The World Bank, nas ultimas décadas algumas vilas têm perdido entre 15 a 20 centímetros de costa, devido ao desaparecimento do manguezal. É previsto que em 2050, o nível médio do oceano tenha aumentado 43 centímetros.

9Cook island

11. Ilhas Cook
Descrita pelos turistas como «o Havai de há 50 anos», estas ilhas da Nova Zelândia estão seriamente ameaçadas pela constante ameaça do oceano. É previsto que o nível médio do mar aumente cerca de 55 centímetros, até ao ano de 2090. Esta constante subida pode provocar danos nas estradas, pontes, portos e aeroportos, afetando os residentes e turistas.

10PolinF

12. Polinésia Francesa
Destinos populares como Bora Bora, Taiti e o Arquipélago da Sociedade, fazem parte da Polinésia Francesa e encontram-se ameaçados pelo mar. Num artigo publicado no jornal ambiental, Nature Conservation, é previsto que mais de 30 por cento das suas ilhas sejam submergidas pelo oceano, até ao final do século. De forma a evitar a mudança para um novo país, o governo está a considerar construir ilhas artificiais para os habitantes, perto do Taiti.

11Virginia

13. Ilhas de Tangier, Virgínia
Esta ilha localiza-se a cerca de 19 quilómetros da costa este do estado de Virgínia, e apenas é acessível através de barco ou avião. Possui praias naturais, lojas encantadores e diversas gelatarias. As bicicletas e os carros de golf inundam as ruas estreitas. Mas mais de 60 por cento da ilha perdeu-se para o mar, desde 1850, segundo o site Nature.com. O restante é previsto ficar submerso entre os próximos 25 e 50 anos.

12marshall

14. Ilhas Marshall
Este grupo de ilhas situa-se entre a Austrália e o Havai, e é conhecida pelos seus acolhedores habitantes e barreiras de corais. Com um aumento crescente de 7 milímetros por ano, o dobro do aumento global, o nível médio do mar ameaça cada vez mais a ilha. Numa pesquisa feita pelo Marshall Islands National Wather Service Office e o Pacific-Australia Climate Change Science and Adaptation Planing Program, é estimado que o nível do oceano suba cerca de 19 centímetros, até 2030.

Ioane Teitiota.

Ioane Teitiota pode ser o primeiro refugiado por motivo de mudança climática do mundo.

O Comitê de Direitos Humanos considerou ilegal que os governos devolvam pessoas a países onde, devido aos efeitos das mudanças climáticas, estão expostas a fatores que podem pôr em risco suas vidas, disse que “os efeitos das mudanças climáticas podem expor as pessoas a uma violação de seus direitos”. Para Kate Schuetze, pesquisadora da organização Anistia Internacional, a decisão “estabelece um precedente global”.

Ilheze-se: Era da Pilhagem, Ilha de Saaremaa by Saskia Doehler, Moradora de ilha grega paradisíaca dá casa e salário para quem cuidar de seus gatos, Homem planta uma árvore por dia por 40 anos em ilha remota, A ilha de lixo, Medicinal Vibes

Uma resposta para “ILHAS PARA VISITAR ANTES QUE ELAS SUMAM DO MAPA”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s