Malucos de Estrada: a reconfiguração do movimento hippie no Brasil

Sonhos, arte, poesia, cooperação, liberdade, revolução, desapego, igualdade, lutas… Sentimentos e ações que muitas vezes reprimimos em razão dos padrões sociais pré-estabelecidos, mas que são vividos intensamente por homens e mulheres que botaram uma mochila nas costas e o pé na estrada. Bernardo Sommer – Despertar Coletivo

Os ‘malucos de estrada’ são os protagonistas/atores sociais de uma expressão cultural brasileira que apresenta características singulares, comportando uma cosmovisão, práticas, estilos de vida, fazeres e saberes que conferem suas matizes características. hypeness

Rafael Lage, fotógrafo e artesão, é o diretor do longa metragem Malucos de Estrada – Cultura de BR

Vídeo: Malucos de Estrada – A reconfiguração do movimento “hippie” no Brasil. Coletivo Beleza da Margem – Vimeo

O filme dialoga com os problemas enfrentados por quem busca essa forma de vida, com o tempo, percebemos que não bastava denunciar a violência do Estado, pois ela, em sua raiz, era fruto do preconceito e do enorme desconhecimento da sociedade sobre quem são estas pessoas.

a-20_1024x683

Anúncios

Um comentário sobre “Malucos de Estrada: a reconfiguração do movimento hippie no Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s