Brazil, o filme

Brazil não é um filme para ser visto comendo pipoca e nem é do tipo que é esquecido quando os créditos ainda estão passando na tela, produzido em 1985 por Terry Gilliam, um dos integrantes do grupo Monty Python, Brazil trata de forma cômica a desilusão com um futuro sombrio, sem esperança em um estado totalitário e opressor. Woo! Magazine


O filme vislumbrou 31 anos atrás a vigilância e totalitarismo das redes de informação atuais e a dissidência de hackers – aqui representado por “encanadores” free-lancers, considerados dissidentes terroristas. Direitos individuais inexistem e qualquer um pode ser condenado e executado através de “provas” recolhidas pelo Ministério da Informação. Alguém pode ser morto por engano, mas tudo foi feito com “boa-fé”. Em tempos onde policiais federais aparecem na mídia como heróis hollywoodianos, “Brazil, O Filme” torna-se amargamente atual. Cinegnose

Enxergue mais: Enxergue: VANUSA SABBATH, DIA DO ROCK, DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS, LUMINESCE™ CELLULAR REJUVENATION SERUM, INSTANTLY AGELESS ™, HINO NACIONAL EM DIALETO TICUNA, PANCADARIA DO Ó, FOR WHAT IT’S WORTH 1967, O PAI DE TODOS OS MASH-UPS DO ROCK, Global Citizen Festival

Editado via celular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s