Um dia, um ladrão

Um Dia, Um Ladrão. Pato FuTelevisão de Cachorro

Um dia não vai dar pra voltar atrás
Se tenho a vida em minhas mãos
Não quero pensar que devo deixar pra lá
O que eu não quero deixar

Um dia esse tempo vai ficar pra trás
E o que vai ser desse rapaz?
Um carro corre pra chegar logo a um lugar
É lá que eu quero estar

Você não vai, não vou também
Se vai ficar, estou aqui
Não vou deixar escapar
Não vou deixar você me escapar

Se o acaso decidir, não vai ficar assim
E o que vai ser dessa vez?
Por mim, motivos pra roubar,
Matar, mentir, trair a astuta lei
Temos no bolso e coração
Você vai não…
Estou aqui…
Não vou deixar escapar
Não vou deixar você me escapar
Um dia só me bastaria pra fugir
Pra anos-luz daqui
Mas tenho o sangue vulgar
Volto a ficar
Perto demais p’ra enxergar
Você não vai, não vou também
Se vai ficar, estou aqui
Não vou deixar escapar
Não vou deixar você me escapar

Compositor: John. vagalume

Palavras Perdidas: Na Medida do Impossível ao Vivo no Inhotim, Perto do Fogo, Clarice Lispector do Samba, Clara Nunes., Falando sobre Pato Fu, Brinquedos e brigadeiros, Brô Mc´s, Os tampinhas, De Quem é a Culpa?, Faça uma Evolução, Sobre O Tempo, Feliz Natal (A Guerra Acabou)

4 respostas para “Um dia, um ladrão”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s