Transtorno do Espectro Autista (TEA)

Os Transtornos do Espectro do Autismo (TEA) referem-se a um grupo de transtornos caracterizados por um espectro compartilhado de prejuízos qualitativos na interação social, associados a comportamentos repetitivos e interesses restritos pronunciados (Brentani et al, 2013). AUTISMO & REALIDADE

tea_autismo

Deve preencher os critérios 1, 2 e 3 abaixo:

Déficits clinicamente significativos e persistentes na comunicação social e nas interações sociais, manifestadas de todas as maneiras seguintes:
Déficits expressivos na comunicação não verbal e verbal usadas para interação social;
b. Falta de reciprocidade social;
c. Incapacidade para desenvolver e manter relacionamentos de amizade apropriados para o estágio de desenvolvimento.
Padrões restritos e repetitivos de comportamento, interesses e atividades, manifestados por pelo menos duas das maneiras abaixo:
Comportamentos motores ou verbais estereotipados, ou comportamentos sensoriais incomuns;
b. Excessiva adesão/aderência a rotinas e padrões ritualizados de comportamento;
c. Interesses restritos, fixos e intensos.
Os sintomas devem estar presentes no início da infância, mas podem não se manifestar completamente até que as demandas sociais excedam o limite de suas capacidades. DSM-V : Transtorno do Espectro do Autismo

autismo

autism2-675x329

“O importante não é o que se dá, mas o amor com que se dá.” Madre Teresa de Calcutá

Contribua com a causa: Autismo, uma Realidade.

casadedavi

Entenda mais: FERNANDA SAZUKI, POSITIVIDADE, RELIGIÃO MENTAL, DEPRESSÃO MASCULINA, NICK CAVE, A ULTIMA CEIA, SURFISTA PRATEADO VS DR. MANHATTAN, MINHA CRENÇA MORTA, LEI ROUANET, ANESTESIA MENTAL.

9 respostas para “Transtorno do Espectro Autista (TEA)”

  1. Sou Pedagoga, trabalho como mediadora de uma criança de 02 anos de idade (TEA).
    Estou sentindo bastante dificuldade para desenvolver o meu trabalho, embora apaixonada pelo desconhecido, mais não vou desistir. Preciso de orientação, pois comecei o curso de especialização há um dia e, já tenho um mês trabalhando com essa maravilha de criança e que família quer de qualquer jeito que ele fale. Quais às técnicas a serem usadas, para que ele se sinta bem e venha romper esse casulo?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s